Diferenças entre edições de "Apus"

4 614 bytes adicionados ,  02h59min de 16 de julho de 2012
tradução da wiki en
m (r2.7.1) (Robô: A adicionar: af:Paradysvoël (sterrebeeld))
(tradução da wiki en)
|latmin = -90
|latmax = +5
|passagemmeridiano = [[10 de Julhojulho]], às 21h
|area = 206
|magnitude3 = 0
|isbn=85-265-0174-7
}}</ref>
 
==História==
Apus foi uma das 12 constelações criadas por [[Petrus Plancius]] a partir de oservações de [[Pieter Dirkszoon Keyser]] e [[Frederick de Houtman]] e apareceu pela primeira vez em um globo celeste de 35&nbsp;cm de diâmetro publicado em 1597 (ou 1598) em Amsterdã por Plancius com [[Jodocus Hondius]].<ref name="ridpath"/>{{sfn|Ridpath|2001|pp=76-77}}<ref name="UT">{{cite web |url = http://www.universetoday.com/19562/apus/ |title = Apus |last = Plotner |first = Tammy |publisher = Universe Today |date = 13 de outubro de 2008 |accessdate = 22 de abril de 2012}}</ref> Plancius chamou a constelação de "Paradysvogel Apis Indica"; a primeira palavra é "[[ave-do-paraíso]]" em [[língua holandesa|holandês]], e as outras são "Abelha Indiana" em [[língua latina|latim]]; "apis" ("abelha" em latim) é presumivelmente um erro para "avis" ou "ave".<ref name="ridpath">{{cite web |url = http://www.ianridpath.com/startales/apus.htm |title = Apus |last = Ridpath |first = Ian |work = Star Tales |accessdate = 10 de abril de 2012}}</ref><ref name="UT"/> O nome "Apus" é derivado do grego "apous", significando "sem pé", que se referia à ideia ocidental que a ave-do-paraíso não tinha pé, um equívoco gerado pelo fato de que as únicas espécimes disponíveis no ocidente tinham os pés e asas removidos.<ref name="ridpath"/>
 
Após sua introdução no globo de Plancius, a primeira representação conhecida da constelação em um atlas celeste foi em ''[[Uranometria]]'' de [[Johann Bayer]] de 1603, onde ela era chamada de "Apis Indica".<ref name="ridpath"/><ref name="UT"/>
 
== Objetos notáveis ==
 
===Estrelas===
 
*[[alpha Apodis|α Apodis]] é uma [[estrela gigante|gigante laranja]] a 411 [[ano-luz|anos-luz]] de distância, com uma [[magnitude aparente]] de 3,8.{{sfn|Ridpath|2001|pp=76-77}}<ref name="UT"/>
*[[beta Apodis|β Apodis]] é uma gigante laranja a 158 anos-luz de distância, com uma magnitude aparente de 4,2.{{sfn|Ridpath|2001|pp=76-77}}
*[[gamma Apodis|γ Apodis]] é uma gigante laranja a 160 anos-luz de distância, com uma magnitude aparente de 3,9.{{sfn|Ridpath|2001|pp=76-77}}
*[[delta Apodis|δ Apodis]] é uma [[estrela dupla]] com uma sepração de 103 [[segundo de arco|segundos de arco]].<ref name="UT"/> δ<sup>1</sup> é uma [[gigante vermelha]] a 765 anos-luz da Terra, com uma magnitude de 4,7. δ<sup>2</sup> é uma gigante laranja<ref name="UT"/> a 663 anos-luz de distância, com uma magnitude aparente de 5,3. Os componentes podem ser distinguidos com telescópio ou binóculo.{{sfn|Ridpath|2001|pp=76-77}}
*[[theta Apodis|θ Apodis]] é uma gigante vermelha [[estrela variável|variável]] e uma distância de 328 anos-luz com um período de aproximadamente quatro meses,{{sfn|Ridpath|2001|pp=76-77}} ou 109 dias.<ref name="UT"/> Tem uma magnitude aparente máxima de 4,8 e mínima de 6,1.<ref name="UT"/>
 
===Objetos de céu profundo===
*[[NGC 6101]] é um [[aglomerado globular]] de 14ª magnitude, localizado 7° a norte de γ Aps.<ref name="UT"/>
*[[IC 4499]] é um aglomerado globular pouco denso no no [[halo galáctico]] médio-distante.<ref name=ferraro>{{cite journal |author=Ferraro, I.; Ferraro, F.R.; Pecci, F. Fusi; Corsi, C.E.; Buonanno, R |date= agosto de 1995 |title=Young globular clusters in the Milky Way: IC 4499 |journal=Monthly Notices of the Royal Astronomical Society |volume=275 |issue=4 |pages=1057-1076 |publisher=SAO/NASA ADS Astronomy Abstract Service |url=http://adsabs.harvard.edu/abs/1995MNRAS.275.1057F |accessdate=22 de abril de 2012 }}</ref> Sua magnitude aparente é de 10,6,<ref name=seds>{{cite web |url = http://spider.seds.org/ngc/ngc.cgi?I4499 |title = IC 4499 |publisher = Students for the Exploration and Development of Space |accessdate = 22 April 2012 |last = Frommert |first = Hartmut}}</ref> e é único porque é mais jovem que a maioria dos outros aglomerados globulares na região conforme determinado por sua [[metalicidade]].<ref name="ferraro"/>
*[[IC 4633]] é uma [[galáxia espiral]] muito fraca.<ref name="UT"/>
 
== Ver também ==
 
{{Referências}}
 
== Bibliografia ==
 
* {{citation |last = Ridpath |first = Ian |year = 2001 |title = Stars and Planets Guide |publisher = Princeton University Press |isbn = 0-691-08913-2}}
* {{citation |first = Ian |last = Ridpath |others = Wil Tirion |year = 2007 |title = Stars and Planets Guide |publisher = Princeton University Press |isbn = 978-0-691-13556-4 |edition = 4th}}
* {{citation |first = Julius D.W. |last = Staal |title = The New Patterns in the Sky: Myths and Legends of the Stars |publisher = The McDonald and Woodward Publishing Company |year = 1988 |isbn = 0-939923-04-1}}
 
{{Commons|Apus}}