Diferenças entre edições de "Arruda dos Pisões"

35 bytes adicionados ,  21h55min de 11 de abril de 2008
m
sem resumo de edição
(+ type utilizando AWB)
m
 
==Povoamento Humano==
A Freguesia de Arrudas Pisões é considerada uma das mais antigas do concelho de [[Rio Maior]] e os seus povos descenderão de habitantes primitivos da região.
 
A presença humana nesta zona remonta a épocas muito remotas. Pensa-se que terá sido no último período da era [[Cenozóica]]. Deslocavam-se grupos pouco numerosos, ao longo dos rios e lagos, á procura de raízes, frutos e outras comidas. Pernoitavam nas grutas e nos buracos, que lhes pareciam seguros dos animais.
 
==Toponímia==
O topónimo Pisões, deriva de ''Pizoens'', era um instrumento com que as populações de antigamente moíam os [[cereal|cereais]] para fabricar [[farinha]], objectam que batia no recipiente ou almofariz. PisoesPisões também poderia ser maquinas utilizadas para lhe dar mais consistência, e assim sendo poderá indicar a existência, noutras tempos de uma industria de panos, o topónimo Arruda poderá estar ligado a uma planta lenhosa, que aqui existiu, de forte cheiro e desagradável e sabor acre, utilizada para fins medicinais.
 
==História==
A freguesia de S.Gregório de Arruda dos Pisões, era uma vigararia e posteriormente de Avis, sendo um dos seus frades professos a apresentar a Mesa da Consciência.
No ano de [[1527]], na aldeia de Arruda dos Pisões existiam 27 fogos habitacionais e uma população de cerca de 120 habitantes. Em [[1758]], existiam cerca de 63 fogos e 243 habitantes. No recenseamento de [[1930]] a freguesia tinha 128 fogos e cerca de 624 habitantes, sendo a freguesia menos populosa do concelho.
 
==Economia==
87 783

edições