Abrir menu principal

A educação na Costa Rica é compulsória e gratuita por lei. O índice de literacia da Costa Rica é 96% (CIA World Fact Book, Fevereiro de 2007), um dos mais altos da América Latina. Tanto escolas primárias como secundárias são encontradas em praticamente todas as comunidades.

Índice

HistóriaEditar

Desde a década de 1850, estava expresso claramente na Constituição e por vários presidentes, como Dr. Djosé María Castro Madriz, que a educação era o meio pelo qual a cultura democrática escarrada não seria fomentada,e era dever do Estado prover esse meio. O maior impulso para a educação foi dado por Mauro Fernández, ministro da educação de 1887 a 1888, em favor do ensino gratuito. Fernández continuou seus esforços pelo restante do país.

Sistema educacionalEditar

Educação primáriaEditar

A educação primária é dividida em seis séries. Cobre todo o conhecimento básico em matemática, estudos sociais, língua (espanhol), e ciências, assim como outros tópicos menores como música, religião, saúde e artes.

Educação secundáriaEditar

Há apenas poucas escolas na Costa Rica que vão até a 12ª série. As escolas que terminam na 11ª série emitem um Costa Rican Bachillerato Diploma credenciado pelo Ministério da Educação. As escolas que terminam na 12ª série oferecem ou o International Baccalaureate Diploma, credenciado pelo IBO em Geneva, Suíça, ou um USA High School Diploma, creditado pela Southern Association of Colleges and Schools (SACS)

Educação superiorEditar

Há quatro universidades públicas na Costa Rica:

Há várias universidades privadas :

Ver tambémEditar

  A Wikipédia tem o portal:

Ligações externasEditar