Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho ,  19h54min de 6 de outubro de 2008
sem resumo de edição
Originalmente, o termo carregava uma forte conotação militar. Depois da [[Revolução Russa de 1917]], os [[Comunismo|comunistas]] empregaram-no profusamente como alternativa [[Igualdade|igualitária]] à forma de tratamento "senhor" e outras palavras similares. O termo podia acompanhar títulos para dar a eles um teor [[socialista]], como por exemplo em ''Camarada General'' para dirigir-se a um general de exército.
 
Este uso tem seu antecedente na época da [[Revolução Francesa]], quandequando a abolição dos títulos de nobreza e dos tratamentos ''monsieur'' e ''madame'' ("senhor" e "senhora", respectivamente) foi seguida do emprego da forma ''citoyen'' ([[cidadão]]). Por exemplo, o rei [[Luís XVI da França|Luís XVI]], depois de deposto, passou a ser referido como "cidadão Luís Capeto".
 
Ainda assim, devido ao uso extensivo desta palavra na [[URSS]], hoje em dia o termo está fortemente associado ao comunismo, formando parte do [[estereótipo]] dos comunistas, como retratados nos filmes e séries de televisão. Na realidade, porém, o uso da palavra "camarada" não era tão comum, e era se reservado a ocasiões formais o oficiais, assim como nas forças armadas.
Utilizador anónimo