Abrir menu principal

Eleição das subsedes da Copa do Mundo FIFA de 2014

A eleição das sub-sedes da Copa do Mundo FIFA de 2014 foi feita após a escolha do Brasil como país-sede da Copa de 2014 entre as cidades brasileiras (e seus estádios) candidatas a acolher os jogos da competição. Assim, 22 cidades brasileiras se candidataram para receber os jogos da Copa (as capitais Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, João Pessoa,[1] Maceió, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife/Olinda (candidatura conjunta), Rio Branco, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, Teresina,[2] além da cidade de Campinas no interior do estado de São Paulo[3]). Após feito um laudo de diagnóstico nessas 22 cidades, três candidatas foram eliminadas: João Pessoa, Teresina e Campinas, restando então dezoito cidades para sediar as partidas da copa no Brasil. Em janeiro de 2009, a cidade de Maceió desistiu,[4] restando dezessete cidades. Inicialmente havia a candidatura conjunta de Recife com Olinda, mas o projeto do estádio foi modificado e a localização transferida para São Lourenço da Mata, com a candidatura passando a ser designada apenas como de Recife. A FIFA limita o número de cidades-sedes entre oito e dez, entretanto a organização cedeu aos pedidos da CBF e concedeu permissão para que se utilizem doze sedes no mundial.

Dentre as dezessete cidades postulantes à Copa, destacou-se na avaliação preliminar da FIFA em setembro a apresentação da cidade de São Paulo (Morumbi), uma das cidades candidatas para a abertura do torneio, junto com Belo Horizonte (Mineirão) e Brasília (Mané Garrincha). Contudo, diante do fato de São Paulo não ter um estádio definido, Salvador lançou-se na disputa para abrigar o jogo de abertura do evento.[5]

Apesar das críticas internas feitas ao projeto da cidade do Rio de Janeiro, é consenso que a cidade deve sediar a final, tornando o Maracanã, o segundo estádio do mundo a receber duas finais de copas, após o Estádio Azteca, na Cidade do México. Durante os meses de janeiro e fevereiro de 2009, uma comissão da FIFA visitou todas as cidades candidatas. A divulgação da lista com as cidades escolhidas seria anunciada em 20 de março de 2009, porém a Fifa só fez o anúncio em 31 de maio de 2009.[6][7]

No dia 31 de maio de 2009, foram anunciadas as sedes oficiais da copa do mundo. A lista anunciou as doze cidades listadas abaixo, ficando de fora as candidaturas de Belém, Campo Grande, Florianópolis, Goiânia e Rio Branco[8] No dia 16 de junho de 2010, o Morumbi foi excluído do projeto pois o Comitê da Cidade de São Paulo não entregou as garantias financeiras referentes ao projeto do estádio ao Comitê Organizador Local da Copa.[9][10]

Índice

SedesEditar

Rio de Janeiro, RJ Brasília, DF São Paulo, SP Fortaleza, CE
Estádio do Maracanã Estádio Nacional Arena Corinthians Estádio Castelão

22° 54′ 43,8″ S, 43° 13′ 48,59″ O

15° 47′ 00,6″ S, 47° 53′ 56,99″ O

23° 32′ 43,91″ S, 46° 28′ 24,14″ O

3° 48′ 26,16″ S, 38° 31′ 20,93″ O

Capacidade: 74 738[11]
(reformado)
Capacidade: 69 349[12]
(novo)
Capacidade: 62 601[13]
(novo)
Capacidade: 60 342[14]
(reformado)
       
Belo Horizonte, MG Porto Alegre, RS
Estádio Mineirão Estádio Beira-Rio

19° 51′ 57″ S, 43° 58′ 15″ O

30° 03′ 56,21″ S, 51° 14′ 09,91″ O

Capacidade: 58 170[15]
(reformado)
Capacidade: 43 394[16]
(reformado)
   
Salvador, BA Recife, PE
Arena Fonte Nova Arena Pernambuco

12° 58′ 43″ S, 38° 30′ 15″ O

8° 02′ 24″ S, 35° 00′ 29″ O

Capacidade: 51 900[17]
(novo)
Capacidade: 42 610[18]
(novo)
   
Cuiabá, MT Manaus, AM Natal, RN Curitiba, PR
Arena Pantanal Arena Amazônia Estádio das Dunas Arena da Baixada

15° 36′ 11″ S, 56° 07′ 14″ O

3° 04′ 59″ S, 60° 01′ 41″ O

5° 49′ 44,18″ S, 35° 12′ 49,91″ O

25° 26′ 54″ S, 49° 16′ 37″ O

Capacidade: 41 112[19]
(novo)
Capacidade: 40 549[20]
(novo)
Capacidade: 39 971[21]
(novo)
Capacidade: 39 631[22]
(reformado)
       

Sedes de treinamentoEditar

Em 31 de janeiro de 2014 a FIFA e o Comitê Organizador Local divulgaram os locais de treinamento das 32 seleções participantes.[23][24]

