Abrir menu principal

Enlace de dados em telecomunicações, (em inglês: data link) se refere à ligação entre dispositivos de comunicação em dois ou mais locais, que possibilita transmitir e receber informações.

Também pode se referir a um conjunto de equipamentos eletrônicos composto por um transmissor e um receptor (dois equipamentos que funcionem como terminais) e o circuito de telecomunicações de dados interligando estes equipamentos usados para transmitir as mensagens.

Os serviço de telecomunicações se utilizam de enlaces de dados de comunicação públicos ou privados e são submetidos a controles, procedimentos e condicionamentos previstos em regulamentação especifica a cada tipo de serviço.[1][2]

Nas redes de computadores, por exemplo, vários equipamentos que podem ser interligados e compartilhados, mediante meios de acesso, protocolos e requisitos de segurança. Ate 2014, o protocolo mais usado é o TCP/IP[3]

Não confundir o enlace de dados com o canal de comunicação que se referem ao meio usado para transportar uma mensagem do emissor ao receptor. A ligação de dispositivos de comunicação é feita através de canais de comunicação regulamentados nacional e internacionalmente.

Em telecomunicações e redes de computadores, um canal de comunicação, ou canal, refere-se tanto a um meio de transmissão físico, como um fio, ou a uma conexão lógica sobre um meio multiplexado, como um canal de rádio. Um canal é utilizada para transmitir um sinal de informação, por exemplo, uma corrente de bits digital, a partir de um ou vários emissores (ou transmissores) para um ou vários receptores. Um canal tem uma certa capacidade para a transmissão de informação, muitas vezes, medida pela sua largura de banda em Hz ou a sua taxa de dados em bits por segundo.

Tipos de enlaces de dadosEditar

Existem três tipos básicos de configurações de enlaces de comunicação, além de muitas outras configurações de enlaces de comunicação mais complexas:

  • Simplex - comumente significando que todas as comunicações em uma única direção ou seja, a transmissão tem sentido unidirecional, não havendo retorno do receptor. Um transmissor pode se comunicar com vários receptores, e o receptor não tem a possibilidade de sinalizar se os dados foram recebidos uma vez que nao tem a capacidade de transmitir mensagens. Exemplo: Transmissões de TV.
  • Duplex - comunicação em ambas as direções simultaneamente. Exemplo: telefone celular, rede telefônica
  • Semi-duplex - comunicação em ambas as direções, mas não em ambos os sentidos simultaneamente. Exemplo: walkie-talkie, rádio cidadão

Ver tambémEditar

Referências