Diferenças entre edições de "Frei Gil"

Sem alteração do tamanho ,  23h05min de 10 de maio de 2009
Manutenção
(Manutenção)
Nasceu na [[Quinta da Cavalaria]] (actual edifício da Santa Casa da Misericórdia local), em [[Vouzela]], entre [[1184]] e [[1190]], sendo este último ano o dado como mais certo pelos historiadores, e morreu em [[Santarém (Portugal)|Santarém]] a [[14 de Maio]] de [[1265]]. Nesta quinta afirma uma tradição ter também nascido o célebre alferes-mor do Reino [[Dom Duarte de Almeida, o Decepado]].
[[Imagem:Artista Flamengo - A Esmola (São Gil).jpg|200px|right|thumb|''A Esmola'' (''São Gil''), 1480-1500]]
Era filho de [[D. [[Rui Pais de Valadares]], ou Dom Rodrigo Pais de Valadares, [[fidalgo do Conselho]] de el-Rei D. Sancho I e seu mordomo-mor, alcaide-mor de Coimbra, então ainda a capital do Reino,pois que residência habitual do monarca. A esta conclusão nos leva o epitáfio latino duma sepultura da Igreja de Santa Cruz de Coimbra, epitáfio recolhido por Fr. André de Resende, O. P., e que reza assim traduzido do latim ao português: «Aqui jaz Dom Rodrigo, pai de Frei Gil de Santarém e Alcaide-Mor do Castelo e Cidade de Coimbra».
 
Sua mãe foi Dona Maria Gil Feijó, segunda mulher de Dom Rui, senhora de origem ilustre e alegadamente dotada de notável prudência e exímias virtudes.