Diferenças entre edições de "Aleksandr Dityatin"

345 bytes adicionados ,  14h31min de 31 de agosto de 2008
m
format, cat, iw
("wikificar" usando monobook-suite)
m (format, cat, iw)
{{wikificar}}
{{wikificar}}Alexander Nikolaievich Dityatin (Russo: АлександрНиколаевичДитятин, nascido em 7 de agosto de 1957 em Leningrado) é um ginasta Russo, três vezes campeão Olimpico, e um mestre honrado dos esportes da URSS. Ganhando oito medalhas nos Jogos Olympicos de Verão de 1980, alcançou o recorde para conseguir a maioria de medalhas de qualquer tipo em um único Jogos Olímpicos. Foi o primeiro homem a receber nota 10 em uma olimpíada. O nadador estadunidense Michael Phelps igualou recentemente, duas vezes este recorde, em Atenas 2004 e em Beijing 2008. [1] Dityatin competiu para a sociedade esportiva Dínamo de Leningrado. O primeiro sucesso olímpico de Dityatin foi nos Jogos Olímpicos de Verão de 1976 em Montreal, onde ganhou duas medalhas de prata – nas argolas e na competição por equipes. Nos Jogos Olímpicos de Verão de 1980 em Moscow ganhou o título versátil e mais sete medalhas, incluindo dois ouros. Em agosto de 2008 torna-se o único atleta a ganhar uma medalha em cada um dos oito eventos do ginástica artística em uma edição dos Jogos Olympicos de Verão. Logo após os Jogos Olympicos de 1980, Dityatin foi ferido seriamente ao treinar, encerrando sua carreira. Dityatin graduou-se no instituto Leninegrado Lesgaft em Educação Física. Lhe foi concedido a ordem do emblema de Honra (1976), e a ordem de Lenin (1980, para guardar a beira do estado da URSS). Entre 1980 e 1995 Dityatin era técnico principal de uma equipe esportiva de Leningrado (Leningrado OKPP). Desde 1995 trabalha como o inspector-chefe do ponto de verificação do aeroporto de Pulkovo (Pulkovo-2 OKPP). É um tenente coronel do serviço Russo da beira. Em 2004 Dityatin foi imortalizado no Hall da Fama da Gynástica internacional[2]
 
Alexander Nikolaievich Dityatin (Russo: АлександрНиколаевичДитятин, nascido em 7 de agosto de 1957 em Leningrado) é um ginasta Russo, três vezes campeão Olimpico, e um mestre honrado dos esportes da URSS.
 
Ganhando oito medalhas nos Jogos Olympicos de Verão de 1980, alcançou o recorde para conseguir a maioria de medalhas de qualquer tipo em um único Jogos Olímpicos. Foi o primeiro homem a receber nota 10 em uma olimpíada.
 
O nadador estadunidense Michael Phelps igualou recentemente, duas vezes este recorde, em Atenas 2004 e em Beijing 2008. [1]
 
Dityatin competiu para a sociedade esportiva Dínamo de Leningrado. O primeiro sucesso olímpico de Dityatin foi nos Jogos Olímpicos de Verão de 1976 em Montreal, onde ganhou duas medalhas de prata – nas argolas e na competição por equipes.
 
Nos Jogos Olímpicos de Verão de 1980 em Moscow ganhou o título versátil e mais sete medalhas, incluindo dois ouros. Em agosto de 2008 torna-se o único atleta a ganhar uma medalha em cada um dos oito eventos do ginástica artística em uma edição dos Jogos Olímpicos de Verão.
 
Logo após os Jogos Olympicos de 1980, Dityatin foi ferido seriamente ao treinar, encerrando sua carreira. Dityatin graduou-se no instituto Leninegrado Lesgaft em Educação Física. Foi-lhe concedido a ordem do emblema de Honra (1976), e a ordem de Lenin (1980, para guardar a beira do estado da URSS).
 
Entre 1980 e 1995 Dityatin era técnico principal de uma equipe esportiva de Leningrado (Leningrado OKPP). Desde 1995 trabalha como o inspector-chefe do ponto de verificação do aeroporto de Pulkovo (Pulkovo-2 OKPP). É um tenente coronel do serviço Russo da beira. Em 2004 Dityatin foi imortalizado no Hall da Fama da Gynástica internacional[2]
 
[[Categoria:Ginastas da União Soviética]]
 
[[de:Alexander Nikolajewitsch Ditjatin]]
[[en:Alexander Dityatin]]
[[fr:Alexander Dityatin]]
[[nl:Aleksandr Dityatin]]
[[ja:アレクサンドル・ディチャーチン]]
[[pl:Aleksandr Ditiatin]]
[[fi:Aleksandr Ditjatin]]
[[sv:Aleksandr Dityatin]]
[[zh:阿列克桑德·季佳京]]
59 779

edições