Abrir menu principal

Edward (Edmund) Stone (Buckinghamshire, Inglaterra, 1702Buckinghamshire, 1768), foi um reverendo da Igreja Anglicana, responsável pela descoberta do ingrediente ativo ácido salicílico. Estudou Wadham College, um dos colegiados que contituem a Universidade de Oxford. Stone observou que a casca do salgueiro (Salix alba) tinha ação em pacientes febris.[1] Em 25 de abril de 1763 enviou uma carta ao Lord Macclesfield, presidente da Royal Society, reportando sobre sua descoberta.[2]

Foi eleito membro da Royal Society em 1725.

Referências

  1. «A descoberta da aspirina». Consultado em 1 de março de 2009 
  2. «Más de 100 años La historia de aspirina» (em espanhol). Consultado em 1 de março de 2009. Arquivado do original em 1 de agosto de 2008 
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.