Abrir menu principal

Alterações

22 bytes adicionados, 01h57min de 17 de abril de 2009
recategorização utilizando AWB
'''O processo Van Arkel-de Boer''' permite a obtenção de pequenas quantidades de [[metal]] muito puro.
 
O Ti ou Zr impuro são aquecidos com I2, num reator sob [[vácuo]], formando o TiI4 ou ZrI4. Estes são voláteis e se separam das impurezas. À [[pressão atmosférica]], o TiI4 funde a 150 º°C e entra em ebulição a 377 º°C; o ZrI4 funde a 499 º°C e entra em ebulição a 600 º°C. A pressão reduzida, contudo, os pontos de [[ebulição]] são mais baixos. O MI4 gasoso é, então decomposto sobre um filamento de [[tungstênio]] aquecido à incandescência. Porém à medida que mais e mais metal vai se depositando sobre o filamento, este conduz melhor a [[eletricidade]]. Assim, é necessário aumentar a intensidade da corrente, para manter o filamento incandescente.
 
 
{{esboço-química}}
 
[[Categoria:Química]]
 
[[de:Van-Arkel-de-Boer-Verfahren]]