Espanha nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020

A Espanha foi representada nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 por um total de 321 desportistas (184 homens e 137 mulheres) que competirão em 29 desportos.[2] Responsável pela equipa olímpica é o Comité Olímpico Espanhol‎, bem como as federações desportivas nacionais da cada desporto com participação.

Espanha nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Comitê Olímpico Nacional
Código do COI ESP
Nome Comité Olímpico Español
«site oficial» (em espanhol) 
Jogos Olímpicos de Verão de 2020
Sede Tóquio, Japão
Competidores 321 em 29 esportes
Porta-bandeira Saúl Craviotto e Mireia Belmonte[1]
Medalhas
Pos.
n/d
Medalha de ouro
3
Medalha de prata
6
Medalha de bronze
5
Total de medalhas
14
Participações nos Jogos Olímpicos
Verão 19001904–1912192019241928193219361948195219561960196419681972197619801984198819921996200020042008201220162020

Inverno 19361948195219561960196419681972197619801984198819921994199820022006201020142018

Os portadores da bandeira na cerimónia de abertura serão o canoista Saúl Craviotto e a nadadora Mireia Belmonte.[1]

Participantes por desportoEditar

Dos 34 desportos que o COI reconhece nos Jogos Olímpicos de Verão, se contou com representação espanhola em 29 desportos (em basebol, luta, rugby, surf e softbol não se obteve a classificação).

Não. Desporto H M T
1 Atletismo 32 23 55
2 Badminton 1 1 2
3 Basquetebol 12 12 24
4 Handebol 14 14 28
5 Beisebol 0 0
6 Boxe 4 0 4
7 Ciclismo em estrada 5 2 7
Ciclismo em pista 2 0 2
Ciclismo de montanha 2 1 3
Ciclismo BMX 0 0 0
8 Escalada 1 0 1
9 Esgrima 1 0 1
10 Futebol 18 0 18
11 Ginástica artística 5 4 9
Ginástica rítmica 0 0
Ginástica em trampolín 0 0 0
12 Golfe 2 2 4
13 Halterofilia 3 1 4
14 Hípica 4 1 5
15 Hóquei sobre grama 16 16 32
16 Caratê 1 1 2
17 Luta 0 0 0
18 Natação 3 6 9
Natação em águas abertas 1 1 2
Natação sincronizada 8 8
Saltos 2 0 2
Polo aquático 12 12 24
19 Pentatlo moderno 1 0 1
20 Canoagem em águas tranquilas 8 3 11
Canoagem em slalom 2 2 4
21 Remo 4 2 6
22 Rugby sevens 0 0 0
23 Skateboarding 2 1 3
24 Softbol 0 0
25 Surf 0 0 0
26 Taekwondo 3 1

4

27 Tênis 4 4 8
28 Tênis de mesa 1 2 3
29 Tiro 1 1 2
30 Tiro com arco 1 1 2
31 Triatlo 3 2 5
32 Vela 8 7 15
33 Voleibol 0 0 0
Voleibol de praia 2 2 4
34 Judô 3 4 7
TOTAL 184 137 321

Athletics pictogram.svg AtletismoEditar

Os seguintes atletas da Espanha conquistaram marcas de qualificação, pela marca direta ou pelo ranking mundial, nos seguintes eventos de pista e campo (até o máximo de três atletas em cada evento):[3][4] Embora selecionada, Irene Sánchez-Escribano não conseguiu competir nos 3000 m com obstáculos devido a uma lesão de última hora. O medalhista de prata da Rio 2016 Orlando Ortega lesionou-se em um treinamento já no Japão, dias antes da competição, e não pôde participar.

;Chave
  • Nota– As posições para os eventos de pista são em relação à bateria do atleta
  • Q = Qualificado para a próxima fase
  • q = Qualificado para a próxima fase como o perdedor mais rápido ou, em eventos de campo, pela posição sem atingir o alvo para qualificação
  • NR = Recorde nacional
  • N/A = Fase não aplicável para o evento
  • Bye = Atleta não precisou disputar aquela fase
Eventos de pista e estrada
Masculino
Atleta Evento Eliminatória Semifinal Final
Resultado Posição Resultado Posição Resultado Posição
Óscar Husillos 400 m 48.05 Não avançou
Adrián Ben 800 m 1:45.30 Q 1:44.30 q 1:45.96
Saúl Ordóñez 1:45.98 Não avançou
Pablo Sánchez-Valladares 1:46.06 Não avançou
Ignacio Fontes 1500 m 3:36.95 q 3:34.49 Q 3:38.56 13ª
Jesús Gómez 3:47.27 12ª qR 3:44.46 12ª Não avançou
Adel Mechaal 3:36.74 Q 3:32.19 PB Q 3:30.77 PB
Mohamed Katir 5000 m 13:30.10 Q 13:06.60
Carlos Mayo 10000 m 28:04.71 13ª
Asier Martínez 110 m com barreiras 13.32 Q 13.27 PB q 13.22 PB
Sergio Fernández 400 m com barreiras 51.51 Não avançou
Daniel Arce 3000 m com obstáculos 8:38:09 13ª Não avançou
Fernando Carro DNF Did not advance
Sebastián Martos 8:23.07 8 Did not advance
Javier Guerra Maratona 2:16:42 33ª
Ayad Lamdassem 2:10:16
Daniel Mateo 2:15:21 21ª
Diego García 20 km marcha atlética 1:21:57
Miguel Ángel López 1:27.12 31ª
Álvaro Martín 1:21:46
Luis Manuel Corchete 50 km marcha atlética Não terminou
Jesús Ángel García 4:10:03 35ª
Marc Tur 3:51:08
Feminino
Atleta Evento Eliminatória Semifinal Final
Resultado Posição Resultado Posição Resultado Posição
María Isabel Pérez 100 m 11.51 Não avançou
Jaël Bestué 200 m 23.19 PB Não avançou
Aauri Lorena Bokesa 400 m 51.89 q 51.57 PB Não avançou
Natalia Romero 800 m 2:01.16 PB q 2:01.52 Não avançou
Esther Guerrero 1500 m 4:07.08 Não avançou
Marta Pérez 4:04.76 PB q 4:01.69 PB Q 4:00.12 PB
Lucía Rodríguez 5000 m 15:26.19 PB 16ª Não avançou
Teresa Errandonea 100 m com barreiras 13.15 Não avançou
Carolina Robles 3000 m com obstáculos 9:45.37 13ª qR 9:50.96 14ª
Marta Galimany Maratona 2:35:39 37ª
Elena Loyo 2:34:38 29ª
Laura Méndez Não terminou
Laura García-Caro 20 km marcha atlética 1:37.48 34ª
Raquel González 1:31.57 14ª
María Pérez 1:30.05
Misto
Atleta Evento Eliminatória Final
Resultado Posição Resultado Posição
Laura Bueno
Bernat Erta
Aauri Lorena Bokesa
Samuel García
Revezamento 4x400 m 3:13.29   6 Não avançou
Eventos de campo
Masculino
Atleta Evento Eliminatória Final
Resultado Posição Resultado Posição
Eusebio Cáceres Salto em distância 7.98 q 8.18
Pablo Torrijos Salto triplo 15.87 25ª Não avançou
Lois Maikel Martínez Lançamento de disco 54.69 30ª Não avançou
Javier Cienfuegos Lançamento de martelo 76.91 q 76.30 10ª
Odei Jainaga Lançamento de dardo 73.11 29ª Não avançou
Feminino
Atleta Evento Eliminatória Final
Resultado Posição Resultado Posição
Fátima Diame Salto em distância 6.33 22ª Não avançou
Ana Peleteiro Salto triplo 14.62 Q 14.87    
María Belén Toimil Arremesso de peso 17.38 22ª Não avançou
Laura Redondo Lançamento de martelo 62.42 29ª Não avançou
Eventos combinados - Decatlo
Atleta Evento 100 m SD AP SA 400 m 110B AD SV LD 1500 m Final Pos.
Jorge Ureña Resultado 10.66 PB 7.30 13.97 2.05 48.00 PB 14.13 43.70 PB 4.90 55.82 4:27.82 8322
Pontos 938 886 727 850 909 958 740 880 675 759
Eventos combinados - Heptatlo
Atleta Evento 100 m SA AP 200 m SD LD 800 m Final Pos.
María Vicente Resultado 13.54 1.77 =PB 12.70 23.50 6.18 37.04 2:16.99 6117 18ª
Pontos 1059 941 707 1029 905 611 865

