Grupo EP

grupo de mídia brasileiro
(Redirecionado de Empresas Pioneiras)

O Grupo EP (sigla para Empresas Pioneiras), anteriormente Grupo EPTV (entre 1989 e 2017), são um conglomerado brasileiro sediado em Campinas, São Paulo, que foi criado pelo empresário José Bonifácio Coutinho Nogueira em 1979. Com atuação no interior paulista e mineiro, atualmente controla 4 emissoras de televisão, 4 emissoras de rádio e 4 websites, totalizando 11 veículos, além de uma produtora de eventos, uma fundação e investimentos no setor do agronegócio e em startups. O Grupo EP também possui 33% do controle acionário da Rede Bahia, empresa sediada em Salvador, Bahia.

Grupo EP
Razão social Empresa Paulista de Televisão S/A
Sociedade anônima privada
Slogan Credibilidade é tudo
Atividade Mídia
Agronegócio
Capital semente
Fundação 1 de outubro de 1979 (42 anos)
Fundador(es) José Bonifácio Coutinho Nogueira
Sede Campinas, SP,  Brasil
Área(s) servida(s) São Paulo e Minas Gerais
Locais Campinas, Cosmópolis, Ribeirão Preto, São Carlos e Varginha
Presidente André Coutinho Nogueira[1]
Pessoas-chave José Bonifácio Coutinho Filho
Antônio Carlos Coutinho
Serviços Radiodifusão
Portal de notícias
Subsidiárias EPTV
EP Ventures
Ester Agroindustrial
Rede Bahia (33,33%)
Significado da sigla
  • Empresas
  • Pioneiras
[nota 1]
Website oficial empresaspioneiras.com.br

HistóriaEditar

Em 1976, o empresário, ex-secretário estadual e ex-presidente da Fundação Padre Anchieta, José Bonifácio Coutinho Nogueira, participa de uma concorrência pública para um novo canal de televisão em Campinas, São Paulo, e em 1.º de outubro de 1979, é inaugurada a TV Campinas, primeira afiliada à Rede Globo no interior paulista, sendo este o marco inicial das Empresas Pioneiras. Na década de 1980, são inauguradas novas emissoras em Ribeirão Preto (TV Ribeirão) e em Varginha, Minas Gerais (TV Sul de Minas), que em 1989, assumem a sigla EPTV. Em 1991, a rede de emissoras ganha a forma atual com a inauguração da emissora de São Carlos (EPTV Central).

Em 9 de janeiro de 2002, morre aos 78 anos o fundador do Grupo EPTV, José Bonifácio Coutinho Nogueira, vítima de uma insuficiência cardíaca.[2] As empresas passaram então a ser operadas por seus filhos, José Bonifácio Coutinho Filho e Antônio Carlos Coutinho. Ainda em 2002, o grupo adquire a Jovem Pan FM Araraquara (hoje CBN Araraquara), que somou-se com a rádio Regional FM (hoje CBN Ribeirão Preto), já pertencente ao grupo.[3] Em 2003, o Grupo EPTV adquire a Independência FM, hoje Jovem Pan FM Ribeirão Preto.[4]

Em maio de 2004, é criada a revista mensal Terra da Gente, baseada no programa homônimo exibido pela EPTV.[5] Em 2005, o Grupo EPTV adquire 50% do jornal A Cidade, centenário periódico publicado em Ribeirão Preto, e em 23 de abril de 2012, passou a deter 100% do controle acionário do veículo.[6]

Em 17 de junho de 2011, o grupo aumenta sua atuação nas mídias impressas com a aquisição da Tribuna Impressa de Araraquara e do website contíguo Araraquara.com.[7] Em 14 de junho de 2012, o Grupo EPTV adquiriu as ações pertencentes à César Mata Pires na administração da Rede Bahia, passando a deter o equivalente a ⅓ (33,33%) do grupo de comunicação.[8] O anúncio oficial da venda das ações foi feito dias depois, em 19 de junho.[9]

Em dezembro de 2014, é publicada a última edição da revista Terra da Gente, que deixou de circular em favor de uma versão digital do seu conteúdo e do conteúdo do programa da EPTV.[10] Em 21 de março de 2016, foi lançado o portal A Cidade ON, reformulação do antigo website do jornal A Cidade, que posteriormente ganhou versões em Araraquara (substituindo o Araraquara.com), São Carlos e Campinas.[11]

 
Logotipo da empresa entre 2017 e 2021

Em 10 de janeiro de 2017, pouco mais de 5 anos depois de ter sido adquirido pelo Grupo EPTV, o jornal Tribuna Impressa deixa de circular.[12] Em abril, o Grupo EPTV passa a se chamar Empresas Pioneiras, com o intuito, segundo a própria empresa, de estabelecer uma ligação entre os veículos e potencializar as suas operações.

