Abrir menu principal
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Abril de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Enesidemo
Nascimento 80 a.C.
Cnossos
Morte 10 a.C. (70 anos)
Alexandria
Cidadania Grécia
Ocupação filósofo
Movimento estético Pirronismo

Enesidemo (em grego antigo: Αἰνησίδημος, transl. Ainēssídēmos) foi um filósofo cético grego, nascido em Cnossos, na ilha de Creta. Viveu durante o século I a.C., e lecionou em Alexandria, no Egito.

Provavelmente foi membro da lendária academia fundada por Platão, porém diante de sua rejeição às suas teorias, reviveu o princípio da epoché (εποχή), ou "julgamento suspenso", proposto originalmente por Pirro de Élis e Tímon, como solução para o que ele considerava o problema insolúvel da epistemologia. Sua escola é comumente conhecida como pirronismo, além de Terceira Escola Cética. Sua obra principal, a Pirronéia (em latim: Pyrrhoneia, em grego: Πυρρώνειοι λóγοι, transl. Pyrróneioi lógoi) discutiu quatro idéias principais: as razões para o ceticismo e a dúvida, os argumentos contra a causalidade e a verdade, uma teoria física e uma teoria ética. Destas, a primeira é a mais significante e as suas razões para a suspensão do julgamento foram organizadas em dez tropes, ou modos.

Pouco se sabe dele, e nenhuma de suas obras sobreviveu, embora ele tenha sido mencionado e discutido extensivamente por Fócio (em sua obra Myriobiblion) e por Sexto Empírico, além de Diógenes Laércio e Filo de Alexandria.

Ícone de esboço Este artigo sobre filosofia/um(a) filósofo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.