Abrir menu principal


Escola dos Serviços
País Portugal Portugal
Estado Ativa
Corporação Exército Português
Subordinação Comando do Pessoal
Missão Escola dos Serviços do Exército
Sigla ES
Criação 2006 (13 anos)
Aniversários 1 de julho
Lema Audax in intellectu et in labore
Cores Azul
História
Condecorações Ordem da Liberdade, Medalha de Serviços Distintos
Comando
Comandante Coronel de Administração Militar Armando José Rei Soares Ferreira
Sede
Quartel Póvoa de Varzim
Localidade Póvoa do Varzim
Endereço Rua de Paredes-Beiriz, 4495-366 Póvoa de Varzim
Internet Página da Escola dos Serviços

A Escola dos Serviços (ES) é um orgão de base do Exército Português, sediado na Póvoa do Varzim. A ES desempenha a função de escola para os serviços de administração militar, pessoal e secretariado, material, transportes e saúde.

A ES é resultante da fusão das antigas escolas práticas de Administração Militar MHL, do Serviço de Material e do Serviço de Transportes e dos batalhões de Adidos e de Administração Militar

Como escola , compete à Escola dos Serviços ministrar tirocínios, estágios, cursos de formação e cursos de qualificação a oficiais, sargentos e praças nas áreas de reabastecimento, transportes, manutenção, saúde, serviços de campanha, finanças públicas e secretariado.

À ES compete ainda, como encargo para a Componente Operacional do Sistema de Forças do Exército, o aprontamento da Companhia de Reabastecimento e Serviços das Forças de Apoio Geral.

OrganizaçãoEditar

A Escola dos Serviços é um elemento da Componente Fixa do Sistema de Forças do Exército, sendo comandada por um coronel dependente do Comando do Pessoal, através da Direção de Formação. Engloba:

  • Comando
    • Estado-maior
    • Departamento de Formação
    • Companhia de Comando e Serviços
    • Batalhão de Serviços e Apoio à Formação

HistóriaEditar

A Escola dos Serviços foi criada em 2006, a partir da fusão das anteriores escolas práticas de Administração Militar, do Serviço de Transportes e do Serviço de Material e do anterior Batalhão de Adidos.

Anteriormente à fusão a Escola Prática de Administração Militar tinha sido feita Membro-Honorário da Ordem da Liberdade, a 25 de Abril de 1999.[1]

Referências

  1. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Escola Prática de Administração Militar". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 27 de maio de 2014 

Ligações externasEditar