Diferenças entre edições de "Tirso"

657 bytes adicionados ,  11h45min de 18 de maio de 2009
bot : reversão de 187.11.189.8 (vandalismo : -136), revertendo para a versão 12457734 de LijeBot
(TIRSO)
(bot : reversão de 187.11.189.8 (vandalismo : -136), revertendo para a versão 12457734 de LijeBot)
{{minidesambig|o tipo de inflorescência composta|Tirso (botânica)}}
Tirso veio do Grago-latim que significa punheta ou (cagão)
[[Imagem:Fragment Maenad Louvre G160.jpg|thumb|Uma ménade com um tirso. Fragmento de cerâmica de figuras vermelhas.]]
A historia do tirso se resume ele chegando de chicago, todo borrado como sempre.
Um '''tirso''' (em [[grego antigo|grego]]: ''thyrsos''; em [[latim]]:'' thyrsus'') era um bastão envolvido em [[hera]] e ramos de [[Uva|videira]] e encimado por uma [[pinha]].
Por dia tirso apareçia no guiness book , sendo capaz de usar mais de 30 cuecas em um dia apenas, e mais de 27 punhetas por segundos.
 
Tirso tambem pode ser conheçido como o icone brasileiro ou seja JECA-TATU, ou seja tirso é uma coisa de outro mundo , talves um bicho do mato, ou bicho-burro ou até mesmo um extraterrestre.
Nas [[mitologia grega]] (assim como na [[Mitologia romana|romana]]), era usado pelo deus [[Dioniso]] (ou [[Baco]]) e pelas seguidoras do deus, as [[ménades]] (ou bacantes). A hera e a videira eram de resto as plantas emblemáticas deste deus. Segundo os textos gregos, as ménades utilizariam os tirsos como uma espécie de [[arma]], sendo conhecidos os cortejos frenéticos em honra a Dionísio (os tíasos) aos quais estas se entregavam.
 
Tem sido sugerido que o tirso teria um carácter [[falo|fálico]], sendo a pinha um símbolo para o [[sémen]].
 
[[Categoria:Mitologia grega]]
 
[[de:Thyrsosstab]]
[[en:Thyrsus]]
[[es:Tirso (símbolo)]]
[[fi:Thyrsos]]
[[fr:Thyrse (mythologie)]]
[[nl:Thyrsus (staf)]]
[[ru:Тирс]]
[[tr:Thyrsos]]
[[uk:Тирс]]