Badminton pictogram.svg BadmintonEditar

A Espanha inscreveu dois jogadores de badminton (um por gênero) no torneio olímpico. A atleta olímpica da juventude de 2014 Clara Azurmendi, junto com Pablo Abián, que disputou sua quarta edição consecutiva dos Jogos, foram automaticamente selecionados entre os 40 melhores atletas em seus respetivos eventos individuais, de acordo com o Ranking da Corrida para Tóquio da BWF. [5][6] A então campeã olímpica Carolina Marín foi inicialmente selecionada, porém desistiu dos Jogos devido a uma lesão no joelho.[7]

Atleta Evento Fase de grupos Eliminação Quartas-de-final Semifinal Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Pablo Abián Simples masculino  EST Must
V (21–7, 21–11)
 CHN Chen
D (11–21, 10–21)
Não avançou
Clara Azurmendi Simples feminino  KOR An
D (13–21, 8–21)
 NGR Adesokan
V (21–10, 21–2)
Não avançou

Basketball pictogram.svg BasquetebolEditar

MasculinoEditar

Fase de Grupos

Grupo C
Classificado para as quartas-de-final
Pos.
Seleção
Pts J V D PM PS Dif
1   Eslovênia 6 3 3 0 329 268 +61
2   Espanha 5 3 2 1 256 243 +13
3   Argentina 4 3 1 2 268 276 –8
4   Japão 3 3 0 3 235 301 –66

Critérios de desempate: 1) Pontos; 2) Confronto direto; 3) Diferença de cestas; 4) Cestas marcados.


26 de julho de 2021
21:00
Relatório Japão   77–88   Espanha    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Aleksandar Glišić (SRB), Mārtiņš Kozlovskis (LAT), Rabah Noujaim (LIB)
Placar por quarto: 14–18, 14–30, 28–21, 21–19
Pts: Hachimura 20
Rbts: Watanabe 8
Asts: Baba, Tanaka 5
Pts: Rubio 20
Rbts: Claver 9
Asts: Rubio 9

29 de julho de 2021
21:00
Relatório Espanha   81–71   Argentina    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Yohan Rosso (FRA), Maj Forsberg (DEN), Andreia Silva (BRA)
Placar por quarto: 20–25, 20–9, 21–19, 20–18
Pts: Rubio 26
Rbts: P. Gasol 8
Asts: M. Gasol 5
Pts: Laprovittola 27
Rbts: Deck 8
Asts: Laprovittola 4

1 de agosto de 2021
17:20
Relatório Espanha   87–95   Eslovênia    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Ademir Zurapović (BIH), Yohan Rosso (FRA), Matthew Kallio (CAN)
Placar por quarto: 24–20, 20–21, 26–27, 17–27
Pts: Rubio 18
Rbts: Claver, M. Gasol 6
Asts: Rubio 9
Pts: Čančar 22
Rbts: Dončić, Tobey 14
Asts: Dončić 9

Quartas-de-final
3 de agosto de 2021
13:40
Relatório Espanha   81–95   Estados Unidos    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Guilherme Locatelli (BRA), Yohan Rosso (FRA), Michael Weiland (CAN)
Placar por quarto: 21–19, 22–24, 20–26, 18–26
Pts: Rubio 38
Rbts: Hernangómez 10
Asts: Hernangómez 3
Pts: Durant 29
Rbts: Booker 9
Asts: Booker, Holiday 5

FemininoEditar

Fase de Grupos

Grupo A
Classificado para as quartas-de-final
Pos.
Seleção
Pts J V D PM PS Dif
1   Espanha 6 3 3 0 234 205 +29
2   Sérvia 5 3 2 1 207 214 –7
3   Canadá 4 3 1 2 208 201 +7
4   Coreia do Sul 3 3 0 3 183 212 –29

Critérios de desempate: 1) Pontos; 2) Confronto direto; 3) Diferença de pontos; 4) Pontos marcados.


26 de julho de 2021
10:00
Relatório Coreia do Sul   69–73   Espanha    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Ferdinand Pascual (PHI), Andreia Silva (BRA), Kingsley Ojeaburu (NGR)
Placar por quarto: 15–16, 20–17, 18–21, 16–19
Pts: Kang 26
Rbts: Park Ji-s. 10
Asts: Park H. 5
Pts: Ndour 28
Rbts: Gil 14
Asts: Ouviña 8

29 de julho de 2021
17:20
Relatório Espanha   85–70   Sérvia    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Yohan Rosso (FRA), Maj Forsberg (DEN), Andreia Silva (BRA)
Placar por quarto: 19–20, 22–24, 18–14, 26–12
Pts: Ndour 20
Rbts: Ndour 9
Asts: Ouviña 8
Pts: Brooks 16
Rbts: Anderson 8
Asts: três jogadoras 4

1 de agosto de 2021
10:00
Relatório Canadá   66–76   Espanha    Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Yu Jung (TPE), Leandro Lezcano (ARG), Yevgeniy Mikheyev (KAZ)
Placar por quarto: 13–23, 21–17, 13–20, 19–16
Pts: Nurse 14
Rbts: quatro jogadoras 6
Asts: Carleton 4
Pts: Ndour 20
Rbts: Ndour 11
Asts: Ouviña 7

Quartas-de-final
4 de agosto de 2021
21:00
Relatório Espanha   64–67   França

   Saitama Super Arena, Saitama
Árbitros: Manuel Mazzoni (ITA), Andreia Silva (BRA), Scott Beker (AUS)
Placar por quarto: 16–21, 14–15, 18–19, 16–12
Pts: Ndour 16
Rbts: Ndour 11
Asts: Gil 4
Pts: Johannès 18
Rbts: três jogadoras 5
Asts: Duchet 5

Boxing pictogram.svg BoxeEditar

A Espanha inscreveu quatro boxeadores para o torneio olímpico. O quarto cabeça de chave Gabriel Escobar (peso mosca), José Quiles (peso pena), o atleta nascido na Rússia Gazimagomed Jalidov (peso meio-pesado), e Emmanuel Reyes (peso pesado) garantiram as vagas em suas respectivas categorias de peso durante o Torneio Europeu de Qualificação Olímpica de 2020 em Londres e Paris.[8][9]

Atleta Evento Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Gabriel Escobar Peso mosca masculino  ARG Quiroga
V 5-0
 BUL Asenov
V 4-1
 KAZ Bibossinov
D 2-3
Não avançou
José Quiles Peso pena masculino  IRL Walker
D 0-5
Não avançou
Gazimagomed Jalidov Peso meio-pesado masculino Bye  AUS Aokuso
V 3-2
 ROC Khataev
D KO
Não avançou
Emmanuel Reyes Peso pesado masculino Bye  KAZ Levit
V KO
 CUB La Cruz
D 1-4
Não avançou

Canoeing (flatwater) pictogram.svg CanoagemEditar

SlalomEditar

Canoístas espanhóis qualificaram barcos em todas as quatro classes através do Campeonato Mundial de Canoagem Slalom de 2019 em La Seu d'Urgell, Espanha.[10]

Atleta Evento Preliminar Semifinal Final
Descida 1 Posição Descida 2 Posição Melhor Posição Tempo Posição Tempo Posição
Ander Elosegi C-1 masculino 103.78 101.51 101.51 103.15 106.59
David Llorente K-1 masculino 147.62 22ª 95.83 14ª 95.83 18ª 98.26 150.08 10ª
Núria Vilarrubla C-1 feminino 118.03 121.00 15ª 118.03 119.99 127.33
Maialen Chourraut K-1 feminino 108.25 105.13 105.13 107.92 106.63  

VelocidadeEditar

Canoístas espanhóis qualificaram quatro barcos no Campeonato Mundial de Canoagem de Velocidade de 2019 em Szeged, Hungria,[11] Enquanto isso, três barcos adicionais foram qualificados por canoístas espanhóis no C-2 1000 m masculino, no K-1 500 m feminino e no C-1 200 m feminino, respectivamente, após ficarem entre os dois melhores na Regata de Qualificação Europeia de Canoagem de Velocidade de 2021.[12] A equipe foi anunciada em 15 de maio de 2021, à exceção da canoísta do C-1, que foi decidida posteriormente.[13]

Masculino
Atleta Evento Eliminatórias Quartas-de-final Semifinais Final
Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição
Cayetano García C-1 1000 m 4:34.418 q 4:31.929 Não avançou
Pablo Martínez 4:21.729 q 4:09.102 Não avançou
Cayetano García
Pablo Martínez
C-2 1000 m 3:44.947 Q Bye 3:28.594 FA 3:41.572
Carlos Arévalo K-1 200 m 34.452 Q Bye 35.207 FA 35.391
Saúl Craviotto 35.002 Q Bye 35.934 FA 35.568
Francisco Cubelos
Íñigo Peña
K-2 1000 m 3:10.138 Q Bye 3:19.133 FA 3:17.267
Saúl Craviotto
Marcus Walz
Carlos Arévalo
Rodrigo Germade
K-4 500 m 1:21.658 Q 1:24.355 FA 1:22.445  
Feminino
Atleta Evento Eliminatórias Quartas-de-final Semifinais Final
Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição
Antía Jácome C-1 200 m 46.691 q 45.668 Q 47.414 FA 47.226
Teresa Portela K-1 200 m 40.812 Q Bye 38.858 FA 38.883  
Isabel Contreras K-1 500 m 1:49.256 q 1:51.235 Q 1:54.535 FC 1:55.728 19ª

