Diferenças entre edições de "André Fernandes"

1 489 bytes adicionados ,  17h02min de 22 de setembro de 2006
sem resumo de edição
 
'''André Fernandes''' foi sertanista de renome nos meados do século XVII em São Paulo. [[Silva Leme]], que o chama Paulista e dos maiores sertanistas, descreve sua família no volume VII de sua «''Genealogia Paulistana''». Filho de Manuel Fernandes Ramos e de Susana Dias, nasceu por volta de 1578. Órfão de pai em [[1589]], acompanhou a mãe e o tio [[Belchior Dias Carneiro]] para as terras virgens de Parnaiba onde o capitão-mor Jorge Correia deu sesmaria aos ditos povoadores - doação aumentada com as sesmarias requeridas pelo segundo marido de Susana, Belchior da Costa, em 26 de dezembro de 1610.
'''André Fernandes''' foi sertanista de renome nos meados do século XVII em São Paulo.
 
Nestes limites, à margem esquerda do [[rio Anhembi]], André Fernandes ergueu mais tarde a capela de Santana, e tendo devassado os sertões vizinhos, pesquisando ouro, obteve para si uma sesmaria limítrofe em [[23 de setembro]] de [[1619]]. Formou-se um povoado em torno da capela, depois feita matriz , e a [[14 de novembro]] de [[1625 ]] foi criada a vila de [[Parnaíba]] por provisão do conde de [[Monsanto]], donatário da capitania
 
Em novembro de 1613 André Fernandes partiu d SP AF chefiiando a bandª q foi ao sertão (goiano) do r Paraupava, c/ 30 companheiros, determinada pelo provedor das m Diogo d Quadros.Em 1623 patente d Cap da infantaria da ordenança d SP, foi escolhido pª chefiar a monção q levaria D Vitoria d Sá à cid/ d Assunção, tomando depois parte na arrancada P contra o Guairá em 1628 ficando nesta guerra até fins d 1632. "Uno de los maiores piratas y más cruel matadores d indios q fueron al certon".Ver 24-1-32.]
 
Esteve na bandeira de [[Francisco Bueno]] que em [[1637]] atacou diversas reduções no sertão do [[Taipe]], atual [[Rio Grande do Sul]]. Morto Francisco Bueno, a tropa foi dividida entre [[Jerônimo Bueno]] e André.
Utilizador anónimo