Diferenças entre edições de "Geraldo Alckmin"

3 bytes adicionados ,  19h40min de 12 de junho de 2012
→‎Caso Alstom: Suíça não tem PM para ter oficiais...
(→‎Caso Alstom: Suíça não tem PM para ter oficiais...)
=== Caso Alstom ===
 
Um fato que vem sendo investigado é o [[escândalo do caso Alstom]]. Segundo o ''[[Wall Street Journal]]'', no mês de maio de 2008 oficiaisautoridades da polícia suíça se reuniram com policiais do Brasil para analisar pagamento de propina, no total de 6,8 milhões de dólares, que suspeitam ter sido pagos, na gestão Alckmin, por funcionários da [[Alstom]] a políticos integrantes do governo do Estado de São Paulo para ganhar uma licitação para instalar equipamentos na expansão do metro de São Paulo.<ref name=ALSTOM1>CREDENDIO, José Ernesto, CARVALHO, Mario Cesar e MICHAEL, Andrea. ''Caixa 2 de FHC citava empresas da Alstom.'' São Paulo e Brasília: Folha de S. Paulo, 4 de julho de 2008</ref><ref name=ALSTOM2>{{Citar web |url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u419184.shtml |publicado=Folha.com |título=Caixa 2 de FHC citava empresas da Alstom |obra=Folha Online |data=4 de julho de 2008|autor= |acessodata=}}</ref><ref name=ALSTOM3>{{Citar web |url=http://www.spiegel.de/international/business/0,1518,563161,00.html |publicado=Spiegel.de |título=DAHLKAMP, Jürgen, SCHMITT, Jörg e SIMONS, Stefan. ''THE FRENCH CONNECTION: Did Alstom Bribe like Siemens?|obra=Spegel Online International, English site |data=7 de janeiro de 2008 |língua= |autor= |acessodata=}}</ref><ref name=ALSTOM4>{{Citar web |url=http://www.offnews.info/verArticulo.php?contenidoID=11027 |publicado=Offnews.info |título=CRAWFORD, David.''French Firm Scrutinized In Global Bribe Probe.'' |obra=Buenos Aires: Offnews.info |data=5 de julho de 2008 |língua= |autor= |acessodata=}}</ref> Notadamente a [[Alstom]] desembolsou US$ 6,8 milhões em propinas para conseguir obter um contrato de 45 milhões de dólares na expansão do metrô de [[São Paulo (cidade)|São Paulo]],<ref name=METRO1>{{Citar web |url=http://www.pnet.pt/pnet/noticia.asp?id=724977''La |publicado=Pnet.pt |título=justice suisse soupçonne le groupe Alstom de corruption |obra=Paris: Le Monde, AFP, e Reuters |data=22 de agosto de 2008 |autor= |acessodata=}}</ref> entre 1995 e 2003, durante as gestões dos governadores Geraldo Alckmin e [[Mário Covas]].<ref name=INVESTIGAR>{{Citar web |url=http://oglobo.globo.com/sp/mat/2008/05/07/metro_vai_investigar_contratos_da_alstom_fechados_nas_gestoes_de_covas_alckmin-427256212.asp |publicado=Oglobo.globo.com |título=Metrô vai investigar contratos da Alstom fechados nas gestões de Covas e Alckmin |obra=O Globo Online |data=7 de maio de 2008 |autor= |acessodata=}}</ref> Em entrevista concedida a [[Heródoto Barbeiro]] na [[TV Cultura]], no dia 5 de julho de 2008, Alckmin alegou não saber de nada.<ref name=ALSTOM5>{{Citar web |url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u402451.shtml |publicado=Folha.com |título=Metrô fechou R$ 556 milhões em contratos irregulares, diz TCE |obra=Folha Online |data=16 de maio de 2008 |autor= |acessodata=}}</ref>
 
Segundo a ''[[Folha de S. Paulo]]'' o ex-governador e atual candidato a prefeito de [[São Paulo (cidade)|São Paulo]] não quis comentar as investigações do caso [[Alstom]]. Segundo sua assessoria de imprensa, o tucano apoia as investigações relativas ao caso e alega ''desconhecer as supostas irregularidades apontadas até agora pelas autoridades''.<ref name=ALSTOM11>{{Citar web |url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u407372.shtml |publicado=Folha.com |título=Serra descarta investigação em caso Alstom; e Alckmin se cala |obra=Mococa, SP: Folha de S. Paulo |data=31 de maio de 2008 |autor= |acessodata=}}</ref>
10 136

edições