Legenda de Qualificação: Q = Qualificado às semifinais; q = Qualificado às quartas-de-final; FA = Qualificado à final A (medalha); FB = Qualificado à final B (sem medalha); FC = Qualificado à final C (sem medalha)

Karate pictogram.svg CaratêEditar

A Espanha inscreveu dois caratecas para o torneio olímpico inaugural. Os então campeões europeus Damián Quintero e Sandra Sánchez qualificaram diretamente para suas categorias individuais no kata após terminarem entre os quatro melhores no ranking olímpico da WKF. [14][15]

Atleta Evento Fase eliminatória Fase de ranking Final / BM
Resultado Posição Resultado Posição Adversário
Resultado
Posição
Damián Quintero Kata masculino 27.37 Q 27.28 Q Final da medalha de ouro
 JPN Kiyuna
D 27.66 - 28.72
 
Sandra Sánchez Kata feminino 27.43 Q 27.86 Q Final da medalha de ouro
 JPN Shimizu
V 28.06 - 27.88
 

Cycling (road) pictogram.svg CiclismoEditar

EstradaEditar

A Espanha inscreveu uma equipe de sete ciclistas (cinco homens e duas mulheres) para competir nas provas de corrida em estrada, em virtude de sua posição entre as 6 melhores nações (masculino) e as 22 melhores nações (feminino) no Ranking Mundial da UCI.[16]

Masculino
Atleta Evento Tempo Posição
Omar Fraile Corrida em estrada Não terminou
Jesús Herrada 6:16:53 62ª
Gorka Izagirre 6:11:46 23ª
Ion Izagirre Corrida em estrada 6:21:46 79ª
Contra o relógio Não terminou
Alejandro Valverde Corrida em estrada 6:15:38 42ª
Feminino
Atleta Evento Tempo Posição
Mavi García Corrida em estrada 3:54:31 12ª
Contra o relógio 34:39.96 23ª
Ane Santesteban Corrida em estrada 3:56:04 28ª

Mountain bikeEditar

Ciclistas espanhóis conquistaram três vagas (duas masculinas e uma feminina) para a corrida olímpica do cross-country, como resultado da sexta posição entre os homens e da vigésima entre as mulheres, respectivamente, no Ranking Olímpico da UCI de 16 de maio de 2021. A equipe foi nomeada em 26 de maio de 2021.[17][18]

Atleta Evento Tempo Posição
Jofre Cullell Cross-country masculino 1:28:16 15ª
David Valero 1:25:48  
Rocío del Alba García Cross-country feminino 1:26:32 26ª

PistaEditar

Após o término do Campeonato Mundial de Ciclismo de Pista de 2020, ciclistas espanhóis conquistaram vagas para o madison e o omnium masculino, baseado nos resultados da nação no Ranking Olímpico da UCI.

Omnium
Atleta Evento Scratch Corrida de Tempo Corrida de Eliminação Corrida de Pontos Total Posição
Posição Pontos Posição Pontos Posição Pontos Posição Pontos
Albert Torres Omnium masculino 15ª 12 10ª 22 28 11ª 22 84 10ª
Madison
Atleta Evento Pontos Voltas Posição
Sebastián Mora
Albert Torres
Madison masculino 14 0

Climbing pictogram.svg Escalada esportivaEditar

A Espanha inscreveu um escalador esportivo para o torneio olímpico. Alberto Ginés qualificou diretamente para o evento combinado masculino, após avançar à final e garantir uma das seis vagas disponíveis no Torneio Mundial de Qualificação Olímpica da IFSC em Toulouse, França.[19][20]

Atleta Evento Qualificação Final
Velocidade Boulder Dificuldade Total Posição Velocidade Boulder Dificuldade Total Posição
Melhor Posição Resultado Posição Agarras Tempo Posição Melhor Posição Resultado Posição Agarras Tempo Posição
Alberto Ginés López Masculino 6.32 7 1T1z 12 4 14 41+ - 3 294.00 6 Q 6.42 1 0T3z 0 9 7 38+ - 4 28  

Fencing pictogram.svg EsgrimaEditar

A Espanha inscreveu um esgrimista para a competição olímpica, marcando o retorno da nação ao esporte pela primeira vez desde 2008. Carlos Llavador garantiu uma vaga no florete masculino como um dos dois esgrimistas de melhor ranking buscando qualificação pela Europa, de acordo com o Ranking Oficial Ajustado da FIE.

Atleta Evento Fase de 64 Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinal Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Carlos Llavador Florete masculino Bye  CZE Choupenitch
D 11-15
Não avançou

Football pictogram.svg FutebolEditar

Masculino

Fase de Grupos

Classificado para as quartas-de-final


Pos. Seleção Pts J V E D GP GC SG
1   Espanha 5 3 1 2 0 2 1 +1
2   Egito 4 3 1 1 1 2 1 +1
3   Argentina 4 3 1 1 1 2 3 –1
4   Austrália 3 3 1 0 2 2 3 –1



22 de julho Egito   0 – 0   Espanha Sapporo Dome, Sapporo
16:30
IOC
FIFA
Árbitro:  JOR Adham Makhadmeh

25 de julho Austrália   0 – 1   Espanha Sapporo Dome, Sapporo
19:30
IOC
FIFA
Oyarzabal   81' Público: 0
Árbitro:  ETH Bamlak Tessema Weyesa

28 de julho Espanha   1 – 1   Argentina Estádio Saitama 2002, Saitama
20:00
Merino   66' IOC
FIFA
Belmonte   87' Árbitro:  USA Ismail Elfath

Quartas-de-final
31 de julho Espanha   5 – 2 (pro)   Costa do Marfim Estádio de Miyagi, Rifu
17:00
Olmo   30'
Rafa Mir   90+3',   117',   120+1'
Oyarzabal   98' (pen)
IOC
FIFA
Bailly   10'
Gradel   90+1'
Público: 0
Árbitro:  VEN Jesús Valenzuela

Semifinal
3 de agosto Japão   0 – 1 (pro)   Espanha Estádio Saitama 2002, Saitama
20:00
IOC
FIFA
Asensio   114' Público: 0
Árbitro:  PER Kevin Ortega
Final


7 de agosto Brasil     2 – 1 (pro)   Espanha   Estádio Internacional de Yokohama, Yokohama, Japão
20:30
Matheus Cunha   45+2'
Malcom   109'
IOC
FIFA
Oyarzabal   59' Público: 0
Árbitro:  AUS Chris Beath
     
 
 
Brasil[21]
     
 
 
Espanha[21]
GK 1 Santos
RB 13 Daniel Alves  
CB 15 Nino
CB 3 Diego Carlos
LB 6 Guilherme Arana   20'
CM 5 Douglas Luiz   89'
CM 8 Bruno Guimarães
RW 11 Antony   112'
AM 9 Matheus Cunha   64'   91'
LW 20 Claudinho   106'
CF 10 Richarlison   31'   114'
Substitutos:
GK 12 Brenno
DF 4 Ricardo Graça
MF 2 Gabriel Menino   112'
MF 18 Matheus Henrique
MF 19 Reinier   106'
FW 7 Paulinho   114'
FW 17 Malcom   91'
Treinador:
André Jardine
GK 1 Unai Simón
RB 18 Óscar Gil   91'
CB 12 Eric García   27'
CB 4 Pau Torres
LB 3 Marc Cucurella   91'
DM 6 Martín Zubimendi   112'
CM 8 Mikel Merino     46'
CM 16 Pedri
RF 7 Marco Asensio   46'
CF 11 Mikel Oyarzabal   104'
LF 19 Dani Olmo
Substitutos:
GK 13 Álvaro Fernández
DF 5 Jesús Vallejo   91'
DF 20 Juan Miranda   91'
MF 14 Carlos Soler   46'
MF 15 Jon Moncayola   112'
MF 21 Bryan Gil   105+1'   46'
FW 9 Rafa Mir   104'
Treinador:
Luis de la Fuente

