Abrir menu principal

Alterações

19 bytes removidos ,  19h01min de 4 de fevereiro de 2009
sem resumo de edição
O veigay da serra
 
Depois da conquista da região aos [[mouros]] pelo Rei [[Afonso I de Portugal|Afonso Henriques]], a terra foi doada como [[Feudalismo|feudo]] à Ordem dos [[Templários]]. O Grão-Mestre desta Ordem, Dom [[Gualdim Pais]], iniciou em [[1160]] a construção do [[Castelo]] e Convento que viriam a ser a sede dos Templários em Portugal. O [[Foral]] foi concedido por D. Gualdim em [[1162]]. De Tomar os Templários governavam vastas possessões do centro de Portugal, que estavam obrigados a defender dos ataques vindos dos estados [[islâmicos]] a sul. Como muitos senhores das então pouco povoadas regiões da fronteira, aos vilões foram concedidos muitos direitos que não tinham os habitantes do norte do país. Aqueles que podiam sustentar um cavalo estavam obrigados ao serviço militar em troca de privilégios. As mulheres também podiam ingressar na Ordem, mas não combatiam.
 
Utilizador anónimo