Diferenças entre edições de "Festival de Inverno da Universidade Federal de Minas Gerais"

Ampliando
(Mais infos/refs)
(Ampliando)
Nas décadas de 60 e 70, a programação do festival se extendia por um mês.<ref name="ufmg3"/>
 
O [[Grupo Corpo]], fundado em [[1975]], surgiu após [[Rodrigo Pederneiras]] ter adquirido inspiração em uma oficina realizada com o bailarino argentino Oscar Araiz.<ref name="diversa"/>. O primeiro espetáculo do grupo, ''Maria Maria'', foi coreografado por argentino Oscar Araiz, percorreu 14 países e permaneceu em atividade no Brasil de [[1976]] até [[1982]].<ref name="diversa"/>
Em [[1978]], uma oficina gerou a aproximação de integrantes que formaram o [[Uakti]].<ref name="seminais"></ref>
 
Em [[1978]], uma oficina gerou a aproximação de integrantes que formaram o [[Uakti]].<ref name="seminais"></ref>O flautista, professor da Escola de Música da UFMG e membro fundador do Uakti-Oficina Instrumental, Artur Andrés, começou a participar do festival aos 16 anos e identifica Berenice Menegale, uma das suas fundadoras, como uma das responsáveis pelo sucesso do evento pelo dom de aglutinar pessoas.<ref name="diversa">Revista Diversa. (março de 2005). ''[http://www.ufmg.br/diversa/6/artecultura.htm Quatro festivas décadas]''. Revista da [[Universidade Federal de Minas Gerais]],
ano 2, n.6, acesso em 20 de junho de 2010</ref>
 
Em [[1980]] e [[1984]], o festival não foi realizado.<ref name="arteessencial"/>.
 
Em [[1982]], uma oficina realizada em [[Diamantina]] despertaria em alguns participantes a formação do [[Grupo Galpão]].<ref name="seminais">[[Estado de Minas]]. (20 de junho de 2010). ''Oficinas seminais''. Caderno ''Em Cultura''</ref>A trupe se encontrou nas oficinas de teatro dos alemães Kurt Bildstein e George Froscher, do Teatro Livre de Munique, que trabalhavam com o teatro de rua.<ref name="diversa"/>
 
Entre [[1981]] e [[1983]] e em [[1985]], foi realizado em [[Diamantina]],<ref name="arteessencial"/>onde passou a ser guiado pela pesquisa e reflexão artística.<ref name="entrevista">[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (19 de julho de 2009). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/012497.shtml Em entrevista, Fabrício Fernandino fala sobre a trajetória do Festival e suas perspectivas]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
* 36ª edição, em [[2004]] - ''Arte: fronteiras contemporâneas'', com debates acerca dos limites da arte contemporânea<ref>[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (24 de maio de 2004). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/000366.shtml UFMG lança programação de seu 36º Festival de Inverno]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>. Foram realizados 44 cursos e oficinas de artes cênicas, artes plásticas, literatura e cultura, mídia arte e música.<ref name="folha">[[Folha Online]]. (14 de junho de 2004). ''[http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u45017.shtml Festival de Inverno da UFMG abre inscrições para oficinas]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
* 37ª edição, em [[2005]] - ''Diálogos possíveis'', com a proposição da interlocução transdisciplinar entre os diversos campos das artes e das ciências.,<ref name="">[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (1 de julho de 2005). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/001806.shtml 37º Festival de Inverno divulga programação cultural]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>e 49 diferentes atividades, entre oficinas, cursos, simpósios, encontros e seminários<ref>[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (14 de junho de 2005). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/001730.shtml 37º Festival de Inverno começa a receber inscrições]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
 
* 38ª edição, em [[2006]] - com o tema e eixo conceitual ''Interatividades'' e 57 oficinas ofertadas<ref>[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (9 de junho de 2006). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/003669.shtml Festival de Inverno da UFMG muda formato e privilegia a interatividade]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>, teve 57 oficinas<ref name="comecamasoficinas">[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (17 de julho de 2006). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/003915.shtml Em Diamantina, começam as oficinas do Festival]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
 
* 39ª edição, em [[2007]] - ''Territórios contemporâneos – Linguagens híbridas'', pretendeu reafirmar o valor da arte como elemento da integração e de transformação social e humana. Foram oferecidas 42 oficinas nas áreas artes audiovisuais, cênicas, literárias, musicais, plásticas e transdisciplinares, além do festival também ter contado com diversos projetos e apresentações culturais.<ref name="territorios">[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (24 de maio de 2007). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/005850.shtml UFMG lança programação cultural de seu Festival de Inverno 2007]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref><ref>[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (11 de julho de 2007). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/006138.shtml Site oficial do 39º Festival de Inverno da UFMG traz notícias sobre o evento]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
 
* 40ª edição, em [[2008]] - ''Arte: Essencial'', com apontamentos da essencialidade da arte nos diversos momentos da vida e do cotidiano. <ref name="arteessencial">[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (30 de maio de 2008). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/008509.shtml UFMG lança o 40º Festival de Inverno, no próximo dia 2, com a participação dos idealizadores do evento em 1967]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>, a edição também teve 50 oficinas para adultos e crianças<ref>[[Globo Minas]]. (2 de junho de 2008). ''[http://globominas.globo.com/GloboMinas/Entretenimento/0,,MUL586824-9147,00-UFMG+LANCA+PROGRAMACAO+DO+FESTIVAL+DE+INVERNO.html UFMG lança programação do 40º Festival de Inverno ]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
 
* 41ª edição, em [[2009]] - com o eixo temático ''Traduções''<ref>[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (4 de junho de 2009). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/012075.shtml Edição 2009 do Festival de Inverno destaca o tema Traduções, relata Boletim UFMG]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>, contou com 29 oficinas, cursos e eventos culturais, o seminário ''Perspectivas da Cultura em um Cenário de Transformações'', que reuniu gestores de cultura, artistas e pesquisadores para abordar a inserção dos festivais universitários de arte e cultura<ref>[[Universidade Federal de Minas Gerais]]. (25 de junho de 2009). ''[http://www.ufmg.br/online/arquivos/012196.shtml Inscrições para oficinas com seleção do Festival de Inverno da UFMG terminam hoje]'', acesso em 20 de junho de 2010</ref>
5 709

edições