Bandeirinha:
Anton Schetinin (Austrália)
George Lakrindis (Austrália)
Quarto árbitro:
Artur Soares Dias (Portugal)
Árbitro assistente reserva::
Rui Tavares (Portugal)
Árbitro de vídeo:
Abdulla Al-Marri (Catar)
Assistente do Árbitro de vídeo:
Muhammad Taqi (Singapura)
Chris Penso (Estados Unidos)

Gymnastics (artistic) pictogram.svg GinásticaEditar

ArtísticaEditar

A Espanha enviou equipes em ambos os gêneros para a ginástica artística pela primeira vez desde Atenas 2004. Ambas as equipes conquistaram uma das nove vagas restantes no Campeonato Mundial de Ginástica Artística de 2019 em Stuttgart, Alemanha.[22][23]

Masculino
Equipe
Atleta Evento Qualificatória Final
Aparelho Total Pos. Aparelho Total Pos.
So CA Ar S BP BF So CA Ar S BP BF
Néstor Abad Equipe 13.666 11.466 11.966 13.000 14.800 13.133 78.031 53ª Não avançou
Thierno Diallo 12.233 12.900 13.000 12.833 14.000 11.100 76.066 56ª
Nicolau Mir 13.533 12.600 12.400 13.866 14.033 13.233 79.665 48ª
Joel Plata 13.500 13.433 13.300 13.966 14.633 12.466 81.298 37ª
Total 40.699 38.933 38.700 40.832 43.466 38.832 241.462 12ª
Individual
Atleta Evento Qualificação Final
Total Posição Total Posição
Rayderley Zapata Solo 15.041 Q 14.933  
Feminino
Equipe
Atleta Evento Qualificação Final
Aparelho Total Posição Aparelho Total Posição
S BA Tr So S BA Tr So
Laura Bechdejú Equipe /
Individual geral
13.533 12.700 12.666 12.300 51.199 53ª Não avançou
Marina González 13.233 11.033 12.366 12.866 49.498 63ª
Alba Petisco 13.466 12.866 11.700 12.566 50.598 57ª
Roxana Popa 14.300 14.400 12.866 12.533 54.099 21ª Q 14.600 12.100 11.700 13.133 51.133 22ª
Total 41.299 39.966 37.898 37.965 157.128 12ª Não avançou

Golf pictogram.svg GolfeEditar

A Espanha inscreveu quatro golfistas (dois por gênero) no torneio olímpico. Jon Rahm (nº 1 do ranking), Adrià Arnaus (nº 147 do ranking), Carlota Ciganda (nº 32 do ranking), e Azahara Muñoz (nº 84 do ranking) qualificaram diretamente entre os 60 melhores golfistas elegíveis para seus respectivos eventos, baseado no Ranking Mundial da IGF.[24][25] Sergio García (nº 48 do ranking) e Rafa Cabrera-Bello (nº 140 do ranking) qualificaram, porém optaram por não participar.[26] Posteriormente, Jon Rahm testou positivo para Covid-19 e foi substituído por Jorge Campillo.

Atleta Evento Rodada 1 Rodada 2 Rodada 3 Rodada 4 Total
Resultado Resultado Resultado Resultado Resultado Par Posição
Adrià Arnaus Masculino 68 69 74 67 278 −6 T38ª
Jorge Campillo 70 75 69 75 289 +5 59ª
Carlota Ciganda Feminino 68 73 70 69 280 −4 T29ª
Azahara Muñoz 69 76 73 72 290 +6 T50ª

Weightlifting pictogram.svg HalterofilismoEditar

A Espanha inscreveu quatro halterofilistas (três homens e uma mulher) para a competição olímpica. A três vezes medalhista Lidia Valentín (87 kg feminino) e o estreante Marcos Ruiz (+109 kg masculino) terminaram entre os oito melhores de suas respectivas categorias de peso pelo Ranking Mundial Absoluto da IWF, com o atleta olímpico da Rio 2016 David Sánchez e o duas vezes atleta olímpico Andrés Mata liderando o ranking de atletas da Europa nas categorias 73 e 81 kg masculino, respectivamente, baseado no Ranking Continental Absoluto da IWF.[27]

Atleta Evento Arranque Arremesso Total Posição
Resultado Posição Resultado Posição
David Sánchez –73 kg masculino 149 177 323 10ª
Andrés Mata –81 kg masculino 158 189 347
Marcos Ruiz +109kg masculino 180 215 395
Lidia Valentín –87 kg feminino 103 122 11ª 225 10ª

Handball pictogram.svg HandebolEditar

MasculinoEditar

Fase de Grupos

Grupo A
Equipes classificadas as quartas de final
Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
1   França 8 5 4 0 1 162 148 +14
2   Espanha 8 5 4 0 1 155 142 +13
3   Alemanha 6 5 3 0 2 146 131 +15
4   Noruega 6 5 3 0 2 136 132 +4
5   Brasil 2 5 1 0 4 128 145 −17
6   Argentina 0 5 0 0 5 125 154 −29

Critérios de desempate: 1) Pontos; 2) Confronto direto; 3) Diferença de gols no confronto direto; 4) Número de gols feitos no confronto direto; 5) Diferença de gols; 6) Gols marcados; 7) Sorteio.

24 de julho de 2021
16:15
Alemanha   27–28   Espanha Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Kurtagic, Wetterwik
Weinhold 5 (13–12) Figueras, Gómez 5
  2×  Relatório   2× 

26 de julho de 2021
16:15
Espanha   28–27   Noruega Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Nikolov, Nachevski
Figueras 10 (13–14) Jøndal 9
  1×  Relatório   2× 

28 de julho de 2021
19:30
Brasil   25–32   Espanha Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Hansen, Madsen
Silva 6 (16–18) Solé 5
  Relatório   1× 

30 de julho de 2021
14:15
França   36–31   Espanha Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Horáček, Novotný
Remili 9 (18–12) Dujshebaev, Gómez 5
  2×  Relatório   1× 

1 de agosto de 2021
14:15
Espanha   36–27   Argentina Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Kurtagic, Wetterwik
Gómez 6 (17–12) Pizarro 5
  Relatório  

Quartas-de-final
3 de agosto de 2021
13:15
Suécia   33–34   Espanha Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Schulze, Tönnies
Wanne 10 (20–18) Gómez 8
  1×  Relatório   2× 

Semifinal
5 de agosto de 2021
21:00
Espanha   23–27   Dinamarca Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Brunner, Salah
Dujshebaev, Figueras 5 (10–14) M. Hansen 12
  1×  Relatório  

Disputa do bronze
7 de agosto de 2021
17:00
Egito   31–33   Espanha   Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Schulze, Tönnies
El-Ahmar, Shebib 7 (16–19) Gómez 8
  Relatório   2× 

FemininoEditar

Fase de Grupos

Grupo B
Equipes classificadas as quartas de final
Pos Equipe Pts J V E D GP GC SG
1   Suécia 7 5 3 1 1 152 133 +19
2   ROC 7 5 3 1 1 148 149 −1
3   França 5 5 2 1 2 139 135 +4
4   Hungria 4 5 2 0 3 142 149 −7
5   Espanha 4 5 2 0 3 135 142 −7
6   Brasil 3 5 1 1 3 133 141 −8

Critérios de desempate: 1) Pontos; 2) Confronto direto; 3) Diferença de gols no confronto direto; 4) Número de gols feitos no confronto direto; 5) Diferença de gols; 6) Gols marcados; 7) Sorteio.

25 de julho de 2021
19:30
Espanha   24–31   Suécia Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Koo, Lee
Pena 7 (9–13) Hansson 6
  1×  Relatório  

28 de julho de 2021
21:30
França   25–28   Espanha Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Brunner, Salah
Coatanea, Pineau 5 (12–12) Martín 6
  2×  Relatório   2× 

29 de julho de 2021
11:00
Espanha   27–23   Brasil Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Hansen, Madsen
Pena 7 (13–13) De Paula 8
  1×  Relatório   1× 

31 de julho de 2021
19:30
Hungria   29–25   Espanha Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Fonseca, Santos
Klujber, Vámos 6 (14–11) Gutiérrez Bermejo, Martín 5
  1×  Relatório  

2 de agosto de 2021
14:15
Espanha   31–34   ROC Ginásio Nacional Yoyogi, Tóquio
Público: 0
Árbitros:   Hansen, Madsen
López 7 (17–18) Vyakhireva 7
  1×  Relatório  

Equestrian pictogram.svg HipismoEditar

Ginetes espanhóis qualificaram uma equipe completa para a competição de adestramento em virtude de sua posição entre os seis melhores dos Jogos Mundiais Equestres de 2018 em Tryon, Estados Unidos.[28] Enquanto isso, dois ginetes foram adicionados ao elenco espanhol com base nos seguintes resultados do Ranking Olímpico Individual da FEI: uma posição entre os dois melhores fora das equipes para o Grupo B (Sudoeste da Europa) no CCE e a maior posição fora das equipes na seleção continental dos saltos. [29]

