Abrir menu principal

Alterações

3 bytes adicionados ,  17h58min de 9 de outubro de 2012
sem resumo de edição
''Ryūkyū-rettō'') são um grupo de [[ilha]]s ao sul de [[Kyushu]] e de [[Taiwan]]. A parte norte é conhecida como ''Satsunan Shotō'' e pertence à província de [[Kagoshima]], enquanto a metade sul é conhecida como ''Ryūkyū Shotō'', pertencendo a [[Okinawa]] (que é a maior ilha do arquipélago das Ryūkyū), ambas no [[Japão]]. O [[arquipélago]] tem uma família de línguas própria, as [[línguas ryukyuanas]], de que faz parte a [[língua okinawana]].
 
Existiu um '''[[Reino de Ryūkyū'']]"' independente (conhecido no ocidente como Reino de [[Léquias]], em antigos relatos [[Portugal|portugueses]] do [[século XVI]]), ocupando a maior parte do grupo de ilhas, desde a ilha [[Yonaguni]], a sudoeste, até Amami Oshima, ao norte. No [[século XVII]], obteve status tributário do imperador chinês (o qual teoricamente deveria ir em seu socorro, se isto fosse necessário). Em [[1609]], uma expedição que partiu de [[Satsuma]], em [[Kyushu]], capturou o reino. Depois disso, os reis de Ryūkyū passaram a prestar tributo também ao imperador japonês.
 
Em [[1879]], o [[governo Meiji]] do Japão anunciou a anexação das ilhas. A China se opôs, e o ex-presidente dos Estados Unidos, [[Ulysses S. Grant]] foi chamado para intermediar. Ele decidiu favoravelmente ao Japão.
Utilizador anónimo