Abrir menu principal

Elizabeth Percy, Duquesa de Northumberland

Elizabeth Percy
A Baronesa Percy em trajes de coroação com a coroa de uma baronesa, por Joshua Reynolds, entre 1757 e 1759.
Baronesa Percy
Reinado 7 de fevereiro de 17505 de dezembro de 1776
Antecessor(a) Algernon Seymour, 1.° Barão Percy
Sucessor(a) Hugh Percy, 3.° Barão Percy
Condessa de Northumberland
Reinado 7 de fevereiro de 175022 de outubro de 1766
Duquesa de Northumberland
Reinado 22 de outubro de 17665 de dezembro de 1776
Sucessor Anne Stuart
 
Cônjuge Hugh Percy, 1.° Duque de Northumberland
Descendência Elizabeth Anne Frances Percy
Hugh Percy, 2.° Duque de Northumberland
Algernon Percy, 1.° Conde de Beverley
Casa Seymour (por nascimento)
Percy (por casamento)
Nascimento 26 de novembro de 1716
Morte 5 de dezembro de 1776 (60 anos)
Enterro Abadia de Westminster, Londres, Inglaterra
Pai Algernon Seymour, 7.° Duque de Somerset
Mãe Frances Thynne

Elizabeth Percy, nascida Elizabeth Seymour (26 de novembro de 17165 de dezembro de 1776)[1] foi uma nobre britânica. Ela herdou o título suo jure 2.° baronesa Percy como sucessora de seu pai. Também foi condessa e duquesa de Northumberland pelo seu casamento com Hugh Percy, 1.° Duque de Northumberland.

Índice

FamíliaEditar

Elizabeth foi a única filha e segunda criança nascida de Algernon Seymour, 7.° Duque de Somerset e de Frances Thynne. Seus avós paternos eram Charles Seymour, 6.° Duque de Somerset e Elizabeth Percy. Seus avós maternos eram Henry Thynne, um membro do Parlamento, cujo pai era Thomas Thynne, 1.° Visconde Weymouth, e Grace Strode.

Ela tinha um único irmão, George Seymour, Visconde Beauchamp, que morreu aos 19 anos de idade, sem filhos.

BiografiaEditar

Em 16 de julho de 1740, aos 23 anos de idade, Elizabeth Seymour casou-se com o então Hugh Smithson, 4.° baronete Smithson de Stanwick, filho de Langdale Smithson e Philadelphia Reveley.

Após a morte de seu pai, em 7 de fevereiro de 1750, Elizabeth tornou-se baronesa Percy. No mesmo ano, Hugh adquiriu o condado de Northumberland, e mudou o nome da família de Smithson para Percy.

Em 22 de outubro de 1766, ela tornou-se duquesa quando o seu marido foi criado o primeiro duque de Northumberland.

De 1761 a 1770, a duquesa Elizabeth ocupou a posição na corte real de Lady of the Bedchamber, um tipo de dama de companhia, da rainha Carlota de Mecklemburgo-Strelitz.

Eles tiveram três filhos, uma menina e dois meninos. Hugh teve um filho ilegítimo, James Smithson, o fundador do Instituto Smithsoniano.

Elizabeth faleceu em 5 de dezembro de 1766, aos 60 anos de idade. A duquesa e o duque de Northumberland, o duque de Somerset, pai de Elizabeth, assim como outros membros da família Percy, estão enterrados no Jazigo de Northumberland, dentro da Abadia de Westminster, em Londres.[2]

LegadoEditar

Extratos retirados do diário de Elizabeth foram publicados por James Greig, em 27 de novembro de 1926, na revista britânica The Spectator.[3]

DescendênciaEditar

AscendênciaEditar


Referências

  1. The Peerage
  2. «Abadia de Westminster». Consultado em 16 de novembro de 2017. Arquivado do original em 31 de dezembro de 2015 
  3. The Diaries of a Duchess (The Spectator)
Precedida por:
Algernon Seymour, 1.° Barão Percy
Baronesa Percy
 

7 de fevereiro de 17505 de dezembro de 1776
Sucedida por:
Hugh Percy, 3.° Barão Percy