Em 30 de outubro de 2018, o grupo extinguiu o jornal A Cidade, que deixou de circular após 113 anos de existência.[13] Dessa forma, as Empresas Pioneiras saíram do setor de mídias impressas. Em 1.º de outubro de 2019, o grupo adquire a concessão da rádio Intersom FM de São Carlos,[14] que após trocar de frequência, deu lugar à CBN São Carlos em 3 de dezembro.[15]

Em janeiro de 2021, o grupo passa por um novo rebranding, passando a se chamar Grupo EP, de modo a agregar também as empresas pertencentes à família Nogueira fora do setor de comunicação, como a Ester Agroindustrial, sediada em Cosmópolis, fundada em 2 de março de 1898 pelo empresário e político Paulo de Almeida Nogueira, bisavô dos atuais proprietários do grupo, e a EP Ventures, criada em 2019 para investimentos de capital semente em startups.[16]

AtivosEditar

TelevisãoEditar

RádioEditar

DigitalEditar

  • A Cidade ON
  • G1 (Campinas e Região, Piracicaba e região, Ribeirão Preto e Franca, São Carlos e Araraquara, Sul de Minas)
  • ge (Campinas e Região, Ribeirão Preto e Região, Sul de Minas)
  • ViaEPTV.com

OutrosEditar

  • EP Ventures
  • Ester Agroindustrial
  • Instituto EPTV
  • Oceano Azul Eventos
  • Rede Bahia (33,33%)

ExtintosEditar

Ações e eventos promovidosEditar

Notas e referências

Notas

  1. Em sua antiga denominação, EPTV poderia significar tanto Emissoras Pioneiras de Televisão quanto Empresa Paulista de Televisão

Referências

  1. Rede Bahia. «Grupo EP e Rede Bahia investem em startup que empodera donos de bares e restaurantes». Rede Bahia. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  2. «Morre em São Paulo, aos 78, fundador da EPTV». Folha de S.Paulo. 11 de janeiro de 2002. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  3. Starck, Daniel (3 de janeiro de 2013). «Exclusivo: Regional ressurge no dial. CBN chega ao FM de Ribeirão em fevereiro». TudoRádio.com. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  4. Starck, Daniel (29 de janeiro de 2015). «Extra: Jovem Pan FM completa 10 anos com a EPTV na cidade de Ribeirão Preto». TudoRádio.com. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  5. «Programa Terra da Gente lança revista». Propmark. 12 de maio de 2004. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  6. «EPTV assume controle total do jornal "A Cidade", de Ribeirão Preto». Folha de S.Paulo. 15 de março de 2012. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  7. «EPTV compra jornal e site de Araraquara (SP)». Folha de S.Paulo. 17 de junho de 2011. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  8. «Anunciada compra de 33% das ações da Rede Bahia pela EPTV». G1. 14 de junho de 2012. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  9. Rego, Rafaele (19 de junho de 2012). «Rede Bahia apresenta novos acionistas». Correio. Consultado em 21 de novembro de 2018 
  10. Lopes, Christh (27 de novembro de 2014). «Revista "Terra da Gente" chega ao fim após dez anos; projeto segue no formato digital». Portal Imprensa. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  11. «Alta com campanha de lançamento do ACidade ON». Alta Comunicazione. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  12. «EPTV fecha Tribuna Impressa, de Araraquara». Portal dos Jornalistas. 19 de janeiro de 2017. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  13. Toledo, Marcelo (31 de outubro de 2018). «Jornal A Cidade deixa de circular na versão impressa em Ribeirão Preto». Folha de S.Paulo. Consultado em 25 de novembro de 2018 
  14. Escrivani, Marcos (1 de outubro de 2019). «Intersom FM é vendida para o grupo EPTV». São Carlos Agora. Consultado em 30 de novembro de 2019 
  15. «CBN São Carlos estreia nesta terça-feira (3)». A Cidade ON. 2 de dezembro de 2019. Consultado em 3 de dezembro de 2019 
  16. «Empresas Pioneiras reposicionam marca como Grupo EP». A Cidade ON. 22 de janeiro de 2021. Consultado em 22 de janeiro de 2021 

Ligações externasEditar