Diferenças entre edições de "Quersoneso"

2 bytes removidos ,  22h15min de 11 de março de 2010
m
→‎História: Havia um caracter " [ " a mais no link para "tudun".
m (Bot: Adicionando: hu:Kherszonészosz)
m (→‎História: Havia um caracter " [ " a mais no link para "tudun".)
Em finais do [[século II a.C.]] o Quersoneso tornou-se uma dependência do [[reino do Bósforo]]. Passou para o [[Império Romano]] em meados do século I a.C. e assim permaneceu até à década de 70 do séc. IV d.C., quando foi capturada pelos Hunos.
 
Tornou-se uma possessão [[Império Bizantino|bizantina]] durante o início da [[Idade Média]], mas o domínio bizantino era leve; segundo [[Teófanes]], Quérson servia de residência a um [[tudun]]] [[Cazares|cazar]] no final do século VII. Havia uma pequena guarnição imperial mais para protecção da cidade que para exercer controlo sobre ela. Quérson era útil a Bizâncio de duas formas: como ponto de observação da actividade dos povos bárbaros, e como local de exílio para aqueles que caíam em desgraça perante os imperadores romanos e bizantinos. Entre os seus mais famosos "detidos" contam-se os [[papa]]s [[Papa Clemente I|Clemente I]] e [[Papa Martinho I|Martinho I]], e o imperador bizantino deposto [[Justiniano II]].
 
Foi durante a Idade Média que o nome da cidade ficou estabelecido como Quérson.
Em [[838]] o imperador [[Teófilo (imperador)|Teófilo]] enviou o nobre [[Petronas Camateros]], que supervisionara havia pouco a construção da fortaleza Cazar de [[Sarkel]], para asenhorear-se da cidade e da região circundante. Permaneceu em mãos bizantinas até [[980]], quando caiu nas mãos de [[Kiev]]. [[Vladimir o Grande]] só aceitou abandonar a fortaleza se [[Ana Porfirogénita]], irmã de [[Basílio II]], lhe fosse dada em casamento. A exigência causou escândalo em Constantinopla, uma vez que as princesas imperiais nunca se tinham casado com não-gregos. Como condição para a realização do casamento, Vladimir foi [[Baptismo|baptizado]] em [[988]] em Quérson, abrindo o caminho para a evangelização da Rússia de Kiev.
 
Depois da [[Quarta Cruzada]] Quérson tornou-se parte do [[Império de Trebizonda]], e em seguida caiu nas mãos dos [[Génova|genoveses]] no início do século XIV. Em [[1299]] a cidade foi saqueada pelos exércitos do [[Canato Nogai]]. Um século mais tarde foi destruída por [[Edigu]] e abandonada. No final do séc. XIX a catedral de São Vladimir ([[1892]]) foi erguida sobre uma pequena colina perto das ruínas da cidade; desenhada em estilo bizantino, foi concebida para assinalar o local do baptismo do santo.
 
==Ruínas e arqueologia==
104

edições