Abrir menu principal

Alterações

322 bytes removidos ,  23h36min de 16 de março de 2009
Revertida por adição de informação de origem duvidosa sem fontes (Huggle)
== Absolvição ==
Em 2009 foi absolvido pelo MP das acusações feitas pela oposição, que foi citada na sentença do juiz Moacir Ferreira Ramos: "Penso ser importante enfatizar que esta ação foi promovida em decorrência de representação feita por alguns políticos que, à época das privatizações do setor de telefonia, ostentavam notória oposição ao governo do Sr. Fernando Henrique Cardoso, que então administrava o país (...) Ora, se havia a preocupação com a apuração destes fatos, por que esses nobres políticos não interferiram junto ao governo atual, ao qual têm dado suporte, para que fosse feita, a fundo, a investigação dessas denúncias - sérias, enfatize-se - que apontaram na representação?"<ref>[http://www.senado.gov.br/jornal/noticia.asp?codEditoria=21&dataEdicaoVer=20090313&dataEdicaoAtual=20090313&nomeEditoria=Plen%E1rio&codNoticia=80926 Flexa Ribeiro: juiz absolveu acusados na venda das teles]</ref><ref>[http://www.jusbrasil.com.br/noticias/940722/justica-absolve-tucanos-no-processo-de-privatizacao-da-telebras Justiça absolve tucanos no processo de privatização da Telebrás]</ref>.
 
O que demonstra que os acusadores ao chegarem ao poder optaram pela tática do comodismo politico, um mal antigo brasileiro, que faz com que partidos de variaos matizes ao assumirem o poder, esquecem de denuncias e da busca por provas, preferindo não criar inimizades e problemas para antigos grupos que ocuparam o poder.
 
{{ref-section}}
193 830

edições