Abrir menu principal

Wikipédia β

El Chapulín Colorado (personagem)

Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Chapolin Colorado
El Chapolin Colorado.jpg
Nome completo Chapulín Colorado Lane
Nome original El Chapulín Colorado
Outro(s) nome(s) Polegar Vermelho
Vermelhinho
Nascimento 1º de Setembro
Idade 35
Origem  México
Sexo Masculino
Espécie Humano
Ocupação Super-herói
Família Pantaleón Colorado y Roto (pai)
Lois Joanne Lane (mãe)
Aquiles Esquivel "Chompiras" da Silva (primo)
Criado por Roberto Gómez Bolaños
Dublagem Marcelo Gastaldi (Dublagem Maga)
Sérgio Galvão (Dublagem BKS e Parisi)
Cassiano Ricardo (Dublagem Gota Mágica)
Tatá Guarnieri (Dublagem Studio Gábia)
Daniel Müller
Série(s) El Chapulin Colorado
El Chapulín Colorado Animado
Filme(s) Chapolin Colorado: Aventuras em Marte (por SBT)
Temporada(s) 7
Primeira aparição "A Antiga Coruja Chinesa" (1970) (como Esquete do Programa Chespirito)
"A Casa Mal Assombrada" (1973) (como Série Original)
"Problemas na Granja" (1980) (como Esquete do Programa Chespirito)
"O Anel Perdido" (2015) (como Desenho Animado)
Última aparição "A Chorona" (1973) (como Esquete do Programa Chespirito)
"A Despedida de Chapolin" (1979) (como Série)
"Mulher Tirana, Marido Banana" (1992) (como Esquete do Programa Chespirito)
Época(s) Anos 70
Interpretado por Roberto Gómez Bolaños
Internet Movie Database El Chapulín Colorado no IMDb
Espécie Humano

El Chapulín Colorado (conhecido como Chapolin Colorado no Brasil) (literalmente: "O Grilo/Gafanhoto Vermelho") é um personagem fictício da série de televisão mexicana de mesmo nome. Este super anti-herói é raro, não tem os super poderes e qualidades de outros heróis, mas consegue superar as suas deficiências e superar seus problemas, aí reside a grandeza do ser humano. Ele usa um uniforme vermelho cobrindo todo o corpo.

No capuz vermelho saem duas anteninhas de vinil e sobre o peito está estampado o seu escudo, um coração amarelo contendo as iniciais CH. Para chamá-lo, alguém tem que dizer: "Oh, e agora? Quem poderá me defender/ajudar?" Ele aparece, e quem chamou diz: "Oh! O Chapolin Colorado".

Índice

Afiliações e Origem do NomeEditar

Seu nome completo é Chapulín Colorado Lane. Seu pai chamava-se Pantaleón Colorado y Roto, e era primo de segundo grau de Juan Colorado (um cantor mariachi) e neto de Chucho el Roto (um lendário bandido mexicano).

Em um episódio de 1989, o herói revelou a origem de seu nome. Segundo o próprio, seu nome "Chapulín", foi escolhido por um de seus padrinhos, que era entomologista. Este seu padrinho fez um sorteio entre 4 nomes de insetos: Chapulin (gafanhoto), gorgojo (gorgulho), escarabajo (besouro) e libélula, ao que foi escolhido "Chapulín". E o "Colorado" de seu sobrenome veio seu pai. Já "Lane" é o sobrenome de sua mãe. Perguntado se ele era filho de Lois Lane, Chapolin deu a entender que sim, que de fato era filho da namorada de Clark Kent, o Super-Homem[1]. Como o nome de Pantaleón Colorado y Roto pode ser traduzido como "Pequena Calça Vermelha", subliminarmente entende-se que Chapolin é filho de Lois Lane com o Super-Homem.

Em um capítulo em que Chapulín treme e transpira de medo, ele menciona que seu pai era da região de Río Frío de Juárez e sua mãe de Aguascalientes.

Armas e acessóriosEditar

  • Pastilhas Encolhedoras ou Pílulas de Polegarina/nanicolina (pastillas de chiquitolina): geralmente só Chapolin as toma, mas faz efeito com qualquer pessoa. Quem tomar, fica reduzido a um tamanho de 20 cm durante cerca de quinze minutos. É útil para se esconder, passar por baixo de portas e ter acesso a locais antes inacessíveis. Em alguns episódios elas são chamadas de "Pílulas de Polegarina" ou "Pílulas de Nanicolina".
  • Anteninhas de Vinil (antenitas de vinil): captam (muito mal) todos os sinais de rádio do Universo. Entendem e traduzem todos os idiomas do Sistema Solar e avisam Chapolin da presença de algum inimigo. Elas começam a apitar e ele diz "Silêncio, silêncio... Minhas anteninhas de vinil estão detectando a presença do inimigo.". As anteninhas têm cerca de 30 cm de comprimento e são enfeitadas com pompons bicolores (vermelho e amarelo).
  • Corneta/buzina Paralisadora (chicharra paralizadora): com uma buzinada, o indivíduo fica paralisado. Só volta a se mexer se a corneta for novamente apontada para ele com o disparo de duas buzinadas. Útil para tirar um sarro dos inimigos, colocando-os em situações hilárias. Também pode paralisar os objetos. Aparece em A Corneta Paralisadora e A Volta da Corneta Paralisadora.
  • Marreta Biônica (chipote chillón): vem às mãos do herói com um único chamado. Assim como Chapolin, a marreta aparece do nada, é só ele pensar nela. Útil para dar boas marteladas nos inimigos quando ele é obrigado a usar de métodos mais "rígidos" de fazer justiça. É uma espécie de martelo com cabeça dupla simétrica de plástico vermelho e com um cabo amarelo.
  • Corda (Cuerda): só foi vista na série brasileira e no gibi ele usa para amarrar um inimigo após derrotá-lo ela tem as cores amarelo e vermelho.

BordõesEditar

 
Um gafanhoto-do-milho vivo em cima das folhas.
 
Um chapulín, isto é, um gafanhoto-do-milho frito.
  • "Suspeitei desde o princípio!"
  • "Não contavam com minha astúcia!"
  • "Eu!"
  • "Fiz isso intencionalmente para..."
  • "Todos os meus movimentos são friamente calculados."
  • "Era exatamente o que eu ia dizer."
  • "Se aproveitam de minha nobreza."
  • "Eu acho..." - e, logo em seguida, alguém o interrompe
  • "Sim, eu vou... (ou pego/faço...)" - quando o obrigam a fazer algo que ele não quer ou tem medo de fazer
  • "Sigam-me os bons!"
  • "Palma, palma, não priemos cânico!"
  • "O que será que ele quis dizer?"
  • "Não. Ou sim?..." - e se repete constantemente, até que alguém o interrompa
  • "Já diz um velho e conhecido ditado/refrão..." - e procede a misturar dois ou mais ditos populares, resultando em uma frase sem sentido, mas cômica
  • "Silêncio, silêncio ! Minhas anteninhas de vinil estão detectando a presença do inimigo!"
  • "Se ele disser uma só palavra... é porque tem um vocabulário bem limitado."
  • "Se ele puser um só pé aqui... é porque é coxo/perneta."
  • "(reproduz as primeiras sílabas de uma palavra difícil que acabou de ser pronunciada) o quê?" - após a resposta da outra personagem, diz "Nossa!"

Ver tambémEditar

Referências

  1. tvefamosos.uol.com.br/ Chapolin completa 45 anos; veja dez curiosidades do herói latino

Ligações externasEditar