AdestramentoEditar

Atleta Cavalo Evento Grand Prix Grand Prix Special Grand Prix Freestyle Total
Pontos Pos. Pontos Pos. Técnico Artístico Pontos Pos.
Beatriz Ferrer-Salat Elegance Individual 72.096 18ª q 72.607 82.457 77.532 17ª
José Antonio García Mena Sorento / Divina RoyalTF 69.146 32ª Não avançou
Severo Jurado Fendi T 68.370 38ª Não avançou
Beatriz Ferrer-Salat
José Antonio García Mena
Severo Jurado
See above Equipe 6749.5 Q 7198.5 7198.5

Legenda de Qualificação: Q = Qualificado à final; q = Qualificado à final como lucky loser
TF = Substituído para a final por equipes

CCEEditar

Atleta Cavalo Evento Adestramento Cross-country Salto Total
Qualificação Final
Pênaltis Pos. Pênaltis Total Pos. Pênaltis Total Pos. Pênaltis Total Pos. Pênaltis Pos.
Francisco Gaviño Source de la Faye Individual 47.70 62ª 75.60 123.30 51ª 12.00 135.30 44ª Não avançou 135.30 44ª

SaltosEditar

Atleta Cavalo Evento Qualificação Final Total
Penalidades Posição Penalidades Posição Penalidades Posição
Eduardo Álvarez Aznar Legend Individual 4.00 31ª Não avançou

Hockey sobre a gramaEditar

  • Equipa masculina (16 jogadores)
  • Equipa feminina (16 jogadoras)

Judo pictogram.svg JudôEditar

A Espanha qualificou sete judocas (três homens e quatro mulheres) para as seguintes classes de peso nos Jogos. Seis deles, capitaneados pelo atleta nascido na Geórgia e bicampeão mundial Nikoloz Sherazadishvili (90 kg masculino) e pelos atletas olímpicos da Rio 2016 Francisco Garrigós (60 kg masculino) e María Bernabéu (70 kg feminino), foram selecionados entre os 18 melhores judocas de suas categorias de peso, baseado no Ranking Mundial da IJF de 28 de junho de 2021 Cristina Cabaña (63 kg feminino) aceitou uma vaga continental da Europa como a judoca de melhor ranking da nação fora da posição de qualificação direta.[30][31]

Masculino
Atleta Evento Fase de 64 Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Repescagem Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Francisco Garrigós −60 kg Bye  FRA Mkheidze
0–1
Não avançou
Alberto Gaitero −66 kg  UKR Zantaraia
0–1
Não avançou
Nikoloz Sherazadishvili −90 kg Bye  MGL Altanbagana
V 1-0
 SWE Nyman
V 1-0
 ROC Igolnikov
D 0-1
 UZB Bobonov
D 0-1
Não avançou
Feminino
Atleta Evento Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Repescagem Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Julia Figueroa −48 kg  TUR Şentürk
1–0
 ISR Rishony
0–1
Não avançou
Ana Pérez −52 kg  SUI Kocher
0–1
Não avançou
Cristina Cabaña −63 kg  PHI Watanabe
1–0
 SLO Trstenjak
0–1
Não avançou
María Bernabéu −70 kg  ROC Taimazova
0–1
Não avançou

Swimming pictogram.svg NataçãoEditar

Nadadores espanhóis conseguiram as marcas de qualificação para os seguintes eventos (até o máximo de 2 por evento com o Tempo de Qualificação Olímpica (OQT), e potencialmente 1 com o Tempo de Seleção Olímpica (OST)):[32][33] Para garantir sua seleção para a equipe espanhola, os nadadores deveriam ter conquistado a marca na final (ou em corridas por tempo de longa distância) de cada evento individual de piscina e um de três eventos domésticos sancionados pela FINA e pela Royal Spanish Swimming Federation (RFEN): o Troféu Internacional de Castalia-Castellón (8-9 de dezembro de 2020 em Castellón), o Aberto da Espanha (24–28 de março de 2021 em Sabadell), e o Campeonato Europeu de Esportes Aquáticos de 2021 (17–23 de maio de 2021 em Budapeste), se necessário e disponível.[34]

Adicionalmente, os nadadores de águas abertas Alberto Martínez e Paula Ruiz garantiram vagas, o primeiro no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2019 em Gwangju, Coreia do Sul, e a última no Qualificatório de Maratona Aquática da FINA de 2021 em Setúbal, Portugal .

Masculino
Atleta Evento Eliminatória Semifinal Final
Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição
Nicolás García 200 m costas 1:57.62 13ª Q 1:56.35 Q 1:59.06
Hugo González 100 m costas 53.45 Q 53.05 Q 52.78
200 m medley 1:57.61 11ª Q 1:57.96 11ª Não avançou
Alberto Martínez 10 km águas abertas 1:53:16.4 18ª
Joan Lluís Pons 400 m medley 4:12.67 15ª Não avançou
Feminino
Atleta Evento Eliminatória Semifinal Final
Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição
Mireia Belmonte 800 m livre 8:26.71 14ª Não avançou
1500 m livre 16:11.68 15ª Não avançou
400 m medley 4:35.88 Q 4:35.13
Marina García 200 m peito 2:26.21 22ª Não avançou
Lidón Muñoz 50 m livre 25.10 23ª Não avançou
100 m livre 54.97 27ª Não avançou
Jimena Pérez 800 m livre 8:33.98 21ª Não avançou
1500 m livre 16:15.99 18ª Não avançou
Paula Ruiz 10 km águas abertas 2:03:17.6 16ª
Jessica Vall 100 m peito 1:07.07 18ª Não avançou
200 m peito 2:23.31 10ª Q 2:24.87 13ª Não avançou
África Zamorano 200 m costas 2:10.72 14ª Q 2:10.42 13ª Não avançou
200 m medley 2:13.81 20ª Não avançou
Mireia Belmonte
Lidón Muñoz
Jessica Vall
África Zamorano
Revezamento 4x100 m medley 4:04.14 16ª Não avançou

Olympic rings.svg Natação artísticaEditar

A Espanha enviou uma equipe de oito nadadoras artísticas para competir em todos os eventos após garantir a medalha de prata e garantir a segunda de três vagas disponíveis no Torneio de Qualificação Olímpica da FINA de 2021 em Barcelona, Espanha.[35]

Atleta Evento Rotina técnica Rotina livre (preliminar) Rotina livre (final)
Pontos Posição Pontos Total (técnica + livre) Posição Pontos Total (técnica + livre) Posição
Alisa Ozhogina
Iris Tió
Dueto 86.9281 88.300 175.2281 11ª Q 88.6667 175.5948 10ª
Ona Carbonell
Berta Ferreras
Meritxell Mas
Alisa Ozhogina
Paula Ramírez
Sara Saldaña
Iris Tió
Blanca Toledano
Equipe 90.3780 91.5333 181.9113

Modern pentathlon pictogram.svg Pentatlo modernoEditar

A Espanha inscreveu um pentatleta para a competição olímpica pela primeira vez desde Pequim 2008. Aleix Heredia ficou em sexto de oito atletas buscando qualificação para o evento masculino, baseado no Ranking Mundial da UIPM de 1 de junho de 2021.[36]

Atleta Evento Esgrima
(espada um toque)
Natação
(200 m nado livre)
Hipismo
(concurso de saltos)
Combinado: tiro/corrida
(pistola de ar 10 m)/(3200 m)
Pontos totais Posição
RR BR Posição Pontos Tempo Posição Pontos Tempo Posição Pontos Tempo Posição Pontos
Aleix Heredia Masculino 16-19 4 23ª 200 2:07.78 33ª 295 70.14 15ª 286 11:34.52 23ª 606 1387 23ª

Polo aquáticoEditar

  • Equipa masculina (12 jogadores)
  • Equipa feminina (12 jogadoras)

Rowing pictogram.svg RemoEditar

A Espanha qualificou três barcos para as seguintes classes da regata olímpica, com a maioria das tripulações confirmando vagas para seus barcos no Campeonato Mundial de Remo de 2019 em Ottensheim, Austria.[37][38]

Atleta Evento Eliminatórias Repescagem Semifinais Final
Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição Tempo Posição
Jaime Canalejo
Javier García
Dois sem masculino 6:53.33 R 6:47.06 SA/B 6:16.25 FA 6:25.25
Manel Balastegui
Caetano Horta
Skiff duplo leve masculino 6:38.72 R 6:45.71 SA/B 6:15.49 FB 6:15.45
Aina Cid
Virginia Díaz
Dois sem feminino 7:23.14 SA/B Bye 6:50.63 FA 7:00.05

Legenda de Qualificação: FA=Final A (medalha); FB=Final B (sem medalha); FC=Final C (sem medalha); FD=Final D (sem medalha); FE=Final E (sem medalha); FF=Final F (sem medalha); SA/B=Semifinais A/B; SC/D=Semifinais C/D; SE/F=Semifinais E/F; QF=Quartas-de-final; R=Repescagem

Diving pictogram.svg Saltos ornamentaisEditar

A Espanha inscreveu dois saltadores para a competição olímpica após terminarem entre os 18 melhores no trampolim masculino durante da Copa do Mundo da FINA de 2021 em Tóquio, Japão.

