Diferenças entre edições de "Henrique Capriles Radonski"

2 012 bytes adicionados ,  18h41min de 21 de março de 2013
(ampliação)
 
Também em [[2008]], disputou as eleições para o governo do estado de [[Miranda (estado)|Miranda]], tendo derrotado o candidato chavista [[Diosdado Cabello]]. Em [[2012]], Capriles Radonski conquistaria um novo mandato, desta vez após derrotar o candidato [[Elías Jaua]].
 
Após ter anunciado sua intenção de participar nas eleições primárias da [[Mesa da Unidade Democrática]] em [[12 de fevereiro]] de [[2012]], que definiria o candidato presidencial que enfrentaria Hugo Chávez nas [[Eleição presidencial da Venezuela em 2012|eleições presidenciais de outubro daquele ano]], Capriles Radonski superou o concorrente [[Pablo Perez]] para se tornar o candidato da oposição venezuelana.<ref>[http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2012-02-11/partidos-de-oposicao-na-venezuela-se-reunem-para-definir-candidato-contra-chavez Partidos de oposição na Venezuela se reúnem para definir candidato contra Chávez] - Agência Brasil, 11 de fevereiro de 2012</ref><ref>[http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2012/02/120213_venezuela_radonski_cj_pu.shtml Candidato único da oposição quer despolitizar disputa com Chávez, dizem analistas] - BBC Brasil, 13 de fevereiro de 2012</ref> No pleito presidencial para o presidente da [[República Bolivariana da Venezuela]] de [[7 de outubro]] de 2012, Capriles saiu derrotado por Hugo Chávez, por mais de 10% percentuais (44% a 55%) dos votos. Apesar da derrota, foi a votação mais expressiva que a oposição a Chávez recebeu em quatro eleições presidenciais.<ref>[http://www.dnoticias.pt/actualidade/mundo/348340-capriles-aceita-derrota-e-felicita-chavez-pela-vitoria Capriles Radonski aceita derrota e felicita Hugo Chávez pela vitória eleitoral] - Diário de Notícias, 8 de Outubro 2012</ref>
 
Em [[2013]], após o anúncio de [[Eleição presidencial da Venezuela em 2013|novas eleições presidenciais]], em virtude da morte de Chávez em março do mesmo ano, Henrique Capriles Radonski confirmou que seria o candidato da oposição.<ref>[http://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2013/03/10/capriles-confirma-que-sera-candidato-da-oposicao-a-presidencia-da-venezuela.htm Capriles confirma que será candidato da oposição à Presidência da Venezuela] - UOL Notícias, 10 de março de 2013</ref>
 
{{Referências}}
9 008

edições