Primus inter pares: diferenças entre revisões