Diferenças entre edições de "Cristo Redentor"

273 bytes removidos ,  17h40min de 18 de janeiro de 2011
 
Em [[22 de março]] de [[1923]], seguidores da Igreja Batista declararam em nota publicada em ''O Jornal Batista'', órgão oficial da [[Convenção Batista Brasileira]], seu desgosto quanto à construção do Cristo Redentor. A nota afirmava que a construção "será a um tempo um atestado eloqüente de idolatria da igreja de Roma."
 
Entretanto, a Igreja Católica sempre manteve-se firme em sua posição, demonstrando claramente que jamais adotou a idolatria em sua Doutrina, esclarecendo sempre que as imagens de santos em suas Igrejas são vistos por seus fiéis como exemplos de fé a serem seguidos.
 
=== Inauguração ===
Utilizador anónimo