Atleta Evento Preliminar[39] Semifinal Final
Pontos Posição Pontos Posição Pontos Posição
Alberto Arévalo Trampolim 3 m masculino 322.85 26ª Não avançou
Nicolás García Boissier 382.6 19ª Não avançou

Skateboarding pictogram.svg SkateEditar

A Espanha inscreveu quatro skatistas (dois homens e duas mulheres) para competir em todos os eventos dos Jogos. Danny León, Jaime Mateu e Julia Benedetti foram automaticamente selecionados entre os dezesseis melhores skatistas do park masculino e feminino, respectivamente, pelo ranking olímpico da World Skate em 30 de junho de 2021.[40]Andrea Benítez posteriormente substituiu a skatista Candy Jacobs após ela testar positivo para COVID-19 e ter de desistir dos Jogos.

Atleta Evento Qualificação Final
Pontos Posição Pontos Posição
Danny León Park masculino 73.24 Não avançou
Jaime Mateu 69.18 10ª Não avançou
Julia Benedetti Park feminino 27.76 16ª Não avançou
Andrea Benítez Street feminino 5.96 15ª Não avançou

Taekwondo pictogram.svg TaekwondoEditar

A Espanha inscreveu quatro atletas para a competição olímpica do taekwondo. O atleta olímpico da Rio 2016 Jesús Tortosa (58 kg masculino), Javier Pérez (68 kg masculino) e Raúl Martínez (80 kg masculino) qualificaram diretamente para suas respectivas categorias de peso após terminarem entre os cinco melhores atletas de taekwondo do Ranking Olímpico da WT, embora Jesús Tortosa tenha sido posteriormente substituído por Adrián Vicente por uma decisão técnica da Federação Espanhola de Taekwondo. Enquanto isso, a atleta de 17 anos Adriana Cerezo conquistou uma vitória na semifinal da categoria 49 kg feminino no Torneio Europeu de Qualificação Olímpica de 2021, em Sofia, Bulgária, para garantir a vaga olímpica.[41]

Atleta Evento Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Repescagem Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Adrián Vicente −58 kg masculino  POR Bragança
V 24–9
 KOR Jang
D 19–24
Não avançou
Javier Pérez −68 kg masculino  EGY Wael
D 22–20
Não avançou
Raúl Martínez −80 kg masculino  CRO Kanaet
D 15–21
Não avançou
Adriana Cerezo −49 kg feminino  SRB Bogdanović
V 12–4
 CHN Wu
V 33–2
 TUR Yıldırım
V 39–19
Bye  THA Wongpattanakit
D 10–11
 

Tennis pictogram.svg TênisEditar

A Espanha inscreveu oito tenistas (quatro por gênero) para o torneio olímpico. Pablo Carreño (nº 12 do mundo), Alejandro Davidovich (nº 35 do mundo) e Pablo Andújar (nº 70 do mundo), junto com Roberto Carballés (nº 100 do mundo) substituindo o número três do mundo e bicampeão olímpico Rafael Nadal para ficar com a quarta vaga, qualificaram diretamente entre os 56 tenistas elegíveis para o torneio de simples baseado no Ranking de Entradas da ATP. Garbiñe Muguruza (nº 13 do mundo), Paula Badosa (nº 33 do mundo) e Sara Sorribes (nº 53 do mundo), junto com a veterana Carla Suárez Navarro, que disputou os Jogos pela quarta vez, ocuparam quatro das 56 vagas disponíveis para o torneio de simples feminino, baseado no Ranking Mundial da WTA em 13 de junho de 2021.[42][43]

Masculino
Atleta Evento Fase de 64 Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Pablo Andújar Simples  FRA Humbert
D 6–7(3–7), 1–6
Não avançou
Roberto Carballés  GEO Basilashvili
D 3–6, 2–6
Não avançou
Pablo Carreño  USA Sandgren
V 7–5, 6–2
 CRO Čilić
V 5–7, 6–4, 6–4
 GER Koepfer
V 7–6(9–7), 6–3
 ROC Medvedev
V 6–2, 7–6(7–5)
 ROC Khachanov
D 3–6, 3–6
 SRB Djokovic
V 6–4, 6–7(6–8), 6-3
 
Alejandro Davidovich  POR Sousa
V 6–3, 6–0
 AUS Millman
V 6–4, 6–7(4–7), 6–3
 SRB Djokovic
D 3–6, 1–6
Não avançou
Pablo Andújar
Roberto Carballés
Duplas  ITA Musetti /
Sonego
D 5–7, 4–6
Não avançou
Pablo Carreño
Alejandro Davidovich
 COL Cabal /
Farah
D 2–6, 4–6
Não avançou
Feminino
Atleta Evento Fase de 64 Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Paula Badosa Simples  FRA Mladenovic
V 6–7(4–7), 6–3, 6–0
 POL Świątek
V 6–3, 7–6(7–4)
 ARG Podoroska
V 6–2, 6–3
 CZE Vondroušová
D 3–6, ret
Não avançou
Garbiñe Muguruza  ROC Kudermetova
V 7–5, 7–5
 CHN Wang
V 6–3, 6–0
 BEL Van Uytvanck
V 6–4, 6–1
 KAZ Rybakina
D 5–7, 1–6
Não avançou
Sara Sorribes  AUS Barty
V 6–4, 6–3
 FRA Ferro
V 6–1, 6–4
 ROC Pavlyuchenkova
D 1–6, 3–6
Não avançou
Carla Suárez Navarro  TUN Jabeur
V 6–4, 6–1
 CZE Plíšková
D 3–6, 7–6(7–0), 1–6
Não avançou
Paula Badosa
Sara Sorribes
Duplas  MEX Olmos /
Zarazúa
V 6–2, 6–7(4–7), [10–7]
 CZE Krejčíková /
Siniaková
D 6–2, 5–7, [5–10]
Não avançou
Garbiñe Muguruza
Carla Suárez Navarro
 BEL Mertens /
Van Uytvanck
V 6–3, 7–6(7–4)
 SUI Bencic /
Golubic
D 6–3, 1–6, [9–11]
Não avançou

Table tennis pictogram.svg Tênis de mesaEditar

A Espanha inscreveu três mesatenistas para o torneio olímpico de tênis de mesa. Álvaro Robles conquistou uma vitória na segunda fase do Torneio de Qualificação Olímpica da Europa em Odivelas, Portugal, para garantir uma das cinco vagas disponíveis no simples masculino, enquanto Maria Xiao garantiu a última das quatro vagas femininas após conquistar uma vaga na terceira fase do mesmo torneio.[44][45] A três vezes atleta olímpica Galia Dvorak foi selecionada automaticamente entre as dez melhores mesatenistas ainda buscando qualificação para se juntar a Xiao no mesmo evento, baseado no Ranking Olímpico da ITTF de 1 de junho de 2021.[46]

Atleta Evento Preliminar Rodada 1 Rodada 2 Rodada 3 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final / BM
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Álvaro Robles Simples masculino Bye  ARG Alto
V 4-1
 SLO Jorgić
D 3-4
Não avançou
Galia Dvorak Simples feminino Bye  USA Liu
D 1-4
Não avançou
María Xiao Bye  KAZ Lavrova
V 4-0
 HKG Soo Wai Yam
V 4-2
 SIN Feng TW
D 1-4
Não avançou

Shooting pictogram.svg TiroEditar

Atiradores espanhois conquistaram vaga para o seguinte evento em virtude de sua melhor posição no Campeonato Mundial da ISSF de 2018, na Copa do Mundo da ISSF de 2019, no Campeonato ou nos Jogos Europeus e no Torneio de Qualificação da Europa, contanto que tivessem obtido a marca de qualificação mínima (MQS) até 31 de maio de 2020.[47]

Atleta Evento Qualificação Final
Pontos Posição Pontos Posição
Alberto Fernández Fossa olímpica masculino 122 Não avançou
Fátima Gálvez Fossa olímpica feminino 116 14ª Não avançou
Alberto Fernández
Fátima Gálvez
Fossa olímpica duplas mistas 148 1 Q 41  

Archery pictogram.svg Tiro com arcoEditar

A Espanha qualificou dois arqueiros: um para o recurvo individual masculino, após conquistar a medalha de bronze e garantir uma vaga direta nos Jogos Europeus de 2019 em Minsk, Bielorrússia;[48]e outra para o recurvo individual feminino após garantir uma das quatro vagas disponíveis no Torneio Europeu de Qualificação Continental de 2021 em Antalya, Turquia.

