Abrir menu principal

Alterações

7 bytes adicionados ,  19h01min de 25 de outubro de 2010
- redir.
Os '''macuxis''' são um subgrupo dos [[pemons]], de filiação [[lingüística]] [[Línguas caribes|Karib]]. Habitam a região compreendida entre as cabeceiras dos rios [[Rio Branco (Roraima)|Branco]] e [[Rio Rupununi|Rupununi]], território partilhado entre o [[Brasil]] e a [[Guiana]].<ref>[http://pib.socioambiental.org/pt/povo/makuxi Povos indígenas no Brasil - Makuxi], por Paulo Santilli, [[antropólogo]], professor na [[Unesp]]-[[Assis]] </ref>
 
No Brasil, os macuxis se localizam no leste de [[Roraima]] (mais especificamente nas [[Terrasterras Indígenasindígenas]] [[Ananás (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Ananás]], [[Aningal (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Aningal]], [[Anta (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Anta]], [[Araçá (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Araçá]], [[Barata/Livramento (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Barata/Livramento]], [[Bom Jesus (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Bom Jesus]], [[Boqueirão (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Boqueirão]], [[Cajueiro (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Cajueiro]], [[Jaboti (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Jaboti]], [[Mangueira (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Mangueira]], [[Manoá/Pium (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Manoá/Pium]], [[Moskow (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Moskow]], [[Ouro (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Ouro]], [[Pium (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Pium]], [[Ponta da Serra (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Ponta da Serra]], [[Raimundão (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Raimundão]], [[Raposa/Serra do Sol (reserva indígena macuxi)|Raposa/Serra do Sol]], [[Santa Inês (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Santa Inês]], [[São Marcos (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|São Marcos]] e [[Sucuba (Terraterra Indígenaindígena Macuximacuxi)|Sucuba]]).<ref>[http://br.monografias.com/trabalhos/indianidade-nacionalidade-fronteira-brasil-guiana/indianidade-nacionalidade-fronteira-brasil-guiana.shtml "Indianidade e nacionalidade na fronteira Brasil-Guiana", por Stephen Grant Baines]</ref>São 11. 598 pessoas no total.
 
Habitantes de uma região de fronteira, os macuxis vêm enfrentando, pelo menos desde o [[século XVIII]], situações adversas em razão da ocupação não indígena na região - primeiramente por aldeamentos e [[migração|migrações]] forçadas,<ref>[http://www.dla.furg.br/nec/eloina2/6.pdf Schneider, Liane. "Construções identitárias a partir de posições descentradas"] Universidade Federal da Paraíba</ref> depois pelo avanço de frentes [[Extrativismo no Brasil|extrativistas]] e [[Pecuária#Pecuária no Brasil|pecuaristas]] e, mais recentemente, pela presença de [[garimpeiros]] e a proliferação de [[grileiro]]s em suas terras.
Hoje protagonizam, juntamente com outros povos da região, um dos maiores impasses relativos aos [[direitos indígenas]] no Brasil contemporâneo, que diz respeito à homologação da [[TI]] [[Raposa/Serra do Sol (terra indígena macuxi)|Raposa/Serra do Sol]],<ref>[http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-77012003000100010&script=sci_arttext SANTILLI, Paulo. ''Pemongon Patá: território Macuxi, rotas de conflito'', São Paulo, Editora UNESP, 2001 (resenha).]</ref> onde atualmente existem núcleos urbanos e fazendas de pecuária e [[rizicultura]].
 
{{refsectionReferências}}
 
==Ver também==
10 380

edições