Sicília (província romana): diferenças entre revisões

4 bytes removidos ,  11h40min de 6 de janeiro de 2011
sem resumo de edição
A [[província romana]] da '''Sicília''' (em [[latim]] ''Sicilia''), atualmente a [[Regiões da Itália|região italiana]] da [[Sicília]], foi incorporada ao [[Império Romano]] como um território proconsular em [[241 a.C.]], após a [[Primeira Guerra Púnica]] contra [[Cartago]].
 
Os povos mais antigos da Sicília eram os os [[sícanossicanos]], ao centro da ilha, e os [[sículos]], na parte oriental. Estes últimos, provavelmente oriundos do continente, empurraram para oeste os ocupantes originais da ilha e deram o nome à região.
 
A Sicília foi colonizada por [[fenícios]], [[cartagineses]] e [[gregos]], que deixaram diversos vestígios, como o teatro grego de [[Taormina]], os templos de [[Segesta]], [[Agrigento]] e [[Selinunte]]. Foi, posteriormente, governada por príncipes chamados "tiranos", dentre os quais os mais conhecidos foram [[Dionísio, o Velho]], e [[Dionísio, o Jovem]] (quem acolheu o filósofo [[Platão]]).
18 242

edições