Novilíngua: diferenças entre revisões

2 bytes adicionados ,  23 de dezembro de 2008
sem resumo de edição
m
'''Novilíngua''' é um [[idioma]] [[Ficção|fictício]] [criado] pelo governo hiperautoritário na obra literária ''[[1984 (livro)|1984]]'', de [[George Orwell]]. A novilíngua era desenvolvida não pela criação de novas [[palavra|palavras]], mas pela "condensação" e "remoção" delas ou de alguns de seus sentidos, com o objetivo de restringir o escopo do [[pensamento]]. Uma vez que as pessoas não pudessem se referir a algo, isso passaria a não existir. Assim, por meio do controle sobre a [[linguagem]], o governo seria capaz de controlar o pensamento das pessoas, impedindo que [[idéia|idéias]] indesejáveis viessem a surgir.
 
Não se deve confundir novilíngua com simples [[tabu]] a respeito de palavras. A idéia aqui consiste em restringir as possibilidades de raciocínio, não o simples proibir a menção a coisas, fatos ou pessoas indesejáveis.
Utilizador anónimo