Diferenças entre edições de "Bernal Díaz del Castillo"

Sem alteração do tamanho ,  18h29min de 11 de junho de 2012
sem resumo de edição
Diferentemente de outros cronistas da época – como Las Casas – Bernal descreve que a finalidade dos expedicionários não era os escravos, sendo obrigados pelos chefes das missões colonizadoras a escravizá-los. Outro ponto em que se difere é a questão do financiamento das expedições. Na descrição do cronista, dá-se a impressão de que essas expedições eram realizadas pelos próprios expedicionários, ocultando qualquer financiamento de sócios capitalistas.
Sua narração é ampla, sendo mestre na descrição e na captação de diálogos dos viajantes. Porém, não sendo um especialista das letras, a gramática, a concordância e a grafia em seu texto não estão sempre corretos e a maneira como escreve é irregular, dificultando, muitas vezes, sua leitura e interpretação.
 
'''
'''REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS'''
 
______DÍAZ Del Castillo, Bernal. Historia Verdadera de la conquista de la Nueva Espana. Madrid: Espasa- Calpe, 1997. 10ª Edição.
6

edições