Abrir menu principal

Alterações

81 bytes removidos ,  03h19min de 13 de setembro de 2012
removendo ficheiro inexistente
A '''Praça do Ferreira''' é uma [[praça]] da cidade de [[Fortaleza]]. Seu nome é referência ao [[Boticário Ferreira]] que em [[1871]], enquanto presidente da câmara municipal, fez uma reforma na área e urbanizou o espaço. Desde [[2001]], após pesquisa popular, a praça do Ferreira foi oficialmente declarada ''Marco Histórico e Patrimonial de Fortaleza'' pela lei municipal 8605 de [[20 de dezembro]] de 2001. Na praça do Ferreira, aglutinaram-se grandes empreendimentos e grandes eventos da sociedade e da cultura fortalezense durante o final do [[século XIX]] até a metade do [[século XX]] quando a cidade passou por uma expansão urbana e pela criação de outros pólos de desenvolvimento. Em [[30 de janeiro]] de [[1942]] o [[Sol]] foi vaiado por um grupo de pessoas na praça depois de 2 dias de tempo nublado e chuvas. O ano de 1942 foi de [[estiagem]] no [[Ceará]]
 
[[Ficheiro:/Users/hairon/Desktop/foto1.jpg|Vista antiga de Praça do Ferreira.]]
== História ==
Antigamente, por volta de 1839,o que hoje é a belissima praça do ferreira era apenas um espaço cheio de areia com um poço localizado em sua parte central. existia um predio com o nome de predio do ensino mutuo, onde hoje é a [[caixa economica federal]]. E extinto pelo boticario ferreira, havia o beco do cotovelo, que era povoado por casas em diagona. No ano de 1842 o boticario Antonio Rodrigues Ferreira foi eleito presidente da camara municipal e aumentou as ruas da cidade, dando um traçado muito defeituoso. Criou a praça, em 1871 foi chamada de praça do ferreira, em referencia ao boticario, e antes teve o nome de feira-nova, pedro II e praça da municipalidade. Em destaque, antes disso, existia os sobrados de comendados machado e o do pacheco, construídos respectivamente em 1825 e o outro em 1831.