Abrir menu principal

Alterações

1 byte adicionado, 14h35min de 22 de abril de 2011
sem resumo de edição
}}
 
A '''Segunda Batalha do Marne''' ou '''Batalha de Reims''' ([[15 de julho]] a- [[5 de agosto]] de [[1918]]) foi a última importante ofensiva [[Império Alemão|alemã]] na [[Frente Ocidental (Primeira Guerra Mundial)|Frente Ocidental]]. A ofensiva falhou quando os [[Aliados]], liderados pelas forças francesas, contra-atacaram e subjugaram os alemães, impondo-lhes muitas baixas.
 
== Antecedentes ==
== Contra-ofensiva Aliada ==
[[Ficheiro:2ndBattleOfTheMarne.jpg|thumb|left|O contra-ataque aliado.]]
[[Ficheiro:General gouraud french army world war i machinegun marne 1918.JPEG|thumb|right|Soldados franceses sob comando do General Gouraud, avançando e empurrando os alemães para longe do Marne, em 1918.]]
O fracasso alemão em quebrar as linhas inimigas, deu a [[Ferdinand Foch]], o Comandante Aliado Supremo, a vantagem para lançar um contra-ataque decisivo em 18 de julho; 24 divisões francesas, incluindo os ''[[Buffalo Soldiers]]'' da 92ª Divisão de Infantaria Americana e a 93ª Divisão de Infantaria, também dos EUA, sob comando francês, se juntaram as forças aliadas e com eles vieram mais oito enormes divisões do exército americano e 350 tanques, que atacaram os alemães desprevinidos.