Diferenças entre edições de "Usina Hidrelétrica de Baguari"

10 bytes adicionados ,  15h10min de 16 de dezembro de 2012
m
sem resumo de edição
(predefinição)
m
 
 
{{Usina hidrelétrica
|nome_usina = Baguari
== História ==
 
O leilão A-5 da [[Agência Nacional de Energia Elétrica]] (ANEEL), em [[2005]], foi vencido pelo consórcio UHE Baguari, formado pelas empresas [[Neoenergia]] (51%), [[Cemig]] (34%) e [[Furnas]] (15%). A licença de implantação foi emitida pela Fundação Estadual do Meio Ambiente em 15 de dezembro de [[2006]].
 
Para a construção do empreendimento foi contratado um consórcio formado pela Engevix Engenharia S.A., Construtora Norberto Odebrecht S.A., e Voith Siemens Hydro Power Generation Ltda. A obra durou 36 meses, um a menos que o prazo previsto<ref>[http://www.portalpch.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=2872:20102009-presidente-lula-inaugura-usina-hidreletrica-baguari-nesta-quinta-feira&catid=1:ultimas-noticias&Itemid=98 Presidente Lula inaugura Usina Hidrelétrica Baguari nesta quinta-feira]. Portal PCH, 20 de outubro de 2009</ref>.
O investimento na construção chegou a R$ 516 milhões. Deste total, 70% foram financiados pelo [[Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social]] (BNDES)<ref>[http://www.cemig.com.br/SalaDeImprensa/Documents/CemigNoticias/CN10%20-%202009.pdf Energia para quase meio milhão de pessoas]. CEMIG Notícias, novembro de 2009</ref>.
 
== Meio Ambienteambiente ==
 
A utilização de turbinas do tipo bulbo, mesma tecnologia que será empregada na Usina de Santo Antônio (RO), reduziu consideravelmente a área alagada pela barragem da hidrelétrica. Seu reservatório ocupa 16 km², o que resulta numa relação de 8,75 MW por km².
114 782

edições