Equipe Cidade Estado Equipe Cidade Estado
  Alemanha   Santa Cruz Cabrália   Bahia   Estados Unidos   São Paulo   São Paulo
  Argélia   Sorocaba   São Paulo   França   Ribeirão Preto   São Paulo
  Argentina   Vespasiano   Minas Gerais   Gana   Maceió   Alagoas
  Austrália   Cariacica   Espírito Santo   Grécia   Aracaju   Sergipe
  Bélgica   Mogi das Cruzes   São Paulo   Honduras   Porto Feliz   São Paulo
  Bósnia e Herzegovina   Guarujá   São Paulo   Inglaterra   Rio de Janeiro   Rio de Janeiro
  Brasil   Teresópolis   Rio de Janeiro   Irã   Guarulhos   São Paulo
  Camarões   Cariacica   Espírito Santo   Itália   Mangaratiba   Rio de Janeiro
  Chile   Belo Horizonte   Minas Gerais   Japão   Itu   São Paulo
  Colômbia   Cotia   São Paulo   México   Santos   São Paulo
  Coreia do Sul   Foz do Iguaçu   Paraná   Nigéria   Campinas   São Paulo
  Costa do Marfim   Águas de Lindóia   São Paulo   Países Baixos   Rio de Janeiro   Rio de Janeiro
  Costa Rica   Santos   São Paulo   Portugal   Campinas   São Paulo
  Croácia   Mata de São João   Bahia   Rússia   Itu   São Paulo
  Equador   Viamão   Rio Grande do Sul   Suíça   Porto Seguro   Bahia
  Espanha   Curitiba   Paraná   Uruguai   Sete Lagoas   Minas Gerais

Algumas sedes de treinamentoEditar

Ainda foram utilizados os estádios:

E centros de treinamento:

COT'sEditar

Além dos Centros de Treinamento a FIFA também utilizou 23 COT's (Campo Oficial de Treinamento) para o uso das seleções. Entre eles estão:

Ainda foram utilizados os centros de treinamento:

Candidaturas rejeitadasEditar

Candidaturas que não foram oficializadasEditar

Outras cidades que demonstraram interesseEditar

Além das dezoito candidaturas confirmadas, outras cidades brasileiras também demonstraram interesse.

  • Dourados: chegou a ser candidata para ser subsede no Mato Grosso do Sul, mas essa ideia foi abandonada logo depois.[27]
  • Guarulhos: o estádio estaria localizado próximo do Aeroporto Internacional de Guarulhos, entre as Rodovias Presidente Dutra e Ayrton Senna.[28]
  • Jundiaí: outra cidade paulista que demonstrou interesse para ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2014; seu projeto consistia na construção de uma arena multiúso, custeada pela iniciativa privada, entre as rodovias Anhanguera e dos Bandeirantes, o que facilitaria o acesso de torcedores vindos da capital do estado.[29]

Referências

  1. A capital paraibana indicou o Estádio José Américo de Almeida Filho (Almeidão), com capacidade de 40 mil pessoas, que precisaria ser totalmente adaptado às normas da FIFA.
  2. A capital piauiense indicou o Estádio Governador Alberto Tavares Silva (Albertão), que precisaria de reformas caso fosse sediar a Copa.
  3. A cidade paulista tinha o projeto de construção de uma nova arena: GloboEsporte.com: Campinas tem seu projeto secreto
  4. «Cópia arquivada». Consultado em 1 de junho de 2009. Arquivado do original em 30 de maio de 2009 
  5. FRAZÃO, Heliana (29 de agosto de 2010 às 13h 48min). «Salvador que sediar abertura da Copa de 2014». Consultado em 29 de agosto de 2010  Verifique data em: |data= (ajuda)
  6. «Comissão mostra projeto para Natal ser sede da copa». Tribuna do Norte. 25 de janeiro de 2009. Consultado em 29 de janeiro de 2009. Arquivado do original em 30 de maio de 2009 
  7. «Blatter confirma 12 sedes na Copa de 2014». Lance!. 28 de janeiro de 2009. Consultado em 29 de janeiro de 2009. Arquivado do original em 28 de fevereiro de 2009 
  8. [1] Globo Esporte
  9. «COMUNICADO COL/FIFA». CBF.com.br. 16 de junho de 2010. Consultado em 16 de junho de 2010. Arquivado do original em 19 de junho de 2010 
  10. «Morumbi está fora da Copa 2014». GloboEsporte.Globo.com. 16 de junho de 2010. Consultado em 16 de junho de 2010 
  11. «Estádio do Maracanã - Rio de Janeiro». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  12. «Estádio Nacional - Brasília». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  13. «Arena de São Paulo - São Paulo». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  14. «Estádio Castelão - Fortaleza». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  15. «Estádio Mineirão - Belo Horizonte». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  16. «Estádio Beira-Rio - Porto Alegre». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  17. «Arena Fonte Nova - Salvador». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  18. «Arena Pernambuco - Recife». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  19. «Arena Pantanal - Cuiabá». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  20. «Arena Amazônia - Manaus». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  21. «Estádio das Dunas - Natal». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  22. «Arena da Baixada - Curitiba». FIFA. Consultado em 3 de abril de 2014 
  23. «Definidos os Centros de Treinamento». FIFA.com. 31 de janeiro de 2014. Consultado em 13 de fevereiro de 2014. Arquivado do original (PDF) em 9 de fevereiro de 2014 
  24. «Sedes de treinamento das seleções» (PDF). FIFA.com. Consultado em 13 de fevereiro de 2014 
  25. CT do Grêmio é barrado, e Olímpico vira campo de treinamento para Copa
  26. GloboEsporte.com: Barueri constrói estádio para Copa de 2014
  27. «Dourados poderá sediar jogos da Copa em 2014». Prefeitura Municipal de Dourados. 15 de fevereiro de 2004. Consultado em 29 de janeiro de 2009 
  28. Gazeta online[ligação inativa]
  29. esportes Yahoo

Ver tambémEditar