Diferenças entre edições de "Espectrofotometria"

2 bytes removidos ,  15h27min de 26 de janeiro de 2013
m
sem resumo de edição
m (Typo fixing, replaced: ultravioletas → ultravioleta utilizando AWB (8686))
m
[[Ficheiro:Spektrofotometri.jpg|thumb|334px|Espectrofotometria]]
A '''espectrofotometria''' é o método de análises óptico mais usado nas investigações biológicas e fisicofísico-químicas. O [[espectrofotômetro]] é um instrumento que permite comparar a radiação absorvida ou transmitida por uma [[solução]] que contém uma quantidade desconhecida de [[soluto]], e uma quantidade conhecida da mesma substância.
 
Todas as substâncias podem absorver energia radiante, mesmo o [[vidro]] que parece completamente transparente absorve [[comprimento de onda|comprimentos de ondas]] que pertencem ao [[espectro (física)|espectro]] visível. A [[água]] absorve fortemente na região do [[radiação infravermelha|infravermelho]].
É o método de análise usado para determinar qualitativamente e quantitativamente a presença de metais.
O método consiste em determinar a presença e quantidade de um determinado metal em uma solução qualquer,
usando como princípio a absorção de radiação ultravioleta por parte dos elétrons que, ao sofrerem um salto quântico depois de devidamente excitados por uma chama de gás acetileno a 3000 graus celsius, esses devolvem a energia recebida para o meio, voltando assim para a sua camada orbital de orígemorigem.
A energia devolvida na forma de um fóton de luz, por sua vez, absorve a radiação ultravioleta emitida pela fonte específica (cátodo ôcooco) do elemento químico em questão.
Dessa forma, elétrons que estão contidos na solução, e que sofrem também um salto quântico e que não pertencem ao mesmo elemento que constitui o cátodo ôcooco que está sendo usado no momento, não serão capazes de causar uma interferência, isso porque eles absorverão apenas radiação com comprimento de onda referente ao elemento químico do qual fazem parte.
 
=== Espectrofotometria no Infra-vermelho ===
60 586

edições