Diferenças entre edições de "Larmanjat"

18 bytes adicionados ,  18h24min de 5 de dezembro de 2010
m (Revertidas edições por 83.240.254.155, para a última versão por Salebot)
Em [[1870]], no dia [[31 de Janeiro]], realizaram-se entre [[Caminho de Ferro Larmanjat do Lumiar|Lisboa e Lumiar]] as primeiras experiências oficiais, as quais não correram muito bem. O dia estava chuvoso quando o comboio partiu de um velho palácio em Santa Bárbara, [[Arroios]], adaptado a estação. A comandar a locomotiva ia o próprio Larmanjat, inventor do sistema. As duas carruagens iam cheias de convidados perante os olhos do Duque de Saldanha. Mas na subida de Arroios a locomotiva estancou porque não tinha força suficiente para alcançar o objectivo. Só uma hora depois puderam seguir viagem quando o problema foi resolvido.
 
No dia [[5 de Fevereiro]] do mesmo ano o rei [[Luís I de Portugal|D. Luís I]] fez o trajecto Lisboa - Lumiar, e no dia seguinte a direcção do caminho de ferro punha , gratuitamente, à disposição do público, um comboio que efectuou três viagens de ida e volta entre o [[Arco do Cego CCFL|Arco do Cego]] e o [[Lumiar]].
 
Enquanto se procuravam melhorar as condições técnicas do novo sistema, Saldanha requereu novas concessões, e assim , a [[11 de Julho]] de [[1871]], obteve a licença para estabelecer um caminho de ferro ''Larmanjat'' entre [[Lisboa]] e [[Sintra]] e em 29 do mesmo mês, outra licença para o percurso de [[Cascais]] a [[Santa Maria de Belém|Belém]], prolongando depois essa via até [[Alcântara (Lisboa)|Alcântara]].
Utilizador anónimo