Abrir menu principal

Eleições estaduais no Rio de Janeiro em 2006

Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis e independentes (desde junho de 2017). Fontes primárias, ou com conflitos de interesse, não são adequadas para verbetes enciclopédicos. Ajude a incluir referências.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

As eleições estaduais no Rio de Janeiro em 2006 ocorreram, juntamente com as eleições nacionais nos dias e 29 de outubro. Estas elegeram um governador, um senador, 46 deputados federais e 70 deputados estaduais. Na eleição para governador, o jornalista e senador Sérgio Cabral Filho, do Partido do Movimento Democrático Brasileiro, foi eleito em segundo turno, derrotando a juíza e deputada federal Denise Frossard, do Partido Popular Socialista. Para o senado, foi eleito Francisco Dornelles, do Partido Progressista.

2002 Brasil 2010
Eleições estaduais no  Rio de Janeiro em 2006
1 de outubro de 2006 (primeiro turno)
29 de outubro de 2006 (segundo turno)
Sergiocabral2006.jpg Frossard118756.jpeg
Candidato Sérgio Cabral Filho Denise Frossard
Partido PMDB PPS
Natural de Rio de Janeiro, RJ Carangola, MG
Vice Pezão
(PMDB)
Eider Dantas
(PPS)
Votos 5 129 064 2 413 546
Porcentagem 68,00% 32,00%


Brasão do estado do Rio de Janeiro.svg
Governador do Rio de Janeiro

Índice

CandidatosEditar

GovernadorEditar

Foto Candidato(a) Vice Partido Coligação
  Alexandre Furtado Carlos Eduardo Pinheiro de Carvalho PSL -
  Carlos Lupi Carlos Correia PDT
(PDT e PTdoB)
  Denise Frossard Eider Dantas PPS Unir para Mudar
(PPS, PFL e PV)
  Eduardo Paes Maria Estela Kubitschek Lopes PSDB -
  Eliane Cunha Valter José Raulino de Macedo PRP -
  Milton Temer Eliomar Coelho PSOL "Frente de Esquerda"
(PSOL, PCB e PSTU)
  Luiz Novaes Miguel Mendonça Pinheiro PSDC -
  Marcelo Crivella José Carlos de Assis PRB "Crescendo com o Rio"
(PRB, PTN e PRTB)
  Sérgio Cabral Filho Luiz Fernando Pezão PMDB "Unidos pelo Rio"
(PMDB, PP, PSC, PL, PTB, PAN, PMN, PRONA e PTC)
  Thelma Maria Bastos Angélica Rodrigues Veloso PCO -
  Vladimir Palmeira Adelgicio Emidio de almeida PT "Um Rio Para Todos"
(PT, PSB e PCdoB)

SenadorEditar

Foto Candidato(a) Partido
  Alfredo Sirkis PV
  Edialeda Nascimento PDT
  Francisco Dornelles PP
  Irvânio dos Santos
Substituiu Jimmy Pereira
PSDC
  Jandira Feghali PCdoB
  Luiz Henrique Mendonça Valente PSL
  Ornisson Fernandes PHS
  Oswaldo Souza PRP
  Alfredo Sirkis PV
  Raymundo de Oliveira PCB
  Ronaldo Cezar Coelho PSDB
  Rosângela Gomes PRB

ResultadosEditar

Governador - primeiro turnoEditar

Resultados do 1º Turno das Eleições no Rio de Janeiro - 2006
Porcentagem(%)
Sergio Cabral
  
41,42%
Denise Frossard
  
23,78%
Marcelo Crivella
  
18,53%
Vladimir Palmeira
  
7,66%
Eduardo Paes
  
5,33%
Carlos Lupi
  
1,52%
Milton Temer
  
1,44%
Luiz Novaes
  
0,09%
Eliane Cunha
  
0,08%
Alexandre Furtado
  
0,06%
Thelma Maria
  
0,05%
[discussão] – [editar]
Candidatos Votos
(1º turno)
%
Sérgio Cabral Filho (PMDB)
3 422 528 41,42
Denise Frossard (PPS)
1 965 003 23,78
Marcelo Crivella (PRB) 1 531 431 18,53
Vladimir Palmeira (PT) 633 601 7,66
Eduardo Paes (PSDB) 440 484 5,33
Carlos Lupi (PDT) 125 735 1,52
Milton Temer (PSOL) 118 936 1,44
Luiz Novaes (PSDC) 7 869 0,09
Eliane Cunha (PRP) 7 215 0,08
Alexandre Furtado (PSL) 5 304 0,06
Thelma Maria (PCO) 4 178 0,05

Em verde estão os candidatos que foram para o segundo turno

Governador - segundo turnoEditar

Resultados do 2º Turno das Eleições no Rio de Janeiro - 2006
Porcentagem(%)
Sergio Cabral
  
