Abrir menu principal

Alterações

535 bytes removidos, 05h42min de 23 de março de 2013
bot: revertidas edições de 201.54.162.195 ( erro : -25), para a edição 31206779 de EmausBot
<ref>inserir fonte aqui</ref>[[Imagem:Bastion coehoorn.png|thumb|250px|Planta de um baluarte de orelhões.]]
[[Imagem:Fortbourtange.jpg|thumb|250px|Cinco baluartes regulares do corpo principal da Fortaleza de Bourtange, [[Países Baixos]].]]
[[Imagem:3 Muralhas da Fortaleza de Valença.JPG|thumb|250px|Baluartes duplos da [[Praça-forte de Valença]], [[Portugal]].]]
 
== História ==
Há quem julgue, que oO baluarte surgiu pela primeira vez na [[Itália]], em fins do [[século XV]], tendo alcançado a sua máxima expressão com o [[marquês de Vauban]], na [[França]], na segunda metade do [[século XVII]].
 
Era utilizado como plataforma de [[artilharia]], para cruzar fogos com os baluartes vizinhos, impedindo o assalto inimigo às [[cortina (arquitetura militar)|cortinas]] situadas entre eles.
 
Observe-se que [[Duarte de Armas]] em [[Portugal]] e outros autores do início do [[século XVI]] - período em que a nova terminologia ainda não era muito difundida - empregaram o termo "baluarte" para designar qualquer obra fortificada.
 
Um fato curioso, datada aproximadamente no ano de 1440 a.C. (''isto é, no mesmo periodo que foi escrito o [[livro de Salmos]]''), é que a Bíblia já usava esse termo '''Baluarte''', para designar essa obra defensiva em batalhas, como pode ser encontrada no [[livro de Salmos]] 18:2 :
 
''"O Senhor é o meu rochedo, o meu lugar forte, e o meu libertador; o meu Deus, a minha fortaleza, em quem me refugio. Ele é o meu escudo, a força da minha salvação, o meu '''baluarte'''".''
 
== Características ==