Atleta Evento Fase de ranking Fase de 64 Fase de 32 Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final / BM
Resultado Posição Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Daniel Castro Individual masculino 650 44ª  TPE Chun-heng
D 2-6
Não avançou
Inés de Velasco Individual feminino 628 48ª  USA Kaufhold
D 3-7
Não avançou
Daniel Castro
Inés de Velasco
Equipes mistas 1278 21ª Não avançou

Triathlon pictogram.svg TriatloEditar

A Espanha inscreveu cinco triatletas (três homens e duas mulheres) para competir nas Olimpíadas. O medalhista de prata em Londres 2012 Javier Gómez Noya, junto com os atletas olímpicos da Rio 2016 Fernando Alarza e Mario Mola, foram selecionados entre os 26 triatletas ainda buscando qualificação para o evento masculino baseado no Ranking Mundial da ITU de 15 junho de 20212, com Miriam Casillas e a estreante Anna Godoy conseguindo as duas vagas do lado feminino.[49]

Atleta Evento Natação (1.5 km) Trans 1 Ciclismo (40 km) Trans 2 Corrida (10 km) Tempo Posição
Fernando Alarza Masculino 18:20 0:38 56:09 0:33 30:42 1:46:22 12ª
Javier Gómez Noya 18:22 0:38 56:05 0:33 32:08 1:47:46 25ª
Mario Mola 18:21 0:38 56:06 0:33 30:38 1:46:13 10ª
Miriam Casillas Feminino 19:46 0:42 1:04:50 0:34 36:00 2:01:52 21ª
Anna Godoy 20:12 0:44 Levou volta
Revezamento
Atleta Evento Natação (250 m) Trans 1 Ciclismo (7 km) Trans 2 Corrida (1.5 km) Tempo da equipe Posição
Anna Godoy
Fernando Alarza
Miriam Casillas
Mario Mola
Revezamento misto 3:46

4:05
4:33

4:05

0:40

0:39
0:38

0:36

10:38

9:51
10:50

9:51

0:31

0:26
0:31

0:27

6:33

5:32
6:50

5:29

1:26:31 10ª

Olympic pictogram Sailing.png VelaEditar

Velejadores espanhois qualificaram um barco em cada uma das seguintes classes através do Campeonato Mundial de Vela de 2018, dos Campeonatos Mundiais das Classes, dos Jogos Pan-Americanos de 2019 e das regatas continentais.[50][51]

Ao fim da temporada de 2019, a Royal Spanish Sailing Federation anunciou a primeira parte da equipe que participaria da regata em Enoshima, nomeando a windsurfista Blanca Manchón, o atleta olímpico da Rio 2016 Jordi Xammar e seu novo parceiro Nicolás Rodríguez na classe 470 masculina.[52] As tripulações da 49er, 49erFX, e Nacra 17, com destaque para a medalhista de ouro de Londres 2012 Támara Echegoyen, foram nomeadas em 19 de fevereiro de 2020, com a dupla feminina da 470 sendo anunciada em março de 2020.[53][54] Ángel Granda (RS:X masculino) foi adicionado à lista de atletas espanhois para os Jogos em 16 de março de 2021, com Cristina Pujol (Laser Radial) sendo selecionada um mês depois.[55]

Masculino
Atleta Evento Regata Pontos Posição
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 M*
Ángel Granda RS:X 2 3 13 14 13 17 15 9 10 18 7 8 10 118 10ª
Joel Rodríguez Laser 21 4 23 13 9 25 9 10 27 21 EL 135 16ª
Joan Cardona Finn 3 3 5 3 2 3 13 7 8 5 6 51  
Nicolás Rodríguez
Jordi Xammar
470 10 1 10 6 14 1 3 2 5 7 10 55  
Diego Botín
Iago López
49er 5 1 2 5 4 10 15 2 5 4 12 6 7 70
Feminino
Atleta Evento Regata Pontos Posição
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 M*
Blanca Manchón RS:X 7 7 12 14 13 16 14 9 14 14 10 10 EL 124 11ª
Cristina Pujol Laser Radial 1 23 23 28 24 26 30 33 20 4 EL 179 23ª
Patricia Cantero
Silvia Mas
470 11 13 3 6 14 15 8 17 1 10 EL 81 11ª
Paula Barceló
Tamara Echegoyen
49erFX 2 10 22 2 3 3 13 4 5 19 12 4 12 89
Misto
Atleta Evento Regata Pontos perdidos Posição final
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 M*
Florián Trittel
Tara Pacheco
Nacra 17 4 6 6 10 6 3 7 1 7 9 13 3 14 76

M = Regata da medalha; EL = Eliminado – não avançou à regata da medalha

Volleyball (beach) pictogram.svg Voleibol de praiaEditar

A dupla feminina de voleibol de praia da Espanha conseguiu qualificação para os Jogos após avançar à final do Torneio Mundial de Qualificação Olímpica de 2019 em Haiyang, China;[56] Enquanto isso, a dupla masculina garantiu uma vaga direta para o torneio por ficar entre as 15 melhores duplas no Ranking Olímpico da FIVB em 13 de junho de 2021.[57]

Atleta Evento Fase preliminar Repescagem Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Final / BM
Adversário / Resultado Posição Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Opposition
Resultado
Adversário
Resultado
Adversário
Resultado
Posição
Adrián Gavira
Pablo Herrera
Masculino  ROC SemenovLeshukov
D 0-2 (19-21, 20-22)
 NOR MolSørum
D 0-2 (17-21, 22-24)
 AUS McHughSchumann
V 2-0 (21-16, 21-16)
3 q  POL KantorŁosiak
V 2-1 (31-29, 19-21, 15-7)
 ROC  Krasilnikov Stoyanovskiy
D 0-2 (20-22, 17-21)
Não avançou
Elsa Baquerizo
Liliana Fernández
Feminino  NED KeizerMeppelink
V 2-1 (19-21, 21-18, 16-14)
 USA KlinemanRoss
D 0-2 (13-21, 16-21)
 CHN XueWang X
D 0-2 (13-21, 10-21)
3 q  JPN IshiiMurakami
V 2-0 (21-15, 21-10)
 CAN PavanHumana-Paredes
D 0-2 (13-21, 13-21)
Não avançou

