Diferenças entre edições de "Diapasão"

192 bytes adicionados ,  22h51min de 25 de dezembro de 2010
sem resumo de edição
'''Grupo Diapasão''' - '''grupodiapasao.com.br -'''
Diapasão é um grupo de música instrumental que não se enquadra facilmente em uma definição estilística. A influência da musicalidade brasileira está fortemente presente e a liberdade criativa de cada um dos músicos componentes gera uma mescla de texturas e cores harmônicas, melódicas e rítmicas, produzindo sensações que vão da euforia à melancolia, da paz ao caos. A utilização de instrumentos alternativos, construídos pelo integrante Leandro César, aliada aos instrumentos convencionais, traz um novo prisma de possibilidades para a criação da sonoridade do grupo, proporcionando ao ouvinte uma confluência de sensações e surpresas.
O grupo Diapasão é de Belo Horizonte – MG, formado por cinco jovens músicos que se uniram para criar coletivamente uma música instrumental sem rótulos. Com ideias, sentimentos e técnica, seus integrantes produzem uma música contemporânea e autêntica, com arranjos sofisticados, liberdade de improvisação. Suas produções possuem influências que vão desde a música de Villa Lobos a elementos da música de culturas populares, como o Maracatu e Congado, escolas como o minimalismo, a música universal de Hermeto Pascoal, Egberto Gismonti, além da música mineira de ícones como Milton Nascimento e Toninho Horta.
O grupo surgiu em 2004 e gravou seu primeiro álbum em 2005 intitulado Opus I, lançado em 2006 pelo selo carioca Masque Records. Em 2009 o grupo foi vencedor do IX Prêmio BDMG Instrumental nas categorias Composição e Melhor Arranjo com as músicas de Alexandre Andrés. Em 2010 gravou o EP Fogo no Balão, lançado e disponibilizado no site www.grupodiapasao.com.br. Atualmente o grupo se apresenta em importantes palcos da música instrumental brasileira, como Savassi Jazz Festival, Festa da Música, Sesc Instrumental, dentre outros. Para 2011 prepara o lançamento de seu segundo disco, gravado ao vivo na Sala Juvenal Dias - Palácio das Artes, em Belo Horizonte.
Diapasão é composto por Alexandre Andrés (Flautas), Rodrigo Lana (Piano), Gustavo Amaral (Baixo, violão e bandolim), Adriano Goyatá (Bateria e Marimba) e Leandro César (Violão, bandolim e outros). Fortemente influenciado por Marco Antônio Guimarães e o grupo Uakti, Leandro César desenvolve um trabalho de pesquisa e construção de novos instrumentos que, cada vez mais, são inseridos no trabalho do grupo Diapasão. No grupo todos são compositores e arranjadores, buscando alcançar as pessoas através da música e romper com o paradigma de que a música instrumental é feita para um público seleto.
 
Para conhecer o grupo entre em: ''' www.grupodiapasao.com.br'''
 
___________________________________________________________________________________________________________________________________
 
<ref>inserir fonte aqui</ref>{{Reciclagem|data=Março de 2008}}
[[Ficheiro:Stimmgabel.jpg|thumb|right|100px|um diapasão]]
 
___________________________________________________________________________________________________________________________________
'''Grupo Diapasão''' - '''grupodiapasao.com.br -'''
 
Diapasão é um grupo que não se enquadra facilmente em uma definição estilística. A influência da musicalidade brasileira está fortemente presente e a liberdade criativa de cada um dos músicos componentes gera uma mescla de texturas e cores harmônicas, melódicas e rítmicas, produzindo sensações que vão da euforia à melancolia, da paz ao caos. A utilização de instrumentos alternativos, construídos pelo integrante Leandro César, aliada aos instrumentos convencionais, traz um novo prisma de possibilidades para a criação da sonoridade do grupo, proporcionando ao ouvinte uma confluência de sensações e surpresas.
O grupo Diapasão é de Belo Horizonte – MG, formado por cinco jovens músicos que se uniram para criar coletivamente uma música instrumental sem rótulos. Com ideias, sentimentos e técnica, seus integrantes produzem uma música contemporânea e autêntica, com arranjos sofisticados, liberdade de improvisação. Suas produções possuem influências que vão desde a música de Villa Lobos a elementos da música de culturas populares, como o Maracatu e Congado, escolas como o minimalismo, a música universal de Hermeto Pascoal, Egberto Gismonti, além da música mineira de ícones como Milton Nascimento e Toninho Horta.
O grupo surgiu em 2004 e gravou seu primeiro álbum em 2005 intitulado Opus I, lançado em 2006 pelo selo carioca Masque Records. Em 2009 o grupo foi vencedor do IX Prêmio BDMG Instrumental nas categorias Composição e Melhor Arranjo com as músicas de Alexandre Andrés. Em 2010 gravou o EP Fogo no Balão, lançado e disponibilizado no site www.grupodiapasao.com.br. Atualmente o grupo se apresenta em importantes palcos da música instrumental brasileira, como Savassi Jazz Festival, Festa da Música, Sesc Instrumental, dentre outros. Para 2011 prepara o lançamento de seu segundo disco, gravado ao vivo na Sala Juvenal Dias - Palácio das Artes, em Belo Horizonte.
Diapasão é composto por Alexandre Andrés (Flautas), Rodrigo Lana (Piano), Gustavo Amaral (Baixo, violão e bandolim), Adriano Goyatá (Bateria e Marimba) e Leandro César (Violão, bandolim e outros). Fortemente influenciado por Marco Antônio Guimarães e o grupo Uakti, Leandro César desenvolve um trabalho de pesquisa e construção de novos instrumentos que, cada vez mais, são inseridos no trabalho do grupo Diapasão. No grupo todos são compositores e arranjadores, buscando alcançar as pessoas através da música e romper com o paradigma de que a música instrumental é feita para um público seleto.
 
www.grupodiapasao.com.br
9

edições