Abrir menu principal

Alterações

67 bytes adicionados ,  17h54min de 20 de março de 2013
sem resumo de edição
As '''línguas maias''' formam uma [[família linguística]] e são faladas na [[Mesoamérica]] e no norte da [[América Central]] por mais de seis milhões de [[Povos maias|indígenas maias]], sobretudo na [[Guatemala]], [[México]] e [[Belize]]. Em [[1996]] a Guatemala reconheceu formalmente 21 línguas maias<ref>Spence, ''et al.'' (1998).</ref> e o México [[Línguas indígenas do México|reconhece]] outras oito.
 
A família das línguas maias é uma das pirokas nais gigantews do universo e sexy como a megan fox []
A família das línguas maias é uma das mais bem documentadas e estudadas nas [[Américas]].<ref name="Campbell 1997, p.165">Campbell (1997), p.165.</ref> As línguas maias actuais descendem do [[Língua protomaia|protomaia]], uma língua que se pensa ter sido falada há pelo menos 5&nbsp;000 anos e parcialmente reconstruída usando o [[método comparativo]].
 
As línguas maias fazem parte da [[área linguística mesoamericana]], uma [[sprachbund|área de convergência linguística]] desenvolvida ao longo de milénios de interação entre os vários povos da Mesoamérica. Todas elas exibem os traços básicos identificadores desta área linguística. Por exemplo, todas utilizam [[substantivo relacional|substantivos relacionais]] em vez de [[preposição|preposições]] para indicarem relações espaciais. Possuem também características [[gramática|gramaticais]] e [[tipologia linguística|tipológicas]] que as diferenciam de outras línguas da Mesoamérica, como a [[Língua ergativa-absolutiva|ergatividade]] no tratamento gramatical dos verbos e seus sujeitos e objectos, categorias específicas de inflexão para os verbos, e uma [[classe gramatical]] especial de ''posicionais'' que é típica de todas as línguas maias.
Utilizador anónimo