Convento de São Paio de Antealtares: diferenças entre revisões

844 bytes adicionados ,  10h58min de 4 de junho de 2010
+ contido e ligaçoes
(+imagem)
(+ contido e ligaçoes)
 
A fachada é simples mas monumental e amostra a [[Paio de Córdova|São Paio]] mártir. A [[planta]] é de [[cruz|cruz grega]] e está recoberta com [[abóbada de canhão| abóbadas de canhão]] com [[artesão]]s. A [[cúpula]] ergue-se sobre [[penacho]]s muito decoradas e termina numa [[lanterna]] que ilumina o interior.
 
No [[Museu Arqueológico Nacional de Madrid]] (2) e no Fogg Museum de Harvard (1) conservam-se 3 das 4 colunas románicas que suportavam o altar maior.
Na cada uma destas colunas cilíndricas representam-se 3 apóstoles diferentes.
São datables em torno do segundo quarto do século XII. As quatro colunas simbolizam os quatro pilares osbre os que se sustentava a Igreja de Cristo.
 
====Imagineria====
 
=={{Ver também}}==
 
{{commons|Mosteiro de San Paio de Antealtares}}
{{commonscat|Monastery of San Paio de Antealtares}}
*[[Anexo:Lista de mosteiros e conventos da Galiza]]
 
=={{Ligações externas}}==
{{commons|Mosteiro de San Paio de Antealtares}}
{{commonscat|Monastery of San Paio de Antealtares}}
*{{es}}[http://www.monasteriosanpelayo.org/index.htm Site do convento]
*{{es}} [http://man.mcu.es/publicaciones/pdf/columnas_san_paio_febr_01.pdf Verbete sob as colunas românicas do altar maior]
*{{es}} [http://www.monasteriosanpelayo.org/vida/Publicaciones/InformacionesdelasMonjas/InformacionesdelasMonjas.pdf 2006. Buján Rodríguez, María Mercedes, "Informaciones de las monjas que habitaron en el Monasterio de San Paio de Antealtares de Santiago de Compostela desde 1499 a 1899", Consorcio de Santiago,ISBN 84-934415-0-3]
 
[[Categoria:Mosteiros e conventos da Galiza]]
1 498

edições