Referências

  1. a b «Saúl Craviotto e Mireia Belmonte, abandeirados espanhóis em Tokio 2020». Pág. do COE, 12 de maio de 2021
  2. «A Equipa Olímpica Espanhol irá finalmente a Tokio com 321 desportistas». Pág. do COE, 5 de julho de 2021
  3. «iaaf.org – Top Lists». IAAF. Consultado em 8 de abril de 2019 
  4. «IAAF Games of the XXXII Olympiad – Tokyo 2020 Entry Standards» (PDF). IAAF. Consultado em 8 de abril de 2019. Cópia arquivada (PDF) em 8 de abril de 2019 
  5. «Tokyo 2020 Badminton Qualifiers Announced». Badminton World Federation. 5 de julho de 2021. Consultado em 9 de julho de 2021 
  6. «Clara Azurmendi y Pablo Abián ya conocen a sus rivales en los Juegos Olímpicos de Tokio 2020» [Clara Azurmendi and Pablo Abián already know their rivals at the Tokyo 2020 Olympic Games]. Espana Badminton (em espanhol). 8 de julho de 2021. Consultado em 14 de julho de 2021. Cópia arquivada em 14 de julho de 2021 
  7. «Injured Olympic Champion Marin to Miss Tokyo 2020». Badminton World Federation. 1 de junho de 2021. Consultado em 13 de julho de 2021 
  8. Lewis, Ron (17 de março de 2020). «Boxing Olympic Qualification – London: Day 3 Live Blog as It Happened». Olympics. Consultado em 18 de março de 2020 
  9. «Boxing Qualifier for Tokyo 2020: 4 June 2021. As It Happened». Olympics. 4 de junho de 2021. Consultado em 11 de junho de 2021 
  10. «Olympic quota places take shape after first day of slalom heats». International Canoe Federation. 27 de setembro de 2019. Consultado em 27 de setembro de 2019 
  11. «First round of Olympic canoe sprint quotas allocated». International Canoe Federation. 30 de agosto de 2019. Consultado em 30 de agosto 2019 
  12. «Tears flow as Olympic quotas decided in Szeged». International Canoe Federation. 13 de maio de 2021. Consultado em 19 de maio de 2021 
  13. «Saúl Craviotto will lead the Spanish team for Tokyo 2020». 15 de maio de 2021. Consultado em 15 de maio de 2021 
  14. «WKF announces first qualified athletes for Tokyo 2020». World Karate Federation. 18 de março de 2020. Consultado em 19 de março de 2020 
  15. Sanz, Paloma (12 de fevereiro de 2020). «Sandra Sánchez y Damián Quintero, los mejores karatecas de kata del mundo que nos van a dar el oro en Tokio» [Sandra Sánchez and Damián Quintero, the world's best kata fighters in karate, will be going for gold in Tokyo] (em espanhol). Expansión. Consultado em 18 de março de 2020 
  16. «Athletes' quotas for Road Cycling events at the Tokyo 2020 Olympic Games». UCI. 18 de novembro de 2019. Consultado em 23 de novembro de 2019 
  17. «Mountain Bike Athletes quota for Cycling – Mountain Bike men's events» (PDF). www.uci.org/. Union Cycliste Internationale. 19 de maio de 2021. Consultado em 4 de junho de 2021 
  18. «Mountain Bike Athletes quota for Cycling – Mountain Bike women's events» (PDF). www.uci.org/. Union Cycliste Internationale. 19 de maio de 2021. Consultado em 4 de junho de 2021 
  19. «China's Pan secures Olympic spot in sport climbing». Xinhua. 29 de novembro de 2019. Consultado em 30 de novembro de 2019 
  20. Binner, Andrew (1 de dezembro de 2019). «Sport climbing's Kyra Condie defies the odds to qualify for Tokyo 2020». Olympic Channel. Consultado em 3 de dezembro de 2019 
  21. a b «Tactical Starting Line-up: Match 28, BRA vs ESP» (PDF). Olympics.com. 7 de agosto de 2021. Consultado em 7 de agosto de 2021 
  22. «U.S., Biles top women's qualification at Stuttgart Worlds». FIG. 5 de outubro de 2019. Consultado em 6 de outubro de 2019 
  23. «Russians retain top qualification spots at Stuttgart Worlds». FIG. 7 de outubro de 2019. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  24. «Four Americans headed to Tokyo as Olympic qualifying wraps after U.S. Open». Golf Channel. 21 de junho de 2021. Consultado em 6 de julho de 2021 
  25. Romine, Brentley (29 de junho de 2021). «Korda sisters headline 60-player Olympic women's golf field». Golf Channel. Consultado em 6 de julho de 2021 
  26. «Sergio García y Rafa Cabrera renuncian a los Juegos de Tokio» [Sergio García and Rafa Cabrera withdrew from the Tokyo Olympics]. Marca (em espanhol). 22 de junho de 2021. Consultado em 13 de junho de 2021 
  27. «La Federación Internacional confirma a Mata para Tokio» [The International Federation confirms Mata for Tokyo] (em espanhol). Canary Islands: El Día. 7 de julho de 2021. Consultado em 15 de julho de 2021 
  28. Keating, Steve (13 de setembro de 2018). «Equestrian: Werth weight in gold as Germany takes team dressage». Reuters. Consultado em 14 de setembro de 2018 
  29. «Tokyo 2020 team and individual quota places confirmed by FEI». FEI. 17 de fevereiro de 2020. Consultado em 1 de março de 2020 
  30. Messner, Nicolas (22 de junho de 2021). «Tokyo 2020: Official Olympic Qualification List». International Judo Federation. Consultado em 2 de julho de 2021 
  31. «Niko Shera encabeza el equipo de siete judocas españoles en Tokio» [Niko Shera leads a team of seven Spanish judoka in Tokyo] (em romeno). Marca. 2 de julho de 2021. Consultado em 14 de julho de 2021 
  32. «FINA – Olympic Games Tokyo 2020 Qualification». FINA. Consultado em 23 de março de 2019 
  33. «Tokyo 2020 – FINA Swimming Qualification System» (PDF). Tokyo 2020. FINA. Consultado em 6 de março de 2021 
  34. Race, Loretta (27 de novembro de 2020). «Mireia Belmonte Entered In Open Castalia Olympic-Qualifier». SwimSwam. Consultado em 19 de dezembro de 2020 
  35. «List of Olympic Teams and Duets is now completer». FINA. 14 de junho de 2021. Consultado em 22 de junho de 2021 
  36. «Tokyo 2020 Olympic Games: Modern Pentathlon line-up revealed». UIPM. 30 de junho de 2021. Consultado em 3 de julho de 2021 
  37. «Plenty of Tokyo 2020 qualifiers, loads of pride at World Rowing Championships». International Rowing Federation. 29 de agosto de 2019. Consultado em 31 de agosto de 2019 
  38. «B-finals take on new meaning when Tokyo 2020 spots are available». International Rowing Federation. 31 de agosto de 2019. Consultado em 31 de agosto de 2019 
  39. «Men's 3m Springboard Preliminary» (PDF). Olympics.com. 2 de agosto de 2021. Consultado em 6 de agosto de 2021. Cópia arquivada (PDF) em 6 de agosto de 2021 
  40. «The List of Future Olympic Skateboarders is Official!!!». World Skate. 9 de junho de 2021. Consultado em 3 de julho de 2021 
  41. «Eight Olympic spots claimed on day one of European Qualification Tournament for Tokyo 2020». World Taekwondo. 7 de maio de 2021. Consultado em 8 de maio de 2021 
  42. «ITF announces entries for Tokyo 2020 Olympic and Paralympic Games». International Tennis Federation. 1 de julho de 2021. Consultado em 2 de julho de 2021 
  43. «Barty, Osaka headline entries for Tokyo Olympics». Women's Tennis Association. 15 de junho de 2021. Consultado em 2 de julho de 2021 
  44. «Places booked new names join Olympic order». International Table Tennis Federation. 24 de abril de 2021. Consultado em 26 de abril de 2021 
  45. «Last places booked; Panagiotis Gionis makes it five in a row». International Table Tennis Federation. 25 de abril de 2021. Consultado em 26 de abril de 2021 
  46. «Singles and Mixed Doubles contenders confirmed for Tokyo». International Table Tennis Federation. 7 de junho de 2021. Consultado em 12 de junho de 2021 
  47. «Quota Places by Nation and Number». www.issf-sports.org/. ISSF. 1 de janeiro de 2018. Consultado em 2 de setembro de 2018 
  48. «Mauro Nespoli adds third Italian recurve title of 2019 European Games». World Archery. 27 de junho de 2019. Consultado em 28 de junho de 2019 
  49. «Gómez Noya, Mola, Alarza, Casillas y Godoy, el equipo para el infierno de Tokio» [Gómez Noya, Mola, Alarza, Casillas and Godoy formed a team for Tokyo] (em espanhol). Marca. 16 de junho de 2021. Consultado em 15 de julho de 2021 
  50. «Eight nations book Tokyo 2020 spot in the Women's 470». World Sailing. 8 de agosto de 2018. Consultado em 10 de agosto de 2018 
  51. «First Finn and Men's 470 Tokyo 2020 nations confirmed». World Sailing. 8 de agosto de 2018. Consultado em 10 de agosto de 2018 
  52. «La vela española tendrá siete representantes en Tokio 2020» [The Spanish sailing team will have seven representatives for Tokyo 2020] (em espanhol). Eurosport. 8 de dezembro de 2020. Consultado em 19 de fevereiro de 2020 
  53. «Echegoyen-Barceló, Botín-López Marra y Pacheco-Trittel, los elegidos para Tokio» [Echegoyen-Barceló, Botín-López Marra, and Pacheco-Trittel are selected for Tokyo] (em espanhol). Marca. 19 de fevereiro de 2020. Consultado em 19 de fevereiro de 2020 
  54. «Silvia Mas y Patricia Cantero, tripulación española de 470 en los Juegos Olímpicos» [Spain's 470 crew members Silvia Mas and Patricia Cantero qualified for the Olympics] (em espanhol). ABC. 26 de março de 2020. Consultado em 28 de março de 2020 
  55. «Ángel Granda representará a España en Tokio en RS:X» [Ángel Granda will represent Spain in Tokyo for RS:X] (em espanhol). Diario AS. 16 de março de 2021. Consultado em 22 de março de 2021 
  56. «Latvia and Spain celebrate berths for Olympics». FIVB. 22 de setembro de 2019. Consultado em 22 de setembro de 2019 
  57. «Tokyo Tracker: Fifteen Berths Secured Via Points In A Variety Of Paths». FIVB. 13 de junho de 2021. Consultado em 2 de julho de 2021 

Ligações externasEditar