Diferenças entre edições de "Antonio Machado"

1 541 bytes adicionados ,  22h14min de 5 de julho de 2009
Aumentei o texto adicionando seção Machado na cultura pop, com transcr. de versos famosos do autor
m (Bot: Adicionando: qu:Antonio Machado)
(Aumentei o texto adicionando seção Machado na cultura pop, com transcr. de versos famosos do autor)
[[Imagem:AntonioMachado.JPG|right|thumb|250px|Antonio Machado]]
Antonio Cipriano José María y Francisco de Santa Ana Machado Ruiz, conhecido como '''Antonio Machado''' ([[Sevilha]], [[26 de julho]] de [[1875]] — †[[Collioure]], [[França]], [[22 de fevereiro]] de [[1939]]) foi um poeta [[Espanha|espanhol]], pertencente ao [[Modernismo]].
 
==Antonio Machado na cultura popular==
 
É possível que as linhas mais famosas do autor sejam os seguintes dois versos de ''Proverbios y cantares XXIX'' em ''Campos de Castilla'':
 
<!-- Adota-se aqui o 'Fair use claimed' desta pequena passagem de uma obra famosa -->
:Caminante, son tus huellas
:el camino y nada más;
:Caminante, no hay camino,
:se hace camino al andar.
:Al andar se hace el camino,
:y al volver la vista atrás
:se ve la senda que nunca
:se ha de volver a pisar.
:Caminante no hay camino
:sino estelas en la mar<ref>[http://www.cha.uga.edu/bjc/machado.htm Citação] que aparece no sítio (web site) da [[University of Georgia]], [[Estados Unidos]], acompanhado de a uma tradução destes mesmos versos ao inglês por Betty Jean Craige.</ref>
 
Estes versos, no entanto, são somente algumas linhas de um poema mais longo e menos esperançoso. O cantor popular espanhol [[Joan Manuel Serrat]] interpreta esse poema em canto, o que serviu para difundir grandemente a obra de Antonio Machado. Joan Manuel Serrat adicionou alguns versos à letra musicada sobre um poeta que morre bem longe de sua terra natal.
 
A obra de Antonio Machado também foi seletivamente traduzida/adaptada ao idioma inglês pelo poeta escocês Don Paterson, 'The Eyes' (Editora Faber, 1999).
 
No filme espenhol ''[[La Lengua de las Mariposas]]'' de [[José Luis Cuerda]] (1999) um dos protagonistas, Don Gregorio, pede que um de seus estudantes leia o poema de Antonio Machado em voz alta na sala de aula.
 
== Referências ==
{{reflist}}
 
 
[[Categoria:Poetas da Espanha|Machado, Antonio]]
3 531

edições