Diferenças entre edições de "África Proconsular"

515 bytes adicionados ,  02h41min de 22 de agosto de 2012
sem resumo de edição
 
Cartago antes de ser anexado em [[146 a.C.]] era uma das regiões mais populosas do império sendo que até [[200 a.C.]] foi a segunda mais populosa de todo império. Também era uma das regiões mais ricas em cereais. Corresponde à actual região do norte da [[Tunísia]] e à costa mediterrânica da [[Líbia]]. O [[África|continente africano]] herdou o nome da província. Entretanto, os árabes designaram a mesma região de '''[[Ifriqiya]]'''. O [[Império Romano do Ocidente]] perdeu a região em 434 quando os [[Vândalos]] invadiram a região e saquearam [[Cartago]], de onde depois saquearam [[Roma]] em 455.
 
==Reconquista Bizantina==
 
[[Bizâncio]] reivindicava áreas perdidas pelo [[Império Romano do Ocidente]] no século V. Com o pretexto de recuperá-las, o imperador bizantino [[Justiniano I]], em [[534]], enviou tropas a região para recuperá-las dos [[Vândalos]]. Em [[698]] tropas árabes vindas de recentes conquistas na [[Líbia]] atacaram a região e puseram um fim total ao domínio romano sobre a África Proconsular - domínio este que existia desde as guerras púnicas contra a cidade de [[Cartago]].
 
 
Utilizador anónimo