Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 17h53min de 29 de dezembro de 2010
sem resumo de edição
O Met relata que 91% de todos os assentos disponíveis foram vendidos para as transmissões HD. De acordo com Peter Gelb, houve 60.000 pessoas nos cinemas por todo o mundo assistindo a transmissão de 24 de Março de ''[[O Barbeiro de Sevilha]]''. Para a temporada de 2006/2007, foi relatado que 324.000 ingressos foram vendidos por todo o mundo, enquanto que cada simulcast custou de 850.000 a um milhão de dólares para ser produzido{{carece de fontes}}.
 
Para a temporada de 2007-08, o Met anunciou que oito das produções da temporada serão apresentadas ao vivo em HD a partir de 15 de Dezembro de 2007 com ''[[Roméo et Juliette]]'' e terminando com ''[[La fille du régiment]]'' em 26 de abril de 2008{{carece de fontes}}. Além disso, Gelb observou que ele espera que o número de pessoas que assistirem as performances ao vivo do Met em cinemas na próxima temporada se iguale à audiência cumulativa de todas as 225 performances no auditório do Met: por volta de 800.000 pessoas{{carece de fontes}}.
 
==Casas de Ópera==
===Metropolitan Opera house, Broadway===
[[File:Philly Met Broad St.JPG|thumb|left|200px|Metropolitan Opera House, [[Filadélfia]]]]
O primeiro Metropolitan Opera House foi inaugurado em 22 de outubro de 1883 com uma performance de [[Faust]], de [[Charles Gounod]]. Localizado na [[Broadway]], número 1411, entre as ruas 39º e 40º, sendo desenhada pelo arquiteto J. Cleaveland Cady. Destruído por um incêndio em 27 de agosto de 1892, o teatro foi imediatamente reconstruído e em 1903 seu interior foi extensamente renovado novamente, pelos arquitetos Carrère e Hastings. O interior familiar vermelho e dourado é associado com as casas desse período. A casa de ópera tinha capacidade para 3.625 pessoas, com um adicional de 224 em outras salas.
 
O teatro foi conhecido pela sua elegância e excelênte acústica, sendo uma glamourosa casa para a companhia. Entretanto, ela tornou-se inadequada para os dias de hoje. Muitos planos para uma nova casa de ópera foram exploados. O original Metropolitan Opera House fechou em 16 de abril de 1966, com uma apresentação de gala. Ele foi demolido em 1967.
 
===Metropolitan Opera House, Filadélfia===
[[File:Metropolitan Opera staircase from above.jpg|thumb|right|200px|[[Metropolitan Opera House (Lincoln Center)|Escadarias do Metropolitan Opera House]]]]
A casa de óperapara as performances regulares na Filadélfia, foi construída originalmente em 1908 por Oscar Hammerstein I, a Casa de Ópera da Filadélfia. Renomeada para Metropolitan Opera House, o teatro foi usado pelo Met de 1910 até ela ser vendida, em abril de 1920. A estreia do Met na casa foi em 13 de dezembro de 1910, com uma performance de Tannhäuser de Richard Wagner, com Leo Slezak e Olive Framstad.
 
O Met da Filadélfia foi desenhado pelo notável arquiteto William H. McElfatrick, tendo capacidade para 4 mil pessoas.
 
===Metropolitan Opera House, Lincoln Center===
O atual [[Metropolitan Opera House (Lincoln Center)|Metropolitan Opera House]] está localizado em [[Lincoln Center]], no Lincoln Square, em Upper West Side, [[Nova Iorque]]. Foi desenhado pelo arquiteto Wallace K. Harrison. Tem capacidade para 3.800 pessoas, com um adicional de 195 em outros ambientes. Por necessidade, o pit da orquestra teve de ser aumentado, com 35 novos lugares.
 
Após inúmeras revisões no design da construção, a nova residência foi inaugurada em 16 de setembro de 1966, com a première mundial de Antony and Cleopatra de [[Samuel Barber]], com [[Leontyne Price]] no papel principal. O teatro, além de grandioso, é notado por sua excelente acústica.
 
== Diretores Musicais ==
1 762

edições