68,00%
Denise Frossard
  
32,00%
[discussão] – [editar]
Candidatos Votos
(1º turno)
%
Sérgio Cabral Filho (PMDB) - eleito
5 129 064 68%
Denise Frossard (PPS) 2 413 546 32%

SenadorEditar

Resultados do 1º Turno das Eleições para Senador no Rio de Janeiro - 2006
Porcentagem(%)
Francisco Dornelles
  
45,86%
Jandira Feghali
  
37,53%
Sirkis
  
6,75%
Ronaldo Cezar Coelho
  
5,03%
Rosangela Gomes
  
3,59%
Edialeda Nascimento
  
0,82%
Raymundo Teodoro
  
0,23%
Luiz Henrique
  
0,06%
Oswaldo Souza
  
0,03%
Irvanio dos Santos
  
0,03%
Ornissom Fernandes
  
0,03%
[discussão] – [editar]
Candidatos Votos
(1º turno)
%
Francisco Dornelles (PP)
3 373 731 45,86
Jandira Feghali (PCdoB) 2 761 216 37,53
Alfredo Sirkis (PV) 497 156 6,75
Ronaldo Cezar Coelho (PSDB) 370 080 5,03
Rosangela Gomes (PRB) 264 155 3,59
Edialeda Nascimento (PDT) 60 527 0,82
Raymundo Teodoro (PCB) 16 990 0,23
Luiz Hanrique Mendonça Valente (PSL) 4 869 0,06
Oswaldo Souza (PRP) 2 611 0,03
Irvanio dos Santos (PSDC) 2 496 0,03
Ornisson Fernandes (PHS) 2 292 0,03

Deputados federais eleitosEditar

São relacionados os 46 candidatos eleitos ao cargo de deputado federal pelo estado do Rio de Janeiro que assumiram o mandato em 1º de fevereiro de 2007.[1]

Candidato eleito Partido Votação Percentual
Fernando Gabeira PV 293.057 3,67%
Geraldo Pudim PMDB 272.457 3,41%
Rodrigo Maia PFL 235.111 2,95%
Andreia Zito PSDB 190.413 2,39%
Leonardo Picciani PMDB 173.211 2,17%
Nelson Bornier PMDB 132.933 1,67%
Eduardo Cunha PMDB 130.773 1,64%
Chico Alencar PSOL 119.069 1,49%
Hugo Leal PSC 112.789 1,41%
Edson Ezequiel PMDB 111.017 1,39%
Edson Santos[2] PT 105.114 1,32%
Alexandre Cardoso[3] PSB 102.617 1,29%
Solange Amaral PFL 101.428 1,27%
Jair Bolsonaro PP 99.700 1,25%
Simão Sessim PP 95.955 1,20%
Indio da Costa PFL 91.538 1,15%
Otavio Leite PSDB 90.629 1,14%
Sandro Matos[4] PTB 88.951 1,11%
Léo Vivas PRB 83.127 1,04%
Alexandre Santos PMDB 80.855 1,01%
Manoel Ferreira PTB 80.016 1,00%
Jorge Bittar[5] PT 79.947 1,00%
Luiz Sérgio PT 78.781 0,99%
Edmilson Valentim PCdoB 76.297 0,96%
Deley PSC 72.710 0,91%
Cida Diogo PT 70.540 0,88%
Marcelo Itagiba PMDB 70.057 0,88%
Solange Almeida PMDB 69.432 0,87%
Chico d'Ângelo PT 68.918 0,86%
Miro Teixeira PDT 68.352 0,86%
Fernando Lopes PMDB 66.522 0,83%
Bernardo Ariston PMDB 65.576 0,82%
Silvio Lopes PSDB 64.228 0,80%
Rogerio Lisboa PFL 64.184 0,80%
Brizola Neto PDT 62.091 0,78%
Carlos Santana PT 61.792 0,77%
Arolde de Oliveira[6] PFL 61.440 0,77%
Vinicius Carvalho PTdoB 59.524 0,75%
Marina Maggessi PPS 55.031 0,69%
Filipe Pereira PSC 51.062 0,64%
Adilson Soares PL 48.371 0,61%
Neilton Mulim PPS 44.671 0,56%
Leandro Sampaio PPS 44.575 0,56%
Renato Cozzolino PDT 39.108 0,49%
Felipe Bornier PHS 30.782 0,39%
Suely PRONA 23.459 0,29%

Deputados estaduais eleitosEditar

No Rio de Janeiro foram eleitos setenta (70) deputados estaduais.

Candidato Partido
Alair Corrêa PMDB
Aparecida Gama PMDB
Chiquinho da Mangueira PMDB
Délio Cesar Leal PMDB
Dica PMDB
Domingos Brazão PMDB
Édson Abertassi PMDB
Fábio Silva PMDB
Graça Matos PMDB
Jorge Picciani PMDB
Nelson Gonçalves PMDB
Paulo Melo PMDB
Pedro Augusto PMDB
Álvaro Lins[7] PMDB
Roberto Dinamite PMDB
Sulamita do Carmo PMDB
Alcides Rolim[8] PT
Alessandro Molon PT
Altineu Cortes PT
Inês Pandeló PT
Jorge Babu PT
Gilberto Palmares PT
Rodrigo Neves PT
Pedro Fernandes Neto PFL
Rodrigo Dantas PFL
Graça Pereira PFL
Natalino José Guimarães[9] PFL
Dr. Márcio Panisset[10] PFL
Marcelino d'Almeida[11] PFL
Gérson Bergher PSDB
Glauco Lopes PSDB
Luiz Paulo PSDB
Mário Marques PSDB
Pedro Paulo[12] PSDB
Zito[13] PSDB
Coronel Jairo PSC
Dr. Audir PSC
Marco Figueiredo PSC
Tucalo Dias PSC
Alcebíades Sabino dos Santos PSC
Professor Bruno Pinheiro PSB
Armando José PSB
Dr. Wilson Cabral PSB
Rogério Cabral PSB
Ronaldo Carlos de Medeiros PSB
Cidinha Campos PDT
Olney Botelho PDT
Paulo Ramos PDT
Sheila Gama[14] PDT
Wagner Montes PDT
Édino Fonseca PL
Waldeth Brasiel Rinaldi PL
Iranildo Campos PL
Alessandro Calazans PMN
Christino Áureo[15] PMN
David Loureiro Coelho PMN
José Nader Júnior PTB
Walney Rocha PTB
Renata do Posto[16] PTB
André Corrêa PPS
Comte Bitencourt PPS
Anabal PHS
Marcelo Simão PHS
Dionísio Lins PP
Flávio Bolsonaro PP
André do PV PV
Marcos Abrahão PSL
Jodenir Soares PTdoB
Fernando Gusmão PCdoB
Beatriz Santos PRB
Marcelo Freixo PSOL
João Peixoto PSDC
Jane Cozzolino[17] PTC

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

Referências

  1. «Folha Online - Especial - 2006 - Eleições - Apuração - Rio de Janeiro - Deputado Federal». Folha de S.Paulo. Consultado em 3 de outubro de 2018 
  2. Assumiu o suplente Antônio Carlos Biscaia, que o titular se licenciou.
  3. Assumiu o suplente Eduardo Lopes, que o titular se licenciou.
  4. Assumiu o suplente Paulo César da Guia Almeida, que o titular se elegeu prefeito de São João de Meriti.
  5. Assumiu o suplente Glauber Braga do PSB, que o titular se licenciou.
  6. Assumiu o suplente Ayrton Xerez, que o titular se licenciou.
  7. Assumiu o suplente Renato de Jesus do PMDB, que o titular foi cassado em 12 de agosto de 2008 por corrupção.
  8. Assumiu o suplente Caetano Amado do PR, que o titular renunciou para assumir o cargo de prefeito eleito de Belford Roxo.
  9. Assumiu o suplente Cláudio Cavalcanti do PFL, que o titular renunciou ao mandato em 18 de novembro de 2008 para evitar a abertura de seu processo de cassação.
  10. Assumiu o suplente Átila Nunes do PFL, que o titular se licenciou.
  11. Assumiu o suplente João Pedro Figueira do PFL, que o titular se licenciou.
  12. Assumiu o suplente Alice Tamborindeguy do PSDB, que o titular se licenciou para assumiu o cargo de secretário da Casa Civil do município do Rio.
  13. Assumiu o suplente Ademir Melo do PSDB, que o titular renunciou para assumir o cargo de prefeito eleito de Duque de Caxias.
  14. Assumiu o suplente Marcos Soares do PDT, que a titular renunciou para assumir o cargo de vice-prefeita eleita de Nova Iguaçu.
  15. Assumiu o suplente Geraldo Moreira da Silva Júnior do PMN, que o titular se licenciou para assumiu o cargo de Secretario de Agricultura do Governo Sérgio Cabral.
  16. Assumiu o suplente Raleigh Ramalho do PTB, que a titular foi cassada em 1° de abril de 2008 por corrupção.
  17. Assumiu o suplente Paulo Souto do PMN, que a titular foi cassada em 1° de abril de 2008 por corrupção e com a licença de Christino Áureo e a cassação de Nilton Salomão, por infidelidade partidária.
  Este artigo sobre política ou um cientista político é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.