Diferenças entre edições de "Cádi"

68 bytes adicionados ,  14h34min de 9 de setembro de 2012
sem resumo de edição
m (Robô: A adicionar: az:Qazı)
{{SemMais-fontes|data=novembro de 2011| angola=| arte=| Brasil=| ciência=| geografia=| música=| Portugal=| sociedade=|1=|2=|3=|4=|5=|6=}}
Um '''cádi''' (em [[língua árabe{{lang-ar|árabe]], قاضي}} [''Qadi{{transl|ar|DIN|qāḍī}}''], que se lê ghazí) é um [[juiz]] [[Islão|muçulmano]] que julga segundo a [[charia]], o [[direito]] religioso islâmico. Tendo em vista que o [[Islã]] não distingue entre os campos religioso e secular, os cádis tradicionalmente detêm jurisdição sobre todas as questões legais que envolvam muçulmanos. A sentença de um cádi deve basear-se na ''ijma'', o consenso predominante dos [[ulemá]]s, acadêmicos islâmicos. As acusações de favoritismo e corrupção contra os cádis são tão antigas quanto o [[anticlericalismo]], no [[mundo ocidental|Ocidente]].
 
O termo [[língua espanhola|espanhol]] ''alcalde'' ("prefeito") e, segundo alguns lingüistas, o termo [[língua portuguesa|português]] "alcaide" também advêm do árabe ''Qadi''.<ref>[http://www.priberam.pt/dlpo/default.aspx?pal=alcaide Dicionário Priberam - alcaide]</ref>
 
{{Referências}}
{{esboço-religião}}
{{esboço-direito}}
18 242

edições