Abrir menu principal

Alterações

32 bytes adicionados, 16h18min de 16 de maio de 2011
sem resumo de edição
{{Info/Enxadrista
|nome do jogador = Kolisch
|image = [[Ficheiro:Kolisch.JPG|150px]]
|Nome Completo = Ignác Kolisch
|País =
|conquista5= }}
 
'''Ignác Kolisch''' foi um banqueiro, empresário e um dos principais jogadores de [[xadrez]] de 1859 a 1867. Foi secretário de [[Grigory Alexandrovich Kushelev-Bezborodko]], um banqueiro presidente do clube de xadrez de São Petersburgo, o que possibilitou viajar pela Europa enfretando vários outros importantes jogadores em ''matches''. Kolicsh derrotou [[Daniel Harrwitz]] (+2=1-1), [[Israel Horowitz]] (+3-1), [[Thomas Wilson Barnes]] (+10-1) e [[Samuel Rosenthal]]. Empatou dois ''matches'' com [[John Owen]] (+4-4), [[Serei Semyenovich Urusov]] (+2-2) e [[Adolf Anderssen]] (+5=1-5), posteriormente perdendo para Anderssen (+3=2-4) e [[Louis Paulsen]] (+6=18-7). A partida com Anderssen foi a primeira da história a ter o tempo marcado no modelo atual, com um limite de tempo para uma determinada quantidade de movimentos ao invés de um limite de tempo para cada movimento.<ref name="s"/> Em 1867, participou de um torneio em Paris como visitante tendo vencido a competição, a frente de [[Wilhelm Steinitz]], [[Szymon WinaverWinawer]] e [[Gustav Neumann]]. Em 1871, a família Rothschilds o ajudou a se estabelecer como banqueiro em Viena, onde veio a se tornar milionário. Pouco depois comprou o jornal ''Wiener Allgemeine Zeitung'' pelo qual escreveu alguns editoriais. Ainda durante a década de 1870, liderou uma equipe de jogadores vianenses numa partida [[xadrez epistolar|epistolar]] contra uma equipe de Londres liderada por Steinitz, que venceu o confronto.<ref>[[#Hooper|Hoopper (1992), p.205]]</ref>
 
Embora não tenha participado de nenhum outro torneio após 1867, Kolisch ajudou a organizar outros eventos após adquirir fortuna, tendo patrocinado e ajudado na organização dos torneios de [[Torneio de xadrez de Baden-Baden de 1870|Baden-Baden (1870)]] e [[Torneio de xadrez de Viena de 1882|Viena (1882)]].<ref name="s">[[#Sunnucks|Sunnucks (1976), p.266]]</ref>
 
{{Referências}}
38 603

edições