Diferenças entre edições de "Ouvidor"

698 bytes adicionados ,  14h17min de 25 de dezembro de 2008
sem resumo de edição
{{minidesambig|outros significados|Ouvidor (desambiguação)}}
-------
Em Brasil, o termo é conhecido desde o [[Período Colonial]], sendo que se referia ao cargo de um[[ juiz]] colocado pelo [[donatário]].
 
'''Ouvidor''' era a designação dos magistrados que superintendiam na justiça das terras senhoriais, em [[Portugal]]. As suas funções eram semelhantes às dos [[corregedor]]es nas terras directamente dependentes da Coroa. As terras sujeitas a corregedores eram chamadas "[[comarca]]s" ou "[[correição|correições]]" e as sujeitas a ouvidores eram chamadas "'''ouvidorias'''".
Modernamente, '''Ouvidor''' é um profissional contratado por um órgão, instituição ou empresa que tem a função de receber críticas, sugestões, reclamações e deve agir em defesa imparcial da comunidade.
 
A designação "ouvidor" foi também a aplicada a magistrados do [[Império Colonial Português]]. No [[Brasil]], durante o [[Período Colonial]], os ouvidores eram os [[juiz]]es colocados pelos [[donatário]] das [[capitania]]s.
Em termos práticos, o significado de ouvidor é o mesmo que [[ombudsman]], que é uma palavra sueca, criada em [[1809]], para criar o cargo de ''agente [[Parlamento|parlamentar]] de justiça'' para limitar os poderes do rei.
 
==Ouvidor como ombudsman==
Modernamente, '''Ouvidor'''no é[[Brasil]], usa-se o termo "ouvidor" para designar um profissional contratado por um órgão, instituição ou empresa que tem a função de receber críticas, sugestões, reclamações e deve agir em defesa imparcial da comunidade.
 
Em termos práticos, o significado de ouvidor é o mesmo que ''[[ombudsman]]'', que é uma palavra sueca, criada em [[1809]], para criar o cargo de ''agente [[Parlamento|parlamentar]] de justiça'' para limitar os poderes do rei.
 
Em empresas estatais brasileiras, como a [[Sabesp]], empresa controlada pelo governo do estado de [[São Paulo]], a terminologia "ouvidor" e "ouvidoria" é a mais utilizada.
 
Porém algumas empresas brasileiras, como o jornal [[Folha de S. Paulo]], há preferência no uso da palavra original sueca.
 
Em Portugal usa-se, normalmente, o termo "[[provedor]]" para designar essa função. O principal exemplo, é o [[Provedor de Justiça]], ''ombudsman'' do Estado.
 
[[Categoria:Profissões]]