Abrir menu principal
Limbu (Abugida)
Falado em: Nepal e Índia
Região: Nepal e nordeste da Índia
Total de falantes:
Família: Protossinaíïtico
 Fenício
  Aramaico
   brami (há dúvidas sobre essa origem)
    Gupta
     Siddhaṃ
      Tibetana
       Lepcha
        Limbu (Abugida)
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---

Índice

HistóriaEditar

A Escrita Limbu, conforme antigos relatos, teria sido inventada ao final do século IX pelo Rei Sirijonga Haang, caindo depois em desuso, para ser revitalizada no século XVIII pelo estudioso Te-ongsi Sirijunga Xin Thebe.

As línguas limbu, lepcha e newari são as únicas línguas sino-tibetanas do Himalaia central a ter sua própria escrita. (Sprigg 1959: 590), (Sprigg 1959: 591-592 & MS: 1-4) atestou que a escrita Kiranti ou Limbu foi desenvolvida durante o período de expansão do Budismo em Siquim no início do século XVIII, quando o reino Limbuwan ainda era parte do território siquimês. Essa escrita Limbu-Kiranti teria nascido aproximadamente na mesma época em que a escrita lepcha foi criada pelo Rei de Siquim, Phyag-rdor Nam-gyal (~ 1700-1717). Sua invenção é atribuída ao herói Limbu Te-ongsi Sirijunga (significadp: Sirijonga Reencarnado; refer. a Sirijonga Haang) que for a assassinado pelos monges Tasong em conspiração com o Rei de Siquim, quando o rei do Nepal era Simah Pratap Shah (11 Janeiro 1775 a 17 Novembro 1777; Stiller 141,153). Tanto Limbu-Kiranti e Lepcha foram ostensivamente desenvolvidas com objetivo de facilitar a expansão do Budismo. Enfim, Sirijanga foi um Limbu Budista que estudou com elevados Lamas de Siquim e recebeu o título de 'o Lama Dorge de Yangrup'.

A língua e a escrita foram influenciadas pelas escritas Tibetana e Devanagari. De forma diversa das outras escritas brâmicas, ela não tem caracteres independentes para vogais, pois usa uma letra com vogal inerente (abugida).  

EstruturaEditar

Como em todos abugidaa, uma letra básica representa tanto uma consoante como sua vogal inerente ou “default”. Em língua limbu essa vogal inerente é /ɔ/.

Letra IPA Notas
/kɔ/
/kʰɔ/
/ɡɔ/
/ɡʱɔ/
/ŋɔ/
/cɔ/
/cʰɔ/
/ɟɔ/
/ɟʱɔ/ Obsoleta no Limbu moderno
/ɲɔ/ Obsoleta no Limbu moderno
/tɔ/
/tʰɔ/
/dɔ/
/dʱɔ/
/nɔ/
/pɔ/
/pʰɔ/
/bɔ/
/bʱɔ/
/mɔ/
/jɔ/
/rɔ/
/lɔ/
/wɔ/
/ʃɔ/
/ʂɔ/ Obsoleta no Limbu moderno.
/sɔ/
/hɔ/

Para alterar a vogal inerente à consoante, um diacrítico é adicionado. Aqui mostrado na consoante /k/ ():

Letra IPA
ᤁᤡ /ki/
ᤁᤣ /ke/
ᤁᤧ /kɛ/
ᤁᤠ /ka/
ᤁᤨ /kɔ/
ᤁᤥ /ko/
ᤁᤢ /ku/
ᤁᤤ /kai/
ᤁᤦ /kau/

ᤁᤨ representa o mesmo que . Alguns escritores não usam o diacrítico por ser redundante.

Grupos de consoantes iniciando palavras são escritos com pequenas marcas seguindo a consoante principal:

Letra IPA
ᤁᤩ /kjɔ/
ᤁᤪ /krɔ/
ᤁᤫ /kwɔ/

Consoante no fim de palavras e após vogais curtas são escritas com outro tipo de marcações, exceto quando de certas consoantes finais que aparecem em palavras externas à língua. Seguem as marcas de grupos de consoantes, se houver.

Letra IPA
ᤁᤰ /kɔk/
ᤁᤱ /kɔŋ/
ᤁᤳ /kɔt/
ᤁᤴ /kɔn/
ᤁᤵ /kɔp/
ᤁᤶ /kɔm/
ᤁᤷ /kɔr/
ᤁᤸ /kɔl/

Vogais logas sem uma consoante final após as mesmas são escritas com um diacrítico chamado kemphreng:

Letra IPA
ᤁ᤺ /kɔː/
ᤁᤡ᤺ /kiː/
ᤁᤣ᤺ /keː/
ᤁᤧ᤺ /kɛː/
ᤁᤠ᤺ /kaː/
ᤁᤨ᤺ /kɔː/
ᤁᤥ᤺ /koː/
ᤁᤢ᤺ /kuː/

Há dois sistemas para escrever vogais longas em sílabas com consoantes final. Um dos sistemas simplesmente combina o kemphreng e a marca de consoante final:

Letra IPA
ᤁ᤺ᤰ /kɔːk/
ᤁ᤺ᤱ /kɔːŋ/
ᤁ᤺ᤳ /kɔːt/
ᤁ᤺ᤴ /kɔːn/
ᤁ᤺ᤵ /kɔːp/
ᤁ᤺ᤶ /kɔːm/
ᤁ᤺ᤷ /kɔːr/
ᤁ᤺ᤸ /kɔːl/

Ou outro sistema consiste em escrever a consoante final com a letra básica e ainda com um diacrítico que marca isso e também consoante final, e a vogal precedente é alongada:

Letra IPA
ᤁᤁ᤻ /kɔːk/
ᤁᤅ᤻ /kɔːŋ/
ᤁᤋ᤻ /kɔːt/
ᤁᤏ᤻ /kɔːn/
ᤁᤐ᤻ /kɔːp/
ᤁᤔ᤻ /kɔːm/
ᤁᤖ᤻ /kɔːr/
ᤁᤗ᤻ /kɔːl/

Esse mesmo diacrítico pode ser usado para marcar consoantes finais em palavras de origem estrangeira que não têm forma final em Limbu, o que não depende do comprimento da vogal.

A glotalização é marcada pelo sinal chamado mukphreng.

IPA
ᤁ᤹ /kɔʔ/

UnicodeEditar

Ver U+1900–U+194F A classificação Unicode para Limbu é U+1900–U+194F. Grey


O MPH 2B Damase incluído em Windows 7 suporta a escrita Limbu.[1]

Notas e referências

Ligações externasEditar