Diferenças entre edições de "Cume"

412 bytes adicionados ,  14h14min de 6 de setembro de 2012
 
=={{Ver também}}==
Poema do cume:
 
No alto daquele CUME plantei uma roseira...
O vento no CUME bate, a rosa no CUME cheira...
Quando cai a chuva fina, salpicos no CUME caem, formigas no CUME entram, abelhas no CUME saem...
Quando cai a chuva grossa, a água no CUME desce, o barro no CUME escorre, o mato no CUME cresce...
Quando cessa a chuva, no CUME volta a alegria...
Pois torna a brilhar de novo, o sol que no CUME ardia!
 
 
 
*[[Montanha]]
 
*[[Morro]]
*[[Outeiro]]
Utilizador anónimo