Abrir menu principal

A Era Heisei (平成?) começou a 8 de Janeiro de 1989, apenas um dia depois da morte do imperador, Hirohito. O filho primogênito, Akihito, foi quem lhe sucedeu no trono.[1] Se encerrou em 30 de abril de 2019, com a abdicação de Akihito, para dar lugar a Naruhito, que assume o trono no dia seguinte, iniciando a era Reiwa.

O anúncio do início da Era Heisei foi feito pelo então secretário-chefe (官房長官) do Gabinete, Keizo Obuchi (小渕 恵三), que depois viria a ser primeiro-ministro entre 1998 e 2000.

Através de uma alteração legislativa, foi permitida a transmissão, em vida, do trono imperial por Akihito em favor do filho primogênito, Naruhito, em 2019. [2]

Heisei 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º
gregoriano 1989 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004
Heisei 17º 18º 19º 20º 21º 22º 23º 24º 25º 26º 27º 28º 29º 30º 31º
gregoriano 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019


Precedido por
Período Shōwa
Períodos da história japonesa
8 de janeiro de 198930 de abril de 2019
Sucedido por
Período Reiwa

Referências

  1. «Imperador Akihito anuncia que vai renunciar ao cargo». Portal Mie. 13 de julho de 2016. Consultado em 27 de janeiro de 2019 
  2. «Com abdicação do imperador Akihito, Japão se prepara para 'nova era'». G1 - Portal de Notícias da Globo 
  Este artigo sobre